Dr. STONE – Anime recebe Nova Sequela

por Pedro Costa
Dr. STONE - Anime recebe Nova Sequela

Esta quinta-feira (25 de março de 2021), o staff de produção do anime de Dr. STONE, manga por Boichi e Riichirou Inagaki, anunciou no final da atual transmissão da série que uma nova sequela recebeu “luz verde”.

O anúncio não especificou o meio ou formato da sequela [embora não me pareça totalmente errado esperar que seja uma 3.ª temporada]. A Toho Animation partilhou uma teaser trailer de anúncio o qual alicia o arc “Era da Exploração”.

 

Dr. STONE – Anime recebe Nova Sequela:

 

Dr. Stone: Stone Wars, a segunda temporada da adaptação, estreou a 14 de janeiro de 2021, nos canais Tokyo MX, KBS Kyoto, Sun TV, BS11 e TV Aichi, e ainda via stream. A Crunchyroll está a ‘streamar’ a série por todo o mundo, excepto na Ásia.

A 1.ª temporada da adaptação estreou em julho de 2019.

 


Dr. Stone – Análise

Dr. Stone – Primeiras Impressões


 

Dr. STONE: Stone Wars - Anime revela Vídeo Promocional

Dr. STONE: Stone Wars – Anime revela Vídeo Promocional

 

Sinopse

Num fatídico dia, sem qualquer explicação, um grande clarão varre o mundo, transformando todos em pedra. Milhares de anos depois Senkuu e Taiju conseguem libertar-se da petrificação, Senkuu decide restaurar o mundo à sua antiga sociedade e descobrir o que é o misterioso raio de luz.

Senkuu é um génio que sabe tudo sobre todas as áreas das ciências e Taiju Ooki é um enérgico e bondoso “brutamontes”. Senkuu e Taiju estudavam na mesma escola e, apesar de terem personalidades completamente diferentes, são bons amigos.

 

Boichi (Sun-Ken Rock) e Riichirou Inagaki (história de Eyeshield 21) lançaram o manga na Weekly Shonen Jump em março de 2017.

 

Vida a Preto e Branco – Dr. Stone e o Renascer da Ciência

 

Fonte: Anime News Network

 


Viz Media está a lançar o manga no ocidente, em inglês. Se estiverem interessados em ADQUIRIR OS VOLUMES do manga…

Visitem a nossa Loja ptAnime!


 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.