Dragon Ball | Análise

por Renato Sousa
Dragon Ball

O que seria de um site de Anime e de Manga sem referências ao mítico “Dragon Ball“? Série que acompanhou a vida de miúdos e graúdos portugueses durante muitos anos e, em alguns casos, ainda o continua a fazer?

Com base nesta questão, hoje vou enriquecer o ptAnime. Sem mais demoras, tem início a análise ao anime inspirado na obra fantástica de Akira Toriyama. Preparados para uma viagem aos bons velhos tempos?

 

Dragon Ball | A História

Bulma é uma jovem rapariga que se lançou numa viagem pela Terra com o objetivo de reunir as 7 Bolas de Cristal. Estas preciosidades, também conhecidos pelo nome “Bolas do Dragão”, quando se encontram todas na posse de alguém permitem a essa pessoa convocar o Dragão Mágico, Shenlong, e realizar o seu desejo mais profundo.

Acontece que esta longa jornada vai muito cedo levar Bulma ao encontro de Son Goku. Um pré-adolescente que ficou a viver sozinho nas montanhas, após a morte do seu avô. Goku tem na sua posse a Bola de Cristal de 4 estrelas (as Bolas do Dragão são numeradas de 1 a 7 por estrelas). Um objeto muito importante para ele, pois representa o seu querido avô.

Com uma ligação tão forte entre Son Goku e o mítico artefacto, Bulma vai ser incapaz de o convencer a entregar-lhe aquela relíquia. A única solução passa por arrastar consigo o rapaz, naquela que vai ser uma grande aventura em busca de todas as Dragon Balls.

Esta companhia, proporcionada por aquele que é o grande protagonista desta série, vai ser, na verdade, a salvação da rapariga. Os perigos causados por outros seres humanos, pela própria Natureza, e ainda os de caráter sobrenatural vão ser na maioria das vezes resolvidos pelo rapaz. Goku, apesar de inocente e de certa forma ignorante, é um autêntico guerreiro.

Como não poderia deixar de ser, as grandes travessias não são apenas feitas de confrontos com inimigos. Com o decorrer de Dragon Ball, Son Goku e Bulma vão ter de enfrentar poderosos malfeitores. Porém, também vão fazer muitos amigos. Inclusive, alguns vão se juntar a eles na procura pelas Bolas de Cristal.

 

Anime Dragon Ball

 

Dragon Ball | O Enredo

Começando pelo próprio enredo, este está sem dúvida muitíssimo bem construído.

Ao longo dos 153 episódios que dão vida a Dragon Ball, com exceção de meia dúzia de capítulos que fazem a interligação entre sagas, nota-se que há um crescendo em termos de história.

Com o decorrer da série, esta vai se tornando cada vez mais interessante. Verifica-se sempre um aumento de qualidade quando se compara uma saga com a anterior.

A meu ver, este é um dos pontos principais que levou esta grande obra ao sucesso. Como quem já viu este anime se deve recordar, os primeiros episódios nem são nada por ai além. Todavia, uma vez ultrapassados, torna-se evidente a evolução da obra.

A parte da concepção das personagens também não escapa aos elogios.

Após uns dez, vinte capítulos, em que o autor apresenta a sua estrutura base a este nível, a mesma mantém-se viva e vai sendo reforçada com o decorrer da série. Isto é, novas personagens vão surgindo nos pontos fulcrais das sagas, entrando em Dragon Ball para ficarem até ao fim.

Melhor do que isso! Ao longo do anime ficamos a conhecer o passado de todos aqueles que têm um papel minimamente importante no desenrolar da história. Fica assim patente que Toriyama tinha tudo muito bem definido e planeado desde muito cedo.

Outro aspeto que contribuiu seriamente para Dragon Ball chegar onde chegou foi o desenvolvimento dos poderes das personagens. Começamos com golpes de artes marciais bastante básicos. Poderes que são complementados por alguns objetos mágicos, como é o caso do Bastão Mágico.

Todavia, com o aparecimento de novas personagens dotadas de capacidades diferentes das de Son Goku, começam a surgir técnicas como o Kamehameha e o Dodonpa (Dodon Ray).

 

As Bolas de Cristal

Nesta análise, não posso deixar de exaltar aquilo que dá nome a esta obra.

As Bolas de Cristal conseguem andar vários episódios sem estar no centro das atenções. No entanto, quando chega à altura de se chamar o Dragão, estas relíquias tornam imediatamente aquele capítulo épico.

Toda aquela preparação que antecede o aparecimento de Shenlong ajuda a isso e demonstra bem o protagonismo que o criador de “Dragon Ball” conseguiu atribuir às Dragon Balls.

 

Dragon Ball | Os Ambientes

Sem dúvida que os ambientes criados enriquecem as várias cenas de Dragon Ball, sendo este mais um aspeto em evidência na produção.

Hoje em dia podemos não nos aperceber tão bem disso. Contudo, é preciso lembrar que Dragon Ball começou a ser transmitido em 1986. Com a tecnologia daquele tempo a anos-luz da que hoje nos acompanha, é preciso dar valor ao trabalho desenvolvido pela Toei Animation.

Afinal de contas, não deve ter sido nada fácil transitar para o ecrã a visão futurista de Akira Toriyam. Ele que lá se lembrou de criar cápsulas capazes de armazenarem qualquer objeto, de colocar veículos em circulação sem a necessidade de estes pousarem no chão, entre outras invenções.

 

Dragon Ball

 

Dragon Ball | As Personagens

Começo por Son Goku. Um rapaz que, para além da grande aptidão que tem para as artes marciais, é portador de um coração puro, típico daquele que as crianças normalmente possuem: inocente e ingénuo.

Bulma, as única coisas que a preocupam são a sua beleza e o arranjar um namorado. Contudo, é também de referir que esta personagem tem um talento nato para o desenvolvimento de aparelhos de alta tecnologia. Certamente, uma futura cientista de topo.

De referir ainda Master Roshi (Tartaruga Genial), Yamcha e Krillin. Este último e Goku vão ficar grandes amigos, depois de juntos sobreviverem aos treinos rigorosos de Roshi.

Por falar no Tartaruga Genial, este Mestre das Artes Marciais possui uma grande experiência de vida, fruto da idade que tem e de todas as suas vivências. Existe ainda uma outra coisa que não lhe falta. A perversidade. Bulma que o diga. Ela e todas as mulheres atraentes que fazem parte de “Dragon Ball”.

Quanto a Yamcha, este poderoso guerreiro é um dos casos presentes nesta obra que vai passar de inimigo a amigo de Goku. Bulma e a procura pelas Bolas do Dragão vão dar uma ajuda, neste último caso.

Porque também é importante mencionar inimigos, encerro esta parte da análise com uma referência a Pilaf.

Acompanhado pelos seus fiéis guarda-costas, Mai e Shu, Pilaf procura dominar o planeta. Todavia, este vai ver Son Goku intrometer-se nos seus planos constantemente, para sua grande infelicidade. Devido à diferença de poder entre os dois, esta personagem servirá mais para aumentar a vertente cómica da série do que para fazer frente a Goku, ou a quem quer que seja.

 

Dragon Ball Wallpaper

 

Dragon Ball | Juízo Final

Caríssimos leitores, prestaram atenção a tudo aquilo que foi dito ao longo deste artigo? Então já perceberam que, se ainda não viram Dragon Ball, está na altura de o fazerem. Principalmente se forem fãs de séries de ação e de aventura.

No início, o facto de serem muitos episódios poderá ser uma forte oposição à nossa vontade. Não obstante, existem partes tão viciantes que a certa altura nem nos apercebemos do progresso que já fizemos nesta escadaria de 153 degraus.

Volto ainda a referir a abundância de bons valores presentes em Dragon Ball. Principalmente através de Son Goku. O socorro prestado aos seus amigos e às pessoas inocentes sempre que estas necessitam é apenas um bom exemplo. Muitas outras atitudes deste jovem ao longo da série vão-nos comprovar que Goku tem realmente um coração puro.

Antes de vos deixar à mercê dos vídeos que se seguem, quero ainda acrescentar um último aspeto, também ele virado para quem ainda não viu Dragon Ball.

O primeiro capítulo do manga apareceu na Weekly Shonen Jump a 3 de dezembro de 1984. Por seu lado, o primeiro episódio do anime estreou (no Japão) a 26 de fevereiro de 1986. Tantos anos depois, as vendas de “Dragon Ball” continuam elevadas. É caso para se interrogarem: porque será?

Por outro lado, se fazem parte do lote de pessoas que já assistiu a esta obra, então não se esqueçam de partilhar a vossa opinião com a comunidade.

 

 

 

 

 

Comentários via Facebook
0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.