Gal*Gun 2 Complete Edition – Análise ao Jogo

Gal*Gun 2 é a aguardada sequela do infame shooter japonês para adultos. Com a ajuda de um anjo, e os seus aparelhos, embarcamos assim numa missão de exorcizar raparigas possuídas por um demónio de maneira eufórica.

A sequela inclui ainda um elenco completamente novo com várias opções românticas e introduziu a opção de jogar com controlos de movimento e óculos de realidade virtual. O jogo apresenta ainda um botão de pânico conhecido como “mãe entrou no quarto” que altera o aspeto do jogo para um RPG clássico sem conteúdo adulto.

Recentemente foi ainda lançada uma versão completa do jogo que inclui todos os DLC’s lançados para o jogo ao longo dos anos.

 

Gal*Gun 2 Complete Edition
Plataformas Steam, Playstation 4, Switch
Publicadora PQube
Desenvolvedora INTI CREATES CO., LTD.
Género Shooter,  Simulador de encontros
Data de Lançamento Julho de 2018

 

Graças à Pqube vamos assim poder analisar e dar-vos a conhecer o jogo Gal*Gun 2.

 

 

Gal*Gun 2 Complete edition – Análise ao jogo

Gal*Gun é uma franquia que encaixa no popular género nicho japonês de jogos pervertidos para adultos. Este género de jogos é facilmente reconhecido pela enorme sexualização das personagens femininas de forma pervertida sem nunca ultrapassar o risco.

Como é habitual nos jogos deste género, Gal*Gun 2 apresenta uma jogabilidade e enredo extremamente ridículo e sem sentido. No qual o jogador, com a ajuda de um anjo, dispara contra raparigas possuídas por um demónio brincalhão para as exorcizar de uma maneira eufórica.

 

 

Embora este seja um género de jogo nicho, com uma fórmula demasiado reutilizada no Japão, Gal*Gun consegue surpreender e tornar-se numa aventura divertida e desafiante.

Gal*Gun 2 prova assim que nem sempre a história e a jogabilidade dos jogos têm que fazer sentido e serem realistas para se tornar numa boa experiência. Por vezes os jogadores procuram apenas uma aventura extremamente ridícula e sem o sentido que este género de jogos consegue oferecer!

 

Gal*Gun 2 Complete edition – História

O jogo segue um rapaz do secundário que aceita ajudar um anjo a combater um demónio pervertido que atacou a sua escola. Ao longo do enredo vamos conhecendo novas personagens e interesses amorosos. Dependendo das nossas respostas e decisões perante essas personagens podemos obter um dos 8 finais possíveis.

Para além dos finais especiais do jogo, podemos ainda desbloquear momentos doki-doki para as personagens secundárias e assim convidá-las para o nosso quarto. Durante este modo o jogador tem que exorcizar a rapariga e remover o maior número de demónios possíveis num curto espaço de tempo.

 

 

Ao  avançar na história e ao realizar missões secundárias vamos ainda desbloqueando vários upgrades e objetos para decorar o nosso quarto. Alguns destes upgrades e objetos são desbloqueados ao completar os vários finais, fazendo com que o jogador tenha que passar várias vezes para desbloquear tudo.

 

 

Embora a história do jogo seja simples, e curta, os diferentes finais proporcionam uma enorme rejogabilidade ao Gal*Gun 2. A história destaca-se ainda de forma positiva perante os outros jogos do género sendo extremamente ridícula de uma forma divertida e positiva.

 

Gal*Gun 2 Complete edition – Jogabilidade

Durante as missões Gal*Gun 2 pega no género de jogos de tiros em carril, ou seja, o jogador é movido automaticamente enquanto dispara contra os alvos no menor tempo possível até chegar ao final do percurso.

Durante este percurso o jogador tem a opção de disparar ou utilizar um poderoso aspirador, capaz de sugar tanto os pequenos demónios como as roupas das raparigas possuídas tendo assim uma maior pontuação.

 

 

Para além das missões para a história o jogo oferece ainda várias batalhas contras Chefes e missões secundárias onde temos que encontrar vários objectos ou proteger certa personagem feminina.

Este modo de jogo é fácil de se perceber e apresenta uma curva de dificuldade acrescida, que se torna cada vez mais desafiante ao longo do jogo. Porém,  algumas das missões tornam-se demasiado repetitivas por estarmos sempre a realizar as mesmas tarefas.

 

Juízo Final

Embora Gal*Gun 2 seja um jogo longe de perfeito, este consegue-se destacar facilmente dentro do seu próprio género. Conseguindo assim ser um dos jogos pervertidos mais populares disponíveis no ocidente.

A história e jogabilidade extremamente ridícula e sem sentido conseguem ainda trazer várias horas de diversão aos jogadores, sendo assim uma franquia fácil de se recomendar aos fãs do género.

 

 

Artigo relacionado:

Gal Gun Double Peace | Análise PC

 

Artigos Relacionados

Hyrule Warriors: Age of Calamity lança 3º trailer ‘Recordações Esquecidas’

Granblue Fantasy: Versus antevê Cagliostro em Novo Trailer

Tales of Crestoria lança Curta Animada do Prólogo do jogo