Dragon Ball Z | Análise

por Renato Sousa
Dragon Ball Z - Saga Saiyans

Dragon Ball Z. A série anime que levou crianças, jovens e adultos portugueses ao rubro, desde meados da década de 90, chegou finalmente à secção de análises do ptAnime. Bem-vindos (de volta!) ao mundo fantástico de Dragon Ball, criado pelo grande Akira Toriyama.

 

Dragon Ball Z | A História

Cinco anos depois de Son Goku ter restabelecido a paz na Terra e de ter casado com Chichi (Kika na versão portuguesa), relacionamento do qual nasceu Son Gohan, o planeta torna-se novamente alvo de uma terrível ameaça.

A chegada dos Guerreiros do Espaço (Saiyans). Esta raça, à qual Son Goku pertence, encontra-se em vias de extinção. Apenas restam quatro sobreviventes, já com o herói da história incluído. O modo de vida deste povo resume-se à conquista de planetas e consequente venda por bons preços. Ao serem apenas três, os Saiyans desconhecidos vão necessitar da ajuda de Goku, sendo para isso enviado à Terra o seu irmão, Raditz.

No entanto, se Raditz julgava convencer Goku a seguir os planos maléficos e cruéis dos Guerreiros do Espaço com facilidade, bem que se enganou. O protagonista da história vai rejeitar as suas ideias. Uma decisão que vai obrigar Goku a fazer frente ao irmão para salvar a sua família e a própria Terra.

Um combate intenso que será apenas o primeiro de muitos. A cada novo desafio (mais exigente que o anterior), Son Goku e os seus amigos serão obrigados a evoluir ao nível das Artes Marciais. Só assim será possível protegerem-se uns aos outros, a Terra, e outras regiões do Universo por onde vão passar.

 

Dragon Ball Z - Saga Freeza

 

Dragon Ball Z | Ambiente e Enredo

Não há margem para dúvidas. À semelhança da primeira adaptação, mais uma vez, o enredo está muito bem construído.

Contudo, o mesmo nem sempre é fácil de se compreender. Não só pela sua complexidade em certas alturas, como também pelos fatores de riscos que são as dobragens para as várias línguas.

Um exemplo bem concreto da sua concepção elaborada é a saga dos Androids. Uma saga que envolve viagens ao passado e ao futuro em conjunto com diferentes dimensões. Sem dúvida que este é um grande exemplo da genialidade de Akira Toriyama. Todavia, requer a máxima atenção por parte dos espectadores se não quiserem perder o fio da história.

Na parte das personagens, a ligação entre elas já tinha sido muito bem estabelecida previamente. Desta forma, não foi com a entrada de algumas novas que as coisas mudaram. Já no que diz respeito aos poderes, é notória ao longo do anime uma evolução quase exponencial.

 

Dragon Ball Z | Banda Sonora

Relativamente à banda sonora de Dragon Ball Z, também ela é extremamente agradável.

Até neste aspeto os japoneses são fantásticos. Em tantos episódios, os minutos iniciais de cada um deles, que sempre correspondem a um resumo do que se passou na série recentemente, apenas têm duas músicas de fundo. Ainda assim, de tantas vezes que a gente as ouve, os nossos ouvidos parece que não saturam.

Também já tive oportunidade de ouvir a soundtrack que os americanos decidiram colocar em lugar da original. Neste caso em particular, é do pior que pode haver. Totalmente desenquadrada e sem ritmo. Se em alguma altura considerarem ouvi-la, antes preparem-se para uma grande perda de tempo.

 

Dragon Ball Z | As Bolas de Cristal

Ao contrário do que se passou na primeira adaptação da manga para o animeem “Dragon Ball Z” as Bolas de Cristal deixam de ser o centro das atenções. Elas perdem mesmo algum do seu brilhantismo, devido à sua utilização mais regular.

É certo que até aparecem num plano diferente e interessante no decorrer da saga Namek. Porém, o assunto principal da história há muito que passou a ser os combates intermináveis e a evolução abismal dos poderes das diversas personagens.

Na verdade, a maior particularidade desta série será mesmo essa. A duração das lutas de Goku e respetivos companheiros contra os grandes antagonistas. Por incrível que pareça, os embates com os maiores inimigos podem durar 20, 30, 40 episódios, ou até mais. Memorável!

 

Dragon Ball Z - Saga Cell

 

Dragon Ball Z | As Personagens

Ao estar-se a falar de uma série de 291 episódios é normal o elenco ser também ele bastante extenso. Contudo, aqui apenas vão ser abordadas aquelas personagens que surgem em destaque ao longo de toda a obra.

Começo por Son Goku, o grande protagonista desta criação. Apesar de mais velho, de ser casado, e de já ter constituído família, continua igual a si mesmo. Ou seja, ingénuo/inocente, defensor do bem e claro, apaixonado pelas Artes Marciais e obcecado com o desejo de ser ainda mais forte.

As duas últimas caraterísticas de Goku são bem típicas dos Guerreiros do Espaço. Não é por acaso que Vegeta demonstra o mesmo padrão. No entanto, o grande rival de Goku tem também traços nada semelhantes às do nosso herói. É o caso do grande orgulho que ostenta e a sua constante má disposição. Se bem que, neste último caso, tem algumas razões justificáveis para tal.

Um terceiro Saiyan que também merece destaque neste tópico é Son Gohan. O filho de Goku e de Chichi, que possui um enorme poder dentro de si. Pai e amigos vão rapidamente perceber isso. De maneira que, desde muito cedo, o vão colocar sobre rigorosos treinos de Artes Marciais. Tudo para que Gohan os possa ajudar nos combates em que a Terra e todo o Universo vão correr grande perigo.

De salientar também Piccolo (Coraçãozinho de Satã na dobragem portuguesa). Não há dúvida que este foi o maior adversário de Goku na série anterior. Já no desenrolar de Dragon Ball Z, particularmente devido às diversas circunstâncias proporcionadas pela história, a relação entre os dois vai assumir contornos diferentes.

A última personagem a ser aqui realçada é a já bem conhecida Bulma. Mesmo sem ter a capacidade de luta dos grandes guerreiros da série, vai, tal como em “Dragon Ball”, assumir um papel crucial. Não só no que toca à recolha das Bolas de Cristal sempre que for preciso, como também através do desenvolvimento de equipamentos tecnológicos muito úteis para ela e para os seus amigos em alturas de grande necessidade.

 

Anime Dragon Ball Z - Saga Majin Buu

 

Dragon Ball Z | Juízo Final

“Dragon Ball Z” conseguiu superar em todos os aspetos o já bem elaborado “Dragon Ball”. Claramente, esta produção contém a parte mais mítica de toda a adaptação da manga de Toriyama.

Para além dos rasgados elogios que foram deixados aos vários pontos da série ao longo desta análise, o sucesso e a fama que esta produção alcançou no Japão, e num caso mais aproximado, no nosso Portugal, devem ser tomados em atenção por aqueles que ainda não viram este anime. Falo especialmente nas gerações mais novas. Se ainda não o fizeram, devem recuar no tempo e conceder uma oportunidade a esta série. Dragon Ball Z tem selo de recomendação ptAnime.

Sem mais nada a acrescentar, a análise termina com o trailer que se segue. Caso queiram reforçar a grandiosidade de Dragon Ball Z, sintam-se à vontade para o fazer na secção de comentários. Podem também criticá-la, se assim o entenderem. Ou até mesmo partilhar o impacto que teve nas vossas vidas.

 

 

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.