A Mensagem Positiva de Koe no Katachi – Rie Saito | Entrevista

por António Costa

Koe no Katachi (também conhecido por A Silent Voice), o recente filme de anime que aborda a surdez de uma estudante de liceu, e o bullying com que ela lida, foi um sucesso crítico e comercial no Japão. Mas o que é que a comunidade surda pensa sobre o filme?

Para descobrir, a Buzzfeed Japan sentou-se com Rie Saito – uma membro proeminente da comunidade surda em Tóquio.

Saito tem 32 anos, ficou surda com 1 ano devido a uma meningite, lançou um livro e uma série de televisão sobre o trabalho dela como anfitriã num clube de Tóquio em 2010, e agora faz parte do parlamento, representando a secção de Kita em Tóquio.

“Sinto que este filme deveria ser visto tanto por educadores como por crianças. Não só porque serve para compreender melhor a surdez, mas também para ajudar a reduzir o bullying. As personagens deixam um impacto muito forte”

 

Quando lhe perguntaram se ela lidou com bullying semelhante ao que apareceu no filme, Saito respondeu que apesar de alguns colegas acharem, na escola primária, a forma dela falar estranha e a tratarem por “alien”, o que ela experienciou não foi tão mau como no filme, e a maior parte das pessoas à volta dela foram extremamente boas.

 

A Mensagem Positiva de Koe no Katachi - Rie Saito

 

No fim da conversa, Saito falou ainda de um aspeto único que viu nos cinemas: muitas das exibições tinham legendas em japonês para pessoas surdas. Acrescentou que estava “profundamente agradecida” pelas legendas, mas que ainda assim considerou que devia ter sido colocado o alfabeto fonético para crianças que não conseguem ler kanji.

Koe no Katachi, realizado por Naoko Yamada da Kyoto Animation, saiu no mês passado no Japão, e é baseado na manga da Yoshitoki Oima.

 


Mais informações sobre o filme em:

Koe no Katachi


 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.