Attack on Titan Volume 24 – Análise Manga

por Renato Sousa
Shingeki no Kyojin Volume 24 - Análise Manga

Attack on Titan Volume 24 – “It Catches Up To You”

Este volume 24 do manga “Attack on Titan” volta a ter especial foco em Marley e, em particular, em Reiner Braun. Este personagem volta a assumir-se como o grande protagonista de mais um volume da obra, ao mesmo tempo que, lentamente, se vai aproximando a grande guerra que está em perspectiva.

 

Attack on Titan Volume 24 - Análise Manga

 

Marley continua como pano de fundo

A primeira metade deste volume fez novo acompanhamento à evolução dos candidatos a herdarem os poderes dos Titãs: (Gabi, Falco, Zofia e Udo). Assim como às linhas de pensamento dos atuais Guerreiros (Warriors) sobre a grande guerra que está para despoletar.

Porém, estas situações estiveram longe de ser motivo de destaque. De facto, o centro das atenções foi novamente Reiner, acompanhado por Annie e Bertolt. O primeiro deste trio é claramente o personagem principal da história, neste momento.

Ironicamente, Reiner era visto como o “elo mais fraco” de todos os Guerreiros da sua altura. Agora, tem recebido esta “benesse” de Hajime Isayama, com os atuais desenvolvimentos a girarem em seu torno.

 

Attack on Titan Volume 24 - Análise Manga

 

Antes do primeiro ataque à Wall Maria

Feito o ponto de situação em Marley, o leitor é enviado pelo mangaka em nova viagem ao passado. Concretamente, à altura em que foram selecionados os Warriors da geração de Reiner para irem até Paradis e recuperarem o Founding Titan. Por outras palavras, são nos apresentados os momentos que antecederam o começo desta história.

Como já era sabido, ao destino chegaram Reiner, Bertolt e Annie, tendo Marcel Galliard ficado pelo caminho. Todavia, só agora ficou explicado o porquê de Marcel ter dado a vida para salvar Reiner. Assim como o porquê de Reiner, que poucas hipóteses tinha de ser um Guerreiro, ter sido selecionado. Dois acontecimentos que estiveram diretamente ligados.

Basicamente, Marcel fez aquilo que Falco está agora a tentar fazer com Gabi. Querendo proteger o irmão, Marcel conseguiu que Reiner fosse selecionado para o Armored Titan, em vez de Porco Galliard.

Marcel passou então a viver com o remorso de colocar a vida de Reiner em perigo, em prol da do irmão. Algo que tinha que lhe pesar mesmo muito na consciência. Só isso explica que, ao pedido de desculpa endereçado a Reiner, Marcel tenha escolhido sacrificar-se para salvar a vida do Armored Titan, quando este é atacado por Ymir, no início da missão.

Posto isto, acompanhamos então o trio sobrevivente, até ao dia do seu ataque à Wall Maria. O acontecimento com que arrancou Shingeki no Kyojin.

 

Shingeki no Kyojin Volume 24 - Análise Manga

 

O início de Attack on Titan de uma outra perspetiva

Todavia, a viagem não fica por aqui. O autor força o leitor a reviver a primeira parte de Shingeki no Kyojin, desta vez do ponto de vista dos Guerreiros que viajaram de Marley até Paradis.

Como tal, as suas linhas de pensamento e as suas decisões são nos apresentadas com detalhe suficiente para podermos compreender o lado deles. Momentos que não deixam de ser interessantes para o leitor, pois algumas das cenas, vividas a solo pelo trio de Titãs, nunca nos tinham sido apresentadas.

Destaque para o momento em que Annie tenta seguir um membro da Military Police Brigade. Vi mal, ou tratava-se de Kenny Ackerman?

 

Attack on Titan Volume 24 - Análise Manga

 

A Família Tybur

A segunda parte deste volume é um pouco mais complexa e traz elementos nunca antes visto para cena.

É o caso da família Tybur, que vimos a saber ser quem controla Marley, a partir dos “bastidores”. Os diálogos entre Willy Tybur e Theo Magath do Exército deixam isto bem claro.

A pergunta que faço por esta altura é: mas será só Marley que está sob o controlo dos Tybur? O debate dos Guerreiros sobre a ausência desta família nos últimos tempos, para só aparecer neste momento de “aperto” de Marley também deixa algumas dúvidas no ar.

Seja como for, vou deixar este mistério para o próximo volume. Afinal de contas, o grande anúncio de Willy Tybur (sobre a guerra) aos representantes de todas as nações (excluindo Paradis), ficou adiado para essa altura. O que será que vem aí?

 

Shingeki no Kyojin Volume 24 - Família Tybur

 

Quem será o War Hammer Titan?

O que não podia deixar de abordar neste artigo é a menção ao War Hammer Titan. Será este o Titã que me faltava na lista dos Titãs principais da obra? Tudo indica que sim. Mas quem será, e qual o seu poder?

Os diálogos deixaram claro que este poder está na posse dos Tybur. Mas em quem? Pelo histórico de Marley e de Eldia, não aponto a minha atenção para Willy Tybur. Talvez algum personagem que ainda não nos tenha sido apresentado?!

 

Shingeki no Kyojin Volume 24 - Análise Manga

 

Reencontro entre Eren e Reiner

A parte mais digna de referência deste volume começa com as visitas do recruta Falco a um hospital de Eldians, a fim de dialogar com alguém que se diz chamar Krueger. Assim, sorrateiramente, Hajime Isayama começa a envolver o leitor numa parte da história que atinge o ponto de maior suspense nas últimas páginas deste volume 24.

O dito momento diz respeito ao encontro do tal Krueger com Reiner, por intermédio de Falco. Antes de dizer o que quer que seja, é o próprio Reiner que identifica Krueger como sendo Eren Yeager. Uma cena capaz de deixar qualquer leitor em choque e extremamente confuso.

Como foi Eren parar a Marley e como se conseguiu infiltrar? Como está tão diferente? Se Eren está em Marley, será o único? Qual o plano traçado para a sua presença ali? Estas são algumas das questões que podemos fazer por esta altura.

A verdade é que se passaram 4 anos na história desde que transitamos de Paradis para Marley. Pessoalmente, esqueci-me deste apontamento. Acredito que não tenha sido o único. Afinal de contas, já lá vão alguns capítulos deste que arrancou o arco de Marley. Tempo suficiente para concentramos o nosso foco em Marley e esquecermos tudo o resto.

Contudo, este esquecimento não significa que Eren e companhia também estiveram parados na praia a ver o mar. Por muito que seja um local completamente novo para eles.

 

Attack on Titan Volume 24 - Análise Manga

 

Attack on Titan Volume 24 – Análise (Conclusão)

Basicamente, Isayama andou a distrair-nos com Marley, a fazer-nos esquecer Paradis, para agora despoletar o espanto e a confusão na nossa mente.

Mas creio que seja mais do que isso! Depois de nos ter habituado a ver Eren, Mikasa e companhia a terem que defender as Muralhas e o território em redor, pode estar em marcha um contra ataque, na “casa” do grande inimigo. A confirmar-se, este será um acontecimento que vai contra tudo aquilo a que Shingeki no Kyojin nos habituou. Só o facto de se colocar esta hipótese já é motivo de grande surpresa.

Assim termino a análise ao vigésimo quarto volume compilado desta história que, graças ao seu desfecho, foi capaz de impregnar um estado de ansiedade quase insuportável nos leitores. Especialmente por mérito das suas últimas páginas. Um estado que não seria tão sentido, não fossem os acontecimentos que antecederam o reencontre entre Reiner e Eren bastante calmos.

Kodansha Comics, despacha-te a publicar o volume 25!

 

 

Comentários via Facebook
0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.