Crash Landing on You – 5 coisas que aprendemos com este K-Drama

por Nayuki
Crash Landing on You Seri and Jung Hyuk

AVISO: Este artigo contém spoilers. Se não quiseres ler este, podes ver os nossos 5 motivos para assistires Crash Landing on You.

Estou de volta para falar sobre mais uma série coreana! Desta vez sobre a aclamada Crash Landing on You.

Se participam em grupos de K-dramas ou seguem atentamente as notícias da área, sabem que Crash Landing on You foi uma série muito comentada nos últimos meses. Com todo este furor, é óbvio que eu fiquei super curiosa. Não gosto muito de acompanhar as séries semanalmente, então aproveitei o fim-de-semana prolongado de Carnaval para assistir Crash Landing on You.

Quando comecei a organizar as minhas ideias para escrever este artigo, percebi que talvez fosse melhor fazer dois artigos. Senti necessidade de falar de alguns acontecimentos da história, no entanto queria também motivar as pessoas a assistirem.
Sendo assim, hoje vamos falar das mensagens que Crash Landing on You nos transmitiu e da profundidade das mesmas. Lembrando que este artigo possui spoilers pesados da série.

 

Crash Landing on You – 5 coisas que aprendemos com este K-Drama

 

1. Dinheiro e fama não garantem estabilidade em todas as áreas da vida

Quando olhamos para a família da Seri, percebemos muito bem isto. Apesar do status social e da vida luxuosa, a falta de afeto que paira sobre os membros da família é de partir o coração. Desdenho e inveja são sentimentos mais presentes do que respeito e amor.

É óbvio que dinheiro traz muitas comodidades consigo, mas não conquista tudo. Existem coisas que precisam ser cultivadas de outras maneiras.

Crash Landing on You Seri and Jung Hyuk Switzerland

 

2. Resiliência é a palavra-chave

A nossa protagonista feminina, Yoon Seri, é um exemplo de força. Apesar do seu passado conturbado e da atribulada relação com a família, ela conseguiu sempre dar a volta por cima. Como qualquer ser humano, teve momentos onde fraquejou e realmente sentiu que não valia a pena continuar, mas foi capaz de o fazer.

Mesmo quando acidentalmente vai parar à Coreia do Norte, ela encara a situação da melhor maneira possível, nunca deixando o seu carisma desvanecer-se.

 

3. Não existe definição de relacionamento perfeito

Quando cheguei ao fim dos dezasseis episódios, o meu coração estava completamente apertado. Eles fincam juntos e conseguem superar os obstáculos, mas vão passar apenas duas semanas do ano juntos… E daí? Foi a maneira que ambos encontraram de continuarem juntos. Nem a Seri, nem o Jung Hyuk conseguiram seguir as suas vidas como se nada tivesse acontecido.

Não é um romance “tradicional”, onde as personagens casam, vivem juntas e até constroem uma família. Mas é a fórmula que se encaixou nas vidas dos dois.

Crash Landing on You Seri and Jung Hyuk ep16

 

4. A busca exacerbada pelo poder raramente compensa

Fomos apresentados a várias personagens gananciosas e que só tinham um objetivo: chegar ao topo, independentemente das decisões que tivessem de tomar no caminho. Aposto que conhecem a expressão “Os fins justificam os meios”. Em Crash Landing on You, isto não se aplica. Magoar os outros e cometer crimes por benefício próprio não compensa. Um caminho honesto traz sempre um retorno melhor.

 

5. As amizades verdadeiras podem surgir nos contextos mais inesperados

A Seri, apesar de todo o sucesso profissional, vivia na solidão. Apesar de ter tanta gente à sua volta, ela acabava por se isolar. Quem diria que isto iria mudar num país como a Coreia do Norte – onde as pessoas são e vivem de uma maneira tão diferente dela. No entanto, a situação onde a protagonista se encontrou, permitiu que ela se abrisse.

Apesar de todas as dificuldades, a Seri viveu momentos muito felizes naquela aldeia. Sem contar o relacionamento dela com soldados da Força Especial – sem dúvida um dos pormenores que mais nos aqueceu o coração.

Crash Landing ou You Seri and Special Force

 

E estas foram as 5 coisas que se destacaram para mim em Crash Landing on You. E para vocês? Quais foram os momentos mais emocionantes?

 

“Sometimes, the wrong train takes you to the right station”

 

Lê mais artigos sobre K-dramas disponíveis na Netflix:

 

2 comentários


Loading...

Também deverás gostar de

2 comentários

dstryrx 29 Fevereiro, 2020 - 16:52

Realmente esta foi uma série muito impactante. Todos os personagens carregam uma história e ensinamentos que podemos tirar para a vida. Aqueceu-me o coração de tantas formas, o final deixou-me feliz – apesar de ter deixado muitas lágrimas pelo caminho. Fui sem expectativas nenhumas, nem conhecia o enredo, mas gostei TANTO. Todos os momentos que ressaltaste também me tocaram muito. Outro aspecto que achei lindo e importante foi a relação da Seri com a mãe. Muitas vezes as pessoas não se dão bem, porque não existe comunicação e por deixarem o orgulho falar mais alto. Mesmo com um empurrãozinho para que isso acontecesse e para que começassem a dar-se melhor, a relação delas no final foi das coisas que mais me deixou feliz na série! Perdoar e pedir desculpa são coisas tão essenciais para o nosso bem estar.

Responder
Nayuki 29 Fevereiro, 2020 - 23:34

Eu acho que tinha as expectativas altas pela quantidade de comentários que vi a respeito. E também chorei baba e ranho.
Obrigada pela tua reflexão

Responder

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.