Donten ni Warau | Primeiras Impressões

por Renato Sousa
Donten ni Warau | Irmãos Kumou
Título: Donten ni Warau Adaptação: Manga Produtora: VAP, Doga Kobo Géneros: Ação, História   Donten ni Warau | Opening Biran no Kaze - Ryuuji Aoki [youtube width="560" height="315" video_id="ecD5ZJfxOrQ"]   Donten ni Warau | Enredo No décimo primeiro ano da Era Meiji, surgiu a lei que impedia qualquer pessoa de…

Donten ni Warau

Enredo - 7.9
Personagens - 7.5
Produção Visual - 8.7
Banda Sonora - 5.9

7.5

Potencial

Uma das séries mais promissoras deste outono 2014. O enigma e o suspense envolvem um enredo que aproveita alguns momentos para divertir o espetador. Os ambientes parecem perfeitamente enquadrados. Será Donten ni Warau capaz de se manter a este nível?

Avaliação dos Leitores do ptAnime: Sê o primeiro!
8

Título: Donten ni Warau
Adaptação: Manga
Produtora: VAP, Doga Kobo
Géneros: Ação, História

 

Donten ni Warau | Opening

Biran no Kaze – Ryuuji Aoki

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”ecD5ZJfxOrQ”]

 

Donten ni Warau | Enredo

No décimo primeiro ano da Era Meiji, surgiu a lei que impedia qualquer pessoa de transportar consigo uma espada, o que levou lentamente ao desaparecimento dos Samurais. Como era de esperar, nem todos eles aceitaram esta mudança de bom grado e isso refletiu-se na taxa de criminalidade no país. De forma a arranjar lugar para colocar todos os rebeldes que surgiram naquela altura, o governo criou uma prisão no meio do lago Biwa, que ficou conhecida pelo nome “Gokumonjo“.

Uma vez que alguém tinha de fazer o trabalho de transportação de prisioneiros via marítima, dada a extensão do lago, os três irmãos Kumo aceitaram este trabalho que, para além de ser mal pago, trouxe-lhes bastantes problemas. Afinal de contas, a transportação de reclusos para Gokumonjo é apenas uma das tarefas deste trio, visto que parece haver fugitivos do local e Samurais de outrora com intenções nada amigáveis que vagueiam pela região.

 

Donten ni Warau | Gokumonjo

Gokumonjo

 

Quando li a sinopse desta história fiquei otimista em relação ao que aí poderia vir, ainda que por vezes nem tudo é como aquilo que a gente lê. No entanto, após a visualização dos dois primeiros episódios desta série, é um facto que fiquei extremamente agradado com ela.

Começando pela própria “Gokumonjo”, a ideia de a colocar no seio de um lago e acompanhar a vida dos transportadores de reclusos foi deveras original e atrativa. Estamos tão habituados a ver este tipo de situações nos filmes e noutras tramas, mas sempre pela via terrestre, e sem ninguém especial a fazer este tipo de trabalho. Vale ainda referir que há mistério em torno da prisão. Ainda não deu para perceber concretamente como este estabelecimento prisional funciona e se há antagonistas de interesse que vão conseguir escapar de lá.

Como já disse, a ligação entre a prisão e o resto do território terrestre é feita por barco através dos irmãos Kumo, protagonistas da história. O presente e o passado deste trio promete ser o grande centro das atenções, sendo que por agora está completamente envolto em mistério. Soramaru, o irmão do meio, parece ser o detentor de maior suspense.

Obviamente que para se estar pronto a enfrentar fugitivos e novos criminosos que surjam pelo local, os irmãos devem estar preparados em termos de habilidade de combate, o que parece apenas confirmar-se no irmão mais velho, Tenka. De momento, Soramaru e Chutaro, atrapalham mais do que ajudam na resolução de problemas.

Também no que diz respeito aos irmãos, é de salientar os momentos divertidos do anime, todos eles protagonizados por estes rapazes. Chutaro, por exemplo, está sempre a cumprir à risca aquilo que o irmão mais velho lhe manda fazer, mesmo que o que foi dito tenha sido de forma irónica ou conotativa. Já Tenka não é capaz de resistir ao álcool e acaba sempre por ouvir das boas de Soramaru. Na ausência das cenas de ação, este tipo de peripécias alegres e divertidas ocupam a produção e o espetador.

Para além disto, o que é certo é que já lá vão dois episódios transmitidos e Donten ni Warau conseguiu manter o nível de suspense e enigma, depois de o ter criado. Uns acontecimentos misteriosos são desvendados, outros surgem quase no imediato. Uma caraterística que só vem valorizar a produção.

Neste momento, estou cheio de questões que anseio ver respondidas brevemente, e nem tudo se deve aos irmãos. O aparecimento de uma organização governamental (Esquadrão Yamainu) deixou-me em pulgas, assim como os Samurais que podem aparecer nos próximos capítulos, todos eles sedentos de vingança por causa da decisão tomada pelo governo relativa à proibição das espadas.

 

Donten ni Warau | Esquadrão Yamainu

Esquadrão Yamainu

 

Donten ni Warau | Ambiente

Começando pela música, ainda estou reticente em relação à banda sonora, pois até agora não deu para a avaliar como deve ser. Sobre o Opening, decididamente achei-o bastante apreciável, tanto em termos de imagem como de som.

Sobre as paisagens é seguro dizer que ficam bem vistas aos olhos de qualquer um. Em causa está um cenário prisional rodeado por um lago e logo de seguida por muitos espaços verdes (florestas). Como tal, é solicitada a presença de cores bem vivas e apreciáveis, dignas da mãe natureza. Consciente disso mesmo, a produção não falhou.

De salientar também o trabalho desenvolvido pelos responsáveis do anime nas cenas de ação. Os combates estão muito bem reproduzidos, a qualidade deles está à vista de qualquer um. Numa primeira instância não vi sangue e pensei em censura e limitação de golpes nas batalhas, o que não se confirmou minutos depois. As armas dos irmãos protagonistas é que não parecem ser nada de especial, ao contrário de outros – nem todos vilões – que possuem objetos de combate bem mais interessantes. A concepção das personagens e respetivo vestuário vai também além do satisfatório devido ao bom enquadramento com todas as outras caraterísticas visuais.

 

Donten ni Warau

 

Donten ni Warau | Potencial

De todas as séries que selecionei desta temporada para ver e que já tive oportunidade de assistir aos seus episódios de estreia, posso para já dizer que é em “Donten ni Warau” que encontro maior potencial de sucesso entre os adeptos do mundo do Anime. A obra consegue ser cómica nos momentos mais parados, ter bons momentos de ação quando as batalhas aparecem, e cativar o espetador com a famosa prisão “Gokumonjo” e com os misteriosos enigmas inerentes a algumas personagens já bem conhecidas, como Soramaru, e a outras ainda por explorar.

Nunca li a manga de Donten ni Warau, logo não sei o que aí vem. Contudo, para já faz-me confusão ver o género “shoujo” associado a esta adaptação, quando nela ainda não encontrei qualquer indicador que possa confirmar a presença desse estilo aqui. Haverá mudança radical em breve?

Em suma, por conseguir representar a bom nível géneros como a ação, a comédia e o fator histórico da Era Meiji, “Donten ni Warau” merece uma oportunidade de qualquer espetador. O anime arrisca-se a surpreender muita gente que inicialmente não daria nada por ele. Como terão oportunidade de reparar, a voz de Soramaru Kumo é a de Yuki Jaki, o seyuu que também dá voz ao protagonista de “Shingeki no Kyojin”, Eren Yeager.

A parte do enredo é a que mais promete por ser imprevisível, logo se é neste fundamento que encontram o vosso tipo de adaptação vão em frente com isto. Doze são os episódios atribuídos portanto, se a qualidade se confirmar no terceiro capítulo, poderá estar garantida uma trama de alta intensidade nas cenas de ação e com a manutenção do suspense de forma a que o espetador nunca perca o interesse, semana após semana.

 

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”7bW5JmUW3Lc”]

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.