Boku no Hero Academia Temporada 5 Episódio 10 e 11 – Opinião

Ahhhhhhh finalmente o episódio que tanto esperava saiu! Vocês não imaginam como fiquei quando li a cena do novo poder do Midoriya. É que nem sonhava que havia a possibilidade de acumular quirks dentro do One for All… As dicas passaram-me todas ao lado! E foi no episódio 10 que tivemos a confirmação de um pormenor que mudará o rumo da história.

Dado que o episódio 11 é a continuação da batalha, irei analisar estes dois episódios em conjunto como se fossem um só.

 


Podes consultar AQUI todas as opiniões semanais de Boku no Hero Academia Temporada 5.


 

Boku no Hero Academia Temporada 5 Episódio 10 e 11 – Opinião

O episódio 10 começa com uma chamada de Gran Torino a All Might onde este responde às dúvidas do pupilo relativamente à estranha conversa entre Midoriya e o primeiro possessor do One For All. A informação não poderia ser mais intrigante:

“O tempo ainda não chegou”.

 

 

A bomba é deixada e o nosso foco regressa para o último confronto entre a turma A e B. Desta vez Shinso representa a turma B, com Monoma ao comando.

Foram dois episódios belíssimos de desenvolvimento de personagens pelo que me vou focar em algumas delas e em tudo o que demonstraram ao longo destes dois episódios.

 

Neito Monoma

O “líder” da turma B tem tanto de irritante quanto de genial. É impossível não ficarmos eternecidos quando compreendemos pelo que este passou. Tal como Shinso, cresceu num ambiente em que todos tinham medo de ser amigos dele com receio que este usasse a sua quirk neles. Como o mesmo diz quando compara Shinso a ele: não têm quirks de “herói” mas mesmo assim querem ser um. Monoma vai mais longe e ao longo destes dois episódios explora um bocadinho do que deseja para o seu futuro. Ele sabe que dificilmente será “O herói”, o protagonista de qualquer história, mas quer ser o melhor suporte de sempre, aquele que fará a diferença. Se isto não é mentalidade de herói então não sei o que é!

 

 

Claro que a personalidade obsessiva de Monoma e aquela irreverência de postura não abonam a seu favor xD Mas penso que o autor quis transmitir isso mesmo: uma personagem com os seus defeitos de personalidade mas que não é má pessoa. Na realidade usa a sua quirk de forma exímia e tem um dos maiores intelectos da série.

Consegue montar uma estratégia para que, mesmo preso, consiga ajudar os colegas a ganhar. Um estrategista nato com ácido na língua mas que acaba por nos fazer sorrir e apaixonar.

 

 

Ochaco Uraraka

É fácil cair no erro de personagem secundária feminina para fanservice e futuro par romântico do protagonista. Felizmente Kouhei-sensei não seguiu a linha tradicional shounen e deu conteúdo ao claro par romântico do protagonista. Uraraka é mais que a amiga próxima de Midoriya. É uma das heroínas com melhor desenvolvimento em termos de poderes, objetivos e personalidade. Ela foi de menina medrosa que queria ajudar os pais financeiramente para alguém que quer ser a melhor heroína possível e salvar toda a gente.

Nestes dois episódios ela saltou em pleno ar, sem pensar duas vezes, para agarrar Deku e o controlar, com o seu próprio corpo. Ela arriscou a sua vida para salvar o amigo e agiu numa velocidade que mais nenhum colega o conseguiu fazer. Poderão alegar: ah e tal ela gosta dele, claro que fez isso. Verdade, ninguém duvida que a velocidade tenha tido um “Q” de prefrência emocional, contudo ela teve a destreza mental para pedir ajuda a Shinso para usar o Brainwash no seu amigo e o salvar.

 

 

Depois disso, vemos ela a regressar à batalha e fazer tudo o que o Midoriya lhe disse, inclusive a parte do: “Não te preocupes comigo”. Mesmo que o primeiro impulso tenha sido seguir o coração, ela voltou para trás e foi ajudar os restantes colegas.

Se tudo isto mais os seus moves de karateka não vos convecem quanto à evolução dela, não sei que mais dizer!

 

Minoru Mineta

Claro que adorei a evolução da Mina sobretudo em termos de novos poderes. Mas decidi dar só um pouco de spotlight a um personagem que é maioritariamente usado como comic relief.

Ao longo destes dois episódios ele foi incansável. Aquela personagem que fugia do perigo a 7 pés está agora a enfrentar os colegas poderosos da turma B de frente. Mais, no episódio 11 vemos que ele montou uma estratégia e conseguiu potenciar ao máximo um poder que, aparentemente, não se poderia fazer grande coisa com ele. Pelo menos eu fiquei surpreendida. A sua quirk foi essencial para a vitória e a forma como ele a usou bem mais inteligente do que poderia esperar.

 

 

O que é o novo poder de Izuku Midoriya?

Algo que acredito que a maioria não estava à espera é que os poderes de todos os portadores de One for All fossem igualmente transmitidos durante o processo. E eis que surge um plottwist que muda invariávelmente o rumo da história.

E voltamos a rever as palavras que Gran Torino reproduziu da antecessora de All Might:

“O tempo ainda não chegou”.

 

 

Desta vez All Might compreende o verdadeiro peso destas palavras: o tempo para algo acontecer, algo que está neste momento a acontecer a Midoriya. Nesta altura o ex-nº1 já desconfia que algo se está a passar e o quê. Mas pela expressão nunca na vida pensou que fosse acontecer e logo com o seu pupilo…

 

Boku no Hero Academia Temporada 5 Episódio 10 e 11

O aparecimento do Blackwhip

Daigoro Banjo é o primeiro utilizador do One for All a aparecer e a falar com Midoriya. Com uma personalidade carismática, positiva e estilo sensei, Banjo entra a reclamar com Deku. Foi tão engraçado de ver o pequeno aspirante a herói todo assustado perante tal manifestação de poder e o grandalhão todo a reclamar com ele e a listar tudo o que ele fez mal e a explicar logo de seguida como usar o poder… dele!!

 

 

Oh pah a cena foi linda, tão linda!
Ainda me arrepio só de pensar e fiz questão de rever algumas vezes antes de escrever.
Daigoro Banjo, de nome de herói Lariat, é o quinto utilizador do One for All e possui uma quirk de nascença chamada: Blackwhip. Esta consiste numa espécie de ramos negros que saiem das mãos e que permitem “agarrar” coisas.

Contudo, se no tempo de Lariat a quirk se manifestava de uma forma singela e inofensiva, com o “cultivo” da mesma ao longo de várias gerações de utilizadores de One for All assume agora um poder desmedido e que ultrapassa as funções e força que detinham na altura.

 

 

O que esperar de Boku no Hero Academia após o Joint training arc?

O encontro com Lariat termina com mais uma revelação (confirmação vá) do que aí vem: ele terá mais 6 quirks! De quirkless Midoriya terá 7 quirks ao todo, sem contar com o poder do One for All. Podemos esperar grandes coisas de Midoriya… Mas também do outro lado.

Vamos lá pensar: esta escalada de poderes não pode ser em vão, não é mesmo?! Se deste lado as coisas estão assim, haverá algo que nos espera por parte dos vilões. Isto é basicamente um upgrade forte de toda a classe de poderes presentes na franquia. Podemos claramente esperar uma evolução por parte de todos e um acelerar para uma nova era na luta contra All for One e Liga dos Vilões.

 

 

Vilões e poderes à parte, o Joint Training Arc termina com uma vitória da turma A e com Shinso a ser admitido no curso de heróis. Apesar de não ter demonstrado lá muita felicidade aquando o anúncio de Aizawa, todos ficamos felizes pela tão aguardada transferência de curso de Shinso. Naquele momento o ex-aluno de estudos gerais estava demasiado frustrado para conseguir saltar de alegria. Apesar de ter conseguido alcançar o seu objetivo teve um “banho de noção” e percebeu o quão estava “atrás” quando comparado aos seus colegas do curso de heróis.

Foi uma jornada incrível desta personagem e pensar que iremos ter um sucessor de Aizawa é só lindo. Com uma nova personagem inserida no curso de heróis e os mais recentes acontecimentos com Deku, espera-nos um novo começo seja por parte dos alunos, seja por parte das frações que se encontram em movimento.

 

E esta foi a minha opinião de Boku no Hero Academia Temporada 5 Episódio 10 e 11.

 

Artigos Relacionados

To Your Eternity Episódio 16 – Opinião

SHINee no topo das tabelas da Oricon com “SUPERSTAR”

K-Pop – O Melhor do Mês de Julho de 2021