Penguin Highway – Análise

Conheces Penguin Highway? É um filme anime do Studio Colorido, que está cheio de pinguins, de fantasia, emoção, comédia e mistérios! Gostei muito da história e do facto de terem introduzido um animal muito peculiar na história: os pinguins.

 

Penguin Highway – Análise

 

Filme Penguin Highway – História

A história começa com Aoyama, um rapaz que anda no quarto ano, que se apresenta ao espectador falando dos seus interesses e objetivos para o futuro. Ao mesmo tempo, este fala-nos da segunda personagem principal, uma jovem mulher que trabalha no dentista e também é a pessoa pela qual Aoyama está apaixonado.

 

 

Como o próprio nome do filme indica, a história foca-se em torno de um misterioso aparecimento de pinguins na cidade onde a personagem principal habita. O início do filme é realmente irónico, porque dei por mim a ver dois temas completamente opostos a serem abordados: pinguins e os caminhos que estes seguem e… peitos. Sim ouviram bem ahahaha

 

 

Esperem por cenas carismáticas e repletas, por vezes, de inocência de um rapazinho quando se encontra sozinho com a sua amada. Achei muito interessante o facto de se focar mais nos pensamentos e pontos de vista de uma criança, abordando este assunto com momentos do dia-a-dia ou situações mais familiares.

 

 

Acompanhado pelos seus amigos, Aoyama parte numa aventura para investigar a razão pela qual os misteriosos pinguins apareceram. Através de acontecimentos muito divertidos e cómicos, Penguin Highway vai-nos imergindo cada vez mais na sua história.

Para além disso, aguardem por momentos de mistério e investigação, que permitirão conhecer melhor cada personagem e o quão importante será o seu role ao longo da narrativa do filme.

 

 

Personagens

Ayoama é uma criança inteligente, que se interessa em aprender algo novo todos os dias. Este tem uma paixoneta por uma jovem mulher, que é assistente no dentista aonde este vai, mas também a sua “mestre de xadrez”. Ayoama quando se dirige a ela, chama-a de “One-san”.

 

 

One-san (irmã mais velha), é uma mulher misteriosa que trabalha num dentista, é amiga de Ayoama, passando tempo com ele e ensinando-lhe xadrez no seu tempo livre. Esta também irá ajudar Ayoama na sua investigação dos pinguins, revelando-lhe ao longo do tempo alguns segredos sobre ela.

 

 

Uchida é o amigo e colega de turma de Aoyama. Ao contrário deste, Uchida é um rapaz tímido e mais medricas. Em algumas situações mais assustadoras, este foge ou não sabe o que fazer, ficando sem reação. Achei muita piada a esta personagem, tanto pelo seu lado fofo, mas também pelo seu lado menos corajoso.

 

 

Hamamoto é a melhor aluna da turma e a rival em xadrez do Ayoama. Ao contrário de Uchida, esta menina é mais corajosa e aventureira. Ao longo do filme vemos estas três personagens a tornarem-se amigas e a investigarem juntas o mistério dos pinguins e da enigmática esfera de água, à qual Hamamoto chama de “oceano”.

Como não podia faltar num filme, há sempre os rivais ou maus da fita. Apresento-vos então Suzuki, o rufia da turma, conhecido por se meter com outras crianças e fazer travessuras com os seus dois companheiros. Todavia, garanto-vos que este também vai ser uma personagem relevante no filme.

 

 

Animação

A animação do filme Penguin Highway está bastante pormenorizada e muito bem trabalhada a nível da tonalidade da paleta de cores utilizada (cores vibrantes, claras, frias e pastel), das paisagens (elementos da natureza, edifícios, etc), como também dos detalhes a nível dos ambientes interiores (café, quarto, sala de aula, etc). Na minha opinião isso enriquece a animação quando sobreposta com personagens de design mais simples, mas ainda assim cuidadosamente trabalhadas.

 

 

Achei os pinguins muito fofos, já para não falar dos elementos como a forma de água chamada “oceano” ou a floresta secreta, que tornam a atmosfera ainda mais misteriosa e fantasiosa.

 

 

Banda Sonora

A banda sonora deste filme fez-me relembrar alguns dos filmes do Studio Ghibli, pelas parecenças no estilo de música, ritmos e instrumentos (flautas, pianos, violinos, tambores, trompetes, entre outros) utilizados na orquestra. Realço que as músicas utilizadas ao longo da ação, proporcionam alguma adrenalina, curiosidade, calma e entusiasmo no decorrer do filme.

Disponibilizo-vos um link para o comprovarem:

 

Para além disto, Penguin Highway também possui uma música intitulada “Good Night”, escrita e cantada por Hikaru Utada, e produzida pela Epic Records Japan.

Podem ouvir um excerto da música no trailer oficial da TOHO Animation:

 

Pontos-Chave: Temas

Um filme com uma história interessante e apelativa! Dentro dos temas apresentados, esta envolve um elemento natural, a água, e um animal, o pinguim. Ao longo do enredo, vai-se criando uma intriga profunda envolvendo as personagens e despertando a curiosidade no espectador.

 

 

Um dos pontos peculiares neste filme é o facto de se abordar vários temas como “a curiosidade na aprendizagem”, “caminhos (highway), “o amor”, “o fim do mundo”  e até temas metamorfizados na narração, como “o ciclo da vida”, “as lendas”, “a família” e “a morte”.

 

 

Juízo Final

Penguin Highway é um anime repleto de fantasia, mistério e comédia, e com uma animação muita boa! É um filme anime que pode ser dirigido para todas as faixas etárias, pois possui episódios do quotidiano e cultura geral.

 

 

Aconselho vivamente a todos a ver este filme, pois desde o primeiro minuto que não consegui descolar do ecrã!

Trailer com legendas em inglês:

 

E tu, já viste este filme? O que achaste?

 

 

Artigos Relacionados

Demon Slayer: Mugen Train bate vários Recordes de Bilheteira

Tsuki ga Michibiku Isekai Douchuu – Novel recebe Anime

Date A Bullet – 2.º Filme Anime revela Trailer