Desporto em Anime – Akashi e o Cotovelo de Deus!

por Pedro Costa
Desporto em Anime - Akashi e o Cotovelo de Deus Imagem

Como se trata do primeiro artigo desta nova rubrica, este carece de uma pequena introdução, que não tenciono repetir nos próximos momentos:

Se assistem a anime de desporto e/ou conhecem pessoas que assistem, com certeza já tiveram esta conversa:

“Que cena mais irreal!”

“Como se alguma vez isto fosse possível na vida real!”

“Fogo Oliver, a bola demora 3 episódios a ir do meio-campo até à baliza”

“Olha este até brilha, parece super-guerreiro e a bola fura redes”

 

Desporto em Anime - Akashi e o Cotovelo de Deus!

 

E, em maioria dos títulos anime, tais afirmações fazem todo o sentido. Contudo, dizer que todos os criadores anime estão desligados da realidade, no que concerne o género desportivo, é uma falácia que precisa de ser retificada.

Para isso, nada melhor que me deixar de conversas e usar esta rubrica, Desporto em Anime, para destacar todos os momentos (os que encontrar) nos quais a realidade e o anime “dançaram juntos”.

 

 Desporto em Anime - Akashi e o Cotovelo de Deus!

(Antes que decidam apontar o dedo, uma ressalva: a comparação é puramente técnica, o que um criador anime faz para aumentar o hype com luz, efeitos, diferentes ângulos e velocidade, não entra nas contas. Sejamos realistas ^^)

 

Desporto em Anime – Akashi e o Cotovelo de Deus!

Decidi começar por um dos meus momentos favoritos em anime de desporto: O passe de Akashi Seijuro, com o cotovelo, no jogo de Rakuzan contra Shutoku, na 3ª temporada de Kuroko no Basket.

 

Em Kuroko, momentos com elevado grau de espetacularidade não faltam (Aomine, um dia falamos de ti), mas este, pelo seu brilhantismo na simplicidade, o facto de eu adorar assistências em basquetebol, e ser fanboy do Akashi, levaram-me a escolhê-lo.

E, qual não foi o meu espanto, quando descobri que tal toque de génio foi, originalmente, realizado por Jason Williams dos Sacramento Kings, no Jogo de Rookies da NBA, em 2000:

 

Por hoje é tudo. Se gostarem da rubrica, dêem a vossa opinião para saber se continuo a mostrar-vos estas pequenas jóias do mundo anime!


Tens sugestões deste ou de outro género que gostavas de ver no site? Envia-as para: perguntas@ptanime.com

 

Comentários via Facebook
2 comentários

Também deverás gostar de

2 comentários

Leandro Santos 15 Janeiro, 2017 - 19:21

gostei da rubrica

e claro, já ouvi todas essas frase 😀

quanto ao tema em concreto, nunca tinha visto, mas adorei o detalhe do anime 🙂

Responder
Pedro Costa 15 Janeiro, 2017 - 22:27

Fico feliz que tenhas apreciado Leandro ^^

Quem não ouviu não é? xD

O detalhe é incrível, tinha que começar com o pé direito.

Responder

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.