3 Áreas Influenciadas pelo Anime e pela Cultura Japonesa

O anime é uma das melhores formas de arte para contar histórias, com liberdade de expressão para qualquer género e para qualquer público, o que contrasta com os desenhos animados tradicionais ocidentais que são geralmente direcionados às crianças. O anime obteve sucesso noutros países para além do Japão, primeiramente, quando séries clássicas como Dragonball ou Sailor Moon foram lançadas.

 

3 Áreas Influenciadas pelo Anime e pela Cultura Japonesa

 

Há muitas pessoas, espalhadas pelo mundo, que começaram a interessar-se pelo Japão e pela sua cultura após assistirem a estes anime. O início dos anos 90 é por alguns referido como “anime boom“. Devido a isto, a cultura anime evoluiu cada vez mais, especialmente quando as convenções relacionadas com anime começaram a surgir com regularidade. A evolução desta cultura começou a ter impacto noutras áreas e no dia a dia de todos os fãs – o exemplo mais básico é que alguns deles decidiram e foram inspirados a aprender japonês – mas muitas outras coisas se seguiram, e é sobre algumas delas que falamos de seguida.

 

Indústria da Música

A música é um fator importante nos anime e outras formas de arte japonesa. Tal como no ocidente, onde as soundtracks que acompanham as cenas de cinema mais marcantes contribuem para aumentar a popularidade das mesmas e vice-versa. A música que ouvimos nos animes geralmente complementam a história, e a combinação dos efeitos visuais e musicais torna os animes ainda mais marcantes.

Ouvir a música mais tarde lembrar-nos-á novamente de uma personagem, uma cena em particular ou do anime em geral, o que contribuirá para aumentar o nosso gosto tanto pelo anime quanto pela música. Em termos musicais, isto abriu uma nova perspetiva e um novo mundo para os amantes de anime, gerando interesse por músicas do género épico japonês ou K-Pop, que são os mais comuns em anime. Não é descabido afirmar que estes géneros talvez nunca se tivessem feito ouvir no ocidente se não fossem os consumidores de anime. Obviamente, o anime contribuiu para que estes estilos tivessem mais espaço na indústria musical.

 

Jogos de azar

Parte do trabalho dos criadores de slot machines e jogos de casinos é apelar ao interesse do consumidor por essas mesmas máquinas ou jogos. O sucesso destes é “diretamente proporcional” ao quão aliciantes são para os jogadores. E que melhor maneira de atrair interesse para estes jogos do que arranjar uma forma de conectá-los aos jogadores apelando aos seus interesses? Por essa razão, muitas slot machines e jogos de casino são “temáticas”, procurando explorar os gostos dos consumidores de forma a cativá-los. Com o aumento da popularidade do anime e da cultura japonesa, tornando-se um passatempo global nos últimos anos, não é de estranhar que se tenha tornado também num dos temas utilizados pelos criadores de jogos de casino. Nomeadamente, tendo em conta que muitos dos apreciadores de anime são também utilizadores ávidos por tecnologia e Internet, as slots inspiradas em anime são uma aposta de muitos casinos online com depósitos baixos que procuram cativar novos jogadores.

As slot machines baseadas em anime não são apenas visualmente atrativas, como combinam a estética e gráficos fantásticos com jogabilidades sólidas e interessantes acompanhadas de bónus de boas-vindas irresistíveis. Uma verdadeira tentação para os fãs de anime e jogos de azar.

 

Moda, Cosmética e Cirurgias Plásticas (cosplay)

Um dos passatempos mais comuns associados à cultura japonesa, aos anime e mesmo à música que os acompanha é o cosplay. O cosplay é um termo inglês formado pela junção das palavras costume e roleplay (disfarce e interpretação). É considerado um hobby, que ganhou popularidade em convenções, onde as pessoas se disfarçam de personagens ligados à cultura pop japonesa, de videojogos, animes, mangas, etc., mas podem também incluir qualquer outro tipo de caracterização relacionada à cultura pop.

Os cosplayers, pessoas que adotaram o cosplay como forma de vida, fazem-no porque são fãs extremos dos personagens que representam ou das respetivas obras a que essa personagem pertence e porque arranjaram uma forma de rentabilizar esta atividade através de popularidade nas redes sociais. Existem casos em que as pessoas simplesmente sentem-se melhor na pele e características destes personagens do que na sua própria. Com isto, muitas roupas, adereços, estilos de maquilhagem e outras características físicas de anime ou das suas personagens tornaram-se um estilo de moda e beleza próprio, popular até mesmo fora do contexto de cosplay.

Num contexto mais avançado, os cosplayers não se limitam apenas a se disfarçar, mas também interpretar a personalidade do personagem escolhido. Igualmente, para os fãs mais extremos de uma determinada personagem ou do estilo de moda e beleza em geral, não há limites para o quão estão dispostos a ir para se aproximar do objetivo, seja na vertente psicológica ou física. Da mesma forma que no ocidente as pessoas recorrem a cirurgias plásticas para retardar o envelhecimento, corrigir problemas genéticos ou tornar-se mais parecido com uma estrela de cinema, os fãs de anime e K-Pop recorrem a cirurgias para se tornar mais parecidos aos seus ídolos ou apenas com características populares das personagens de anime (ex. orelhas de elfo, língua bifurcada).

 

Artigos Relacionados

Blue Period Episódios 10 e 11 – Opinião

Gokushufudou Anime – Foi ou não foi uma Desilusão?

Kami Kuzu Idol confirma Adaptação Anime