Attack on Titan Wings of Freedom | Análise PC

por Ricardo Nogueira
Attack on Titan Wings of Freedom | Análise PC
Meio ano após ter sido lançado no Japão, Attack on Titan Wings of Freedom chegou recentemente à Europa. Esta adaptação do famoso anime (por sua vez uma adaptação da manga de Hajime Isayama) foi desenvolvido pelo estúdio Omega Force, já conhecido por diversos jogos, entre eles a saga Dynasty Warriors. Está disponível em…

Attack on Titan Wings of Freedom

Jogabilidade - 6
Estética - 9
Som - 4

6.3

Bom

Pontos fracos: Jogabilidade repetitiva. Música genérica

Pontos fortes: Muito divertido. Excelente adaptação da série.

Avaliação dos Leitores do ptAnime: Sê o primeiro!
6

Meio ano após ter sido lançado no Japão, Attack on Titan Wings of Freedom chegou recentemente à Europa. Esta adaptação do famoso anime (por sua vez uma adaptação da manga de Hajime Isayama) foi desenvolvido pelo estúdio Omega Force, já conhecido por diversos jogos, entre eles a saga Dynasty Warriors. Está disponível em várias plataformas (PS3, PS4, Vita, XboxOne e Windows).

 

Attack on Titan Wings of Freedom | Sinopse

Attack on Titan Wings of Freedom relata a história do anime de Attack on Titan, desde a inscrição de Eren Jaeger no 104º Corpo de Cadetes até ao final da primeira temporada. De notar que o jogo é apresentado de tal maneira que assume que o jogador viu ou leu a obra original. O prólogo, com o aparecimento inicial do Colossal Titan, é completamente ignorado. Vou ser sincero: eu vi o anime, e para além da animação e ação excelentes, nunca percebi a loucura à volta da série. Mas o jogo é pura e simplesmente divertido, e apesar de não dizer o mesmo da série, posso dizer que gostei do jogo. Uma coisa é ver, outra coisa é de facto estar a controlar um Cadete enquanto ele “voa” e rodopia por entre as casas e torres no interior da Wall MariaSacos de enjoo são recomendados.

Aqui estão alguns minutos da minha experiência com o jogo:

 

Attack on Titan Wings of Freedom | Jogabilidade

O jogo tem 2 modos principais: Attack e Expedition. O modo Expedition é basicamente um modo livre, onde escolhemos um personagem e um local para podermos andar a cortar Titãs sozinhos ou online com amigos, com várias mini missões e objetivos. No modo Attack, temos a oportunidade de experienciar os eventos da série, sobre a forma de Action-RPG. Missões, cutscenes, e o modo Camp compõem este modo. Aqui, podemos falar com os diversos personagens da série e descobrir o que lhes passa pela cabeça e que dilemas pessoais eles enfrentam enquanto assistem aos seus camaradas a morrer, ficarem desmembrados, e às suas casas a serem destruídas.

 

attack_on_titan_wof_sasha

Os horrores da guerra são infinitos.

 

Os controlos são intuitivos (se bem que recomendo um comando para jogar em Windows!), e depois do tutorial rapidamente ficamos prós a navegar por entre as árvores ou casas do universo de Attack on Titan, a desmembrar e degolar Titãs como quem colhe flores. As mecânicas de controlo aéreo das famosas Mobility Gears da série estão bem programadas, assemelhando-se a um jogo do Homem-Aranha mas com a velocidade e adrenalina aumentadas. Os elementos RPG estão bem presentes, sendo possível obter diferentes materiais e peças por amputar os vários membros dos inimigos, que mais tarde podem ser vendidos ou usados para fazer upgrades às nossas lâminas, bainhas ou às mobility gears. Para isso, o jogo encoraja a primeiro cortar os Titãs aos pedacinhos antes de acabar com eles ao invés de ir direitos ao pescoço. Assim, ganhamos mais materiais e pontos de estilo, que no final da missão se convertem em dinheiro que pode ser usado para comprar materiais raros.

 

attack_on_titan_wof_loja

“Parabéns, ganhas-te 1190 funds nesta missão! Agora paga-nos se quiseres ter armas decentes para continuar a receber salário!”

 

Podemos também fazer level up aos personagens e aprender técnicas e atributos novos, podendo mesmo ensinar signature moves de um Cadete a outro, como por exemplo, ensinar o Eren a fazer o rodopio característico do Levi. Para sair do modo Camp e enveredar pelas missões, basta falar com o Terceiro Hokage – uh, quer dizer, o Comandante Keith.

 

attack_on_titan_wof_keith

Fala comigo quando souberes fazer o Kage Bunshin, Eren!

 

São nestas missões de combate que Attack on Titan Wings of Freedom se torna caótico. Mas digo isto nos melhores dos sentidos! Somos atirados para uma invasão de Titãs que reflete o feeling do anime na perfeição. Os Cadetes inexperientes estão cada um por si, e podemos ver os personagens icónicos da série a voar e aterrar por lá, podendo mesmo aproximar-nos deles e “recrutá-los” para fazermos um mini-esquadrão, ao qual podemos dar ordens de ataque, defesa ou alerta.

 

attack_on_titan_wof_recruit

Temos à escolha vários lutadores experientes, rápidos e eficazes. Ah, e também temos o Armin.

 

A partir daí, é cada um por si num delicioso caos! Attack on Titan Wings of Freedom transmite uma sensação de campo de guerra espetacular. As casas que formam o cenário podem ser destruídas pelos Titãs, temos de estar em olho no gás da nossa mobility gear e no estado das nossas lâminas, tendo de recorrer a Cadetes de Recarga espalhados pelo cenário se estivermos em baixo. Eventualmente, sinais de fumo verde vão irromper pelo céu, indicando um camarada que precisa de ajuda, e podemos optar por ignorá-lo ou ir ao resgate. Um dos momentos que mais me impressionou pela positiva foi quando vi dois desses pedidos de socorro aparecer, mas só tinha gás suficiente para ajudar um, sem nenhum Cadete de Recarga por perto. Depois de decidir quem ajudar, encontrei um corpo de um camarada meu a caminho, e reparei que podia usar as botijas de gás dele para recarregar as minhas, e acabei por poder salvar os dois! Foi uma situação que na minha opinião transmitiu o feeling da série na perfeição e, volto a dizer, adorei este feeling mais a jogar do que a ver o anime.

 

attack_on_titan_wof_distress

O fumo verde indica um cadete que precisa de ajuda. Podemos ver no mapa os nossos aliados a azul e os inimigos a vermelho.

 

As missões terminam quando aparece um Abnormal Titane aí podemos optar por lançar o nosso próprio sinal de fumo – uma coluna azul que nos faz entrar em Decisive Battle. Todos os cadetes convergem na nossa posição e juntos atacamos o Boss, até ao degolamento final ilustrado por uma sequência cinemática em tempo real cheia de estilo. É mesmo muito épico.

Mas nada é sem o seu senão. Attack on Titan Wings of Freedom recomenda-se em doses moderadas, porque tudo o que descrevi acima é basicamente o jogo todo. Rapidamente se torna repetitivo se jogarmos horas a fio, e visto que foi pensado para jogadores que já conhecem a série, a progressão na história não é grande incentivo para continuar a jogar. O jogo deixa uma excelente impressão inicial, mas depois de algum tempo damos por nós a fazer o mesmo uma e outra vez. Nem a variedade de Titãs (com as suas diferentes classes, tal como no anime) nem o eventual desbloqueio de personagens novas são suficientes para adicionar à experiência. No final de contas, o jogo é um simulador de matar Titãs muito bom, mas nada mais do que isso. Sinceramente, não acho que valha o preço atual de 59,99€.

 

attack_on_titan_wof_character

Os meus vizinhos ouviram o meu entusiasmo.

 

Attack on Titan Wings of Freedom | Som e Estética

Em termos gráficos, Attack on Titan Wings of Freedom não tem muito de negativo que se lhe aponte. O estilo é o cell shade que já estamos habituados a ver em jogos de adaptação de anime, muito bem executado, com as texturas detalhadas e o ocasional sangue que nos cobre quando chacinamos um inimigo. Os cenários possuem as cores vibrantes do anime, e o menu de pausa apresenta uma ilustração 2D do nosso personagem atual de alta qualidade.

 

attack_on_titan_wof_profile

Ai Mikasa, quando me convidas para Su casa?

 

A interface do jogo tem um design moderno e atraente, com os ecrãs de loading a relatar factos da história do anime e os ataques finais com animações e efeitos dinâmicos que encaixam muito bem. Para além dos ocasionais problemas de câmera quando se usam alguns ataques finais, e de alguns problemas no editing de algumas cutscenes (de repente aparece o Colossal Titan e já estamos a jogar. O que é isso?não há muito de negativo para dizer. Já a música, devo dizer que me desiludiu. O sound design não está nada mau, podendo ouvir o woosh e o hiss quando voamos e o satisfatório som de corte quando desmembramos um Titã, juntamente com as vozes japonesas originais. Mas depois da série, com a sua banda sonora característica e francamente muito boa, a música de Attack on Titan Wings of Freedom desilude imenso, resumindo-se a umas tracks genéricas de ação, em nada reminiscentes às do anime.

 

Attack on Titan Wings of Freedom | Opinião Final

Um jogo de ação com elementos de RPG bastante entusiasmante. Attack on Titan Wings of Freedom é uma adaptação da série original muito boa, que transmite o feeling de Attack on Titan na perfeição. Os fãs hardcore da série (que muitos há!) vão de certeza adorar. Os mais casuais, vão correr o risco de achar o jogo repetitivo após as primeiras 2 horas. Independentemente, amantes do género hack-n-slash vão encontrar divertimento e adrenalina em Attack on Titan Wings of Freedom. A minha recomendação é esperar que o preço diminua.

 

attack_on_titan_wof_mikasa

Anda comigo ver os aviões, Mikasa.

 

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.