Comic Con Tóquio Proíbe Crossplay Masculino

por Raquel Cupertino
Comic Con Tóquio Proíbe Crossplay Masculino

A Comic Con Tóquio, a filial japonesa da Comic Con International: San Diego, fez levantar as sobrancelhas da comunidade de fãs com a proibição específica do Crossplay masculino. A regra está presente nas guidelines oficiais do evento no que diz respeito ao cosplay. Esta acaba por ser um gatilho por entre restrições como proibição de trajes militares reais, proibição à exposição excessiva de pele, e à de trajes transparentes.

 

Comic Con Tóquio Proíbe Crossplay Masculino

Comic Con Tóquio Proíbe Crossplay Masculino

 

Esta proibição em particular, visando apenas homens vestidos como personagens do sexo feminino mas não o oposto, é surpreendentemente comum nos eventos de cosplay no Japão. De acordo com Naoko Tachibana (fotógrafa que construiu carreira a fotografar minorias LGBT) os eventos colocam esta específica proibição por medo de abstenção dos visitantes que não concordam com tal.
Segundo Naoko:

 

“Apesar de toda a exposição de transsexuais e cross-dressers nas televisões e revistas japonesas, os homens estão proibidos de se vestirem do sexo oposto no único sítio onde seria mais aceitável fazerem-no: nos eventos de cosplay.”

 

O staff do evento receia atrair um grande número de “homens pouco atraentes vestidos como mulheres”. A prática de crossplay costumava ser inteiramente proibida num evento em Osaka, que teve lugar num edifício propriedade do governo, mas os moradores foram capazes de convencer o governo a suspender a proibição.

A Comic Con San Diego não tem nenhuma proibição equivalente na sua convenção.

 

Comic Con Tóquio Proíbe Crossplay Masculino

 

A prática de vestir como uma personagem de um género diferente é conhecido em inglês como “crossplay“, e apesar de carregar ainda um forte estigma social com ela, é algo que podemos encontrar com frequência nas convenções de anime e cultura pop.

No entanto, no Japão, ao passo que crossplay de sexo feminino para masculino é universalmente aceite e incrivelmente popular, a maioria dos grandes eventos proíbe os participantes do sexo masculino de se vestirem como personagens femininos.

 

“Independentemente do sexo, cosplay é sobre a transformação, razão pela qual este possui um sem número de possibilidades de cross-dressing”. “Mesmo que sejas um rapaz normal, não há razão para te sentires envergonhado! Experimenta o cosplay feminino!”

 

Para os mais reticentes, sugerimos a visualização das fotos abaixo de alguns crossplayers do sexo masculino para feminino, da autoria de Naoko.

Acredito que depois das imagens terão que concordar comigo: merecem uma oportunidade para expor todo o seu trabalho e ser o centro das atenções tanto quanto as inúmeras mulheres andrógenas vestidas de personagens masculinas nas convenções.

 

[pp_gallery gallery_id=”45525″ width=”280″ height=”340″]

 

Fonte: Anime News Network & Rocket News 24

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.