Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise

por Jackie Ortho

Final Fantasy XV foi provavelmente um dos mais ansiosamente esperados jogos desta famosa franquia de JRPG’s. Depois de ser anunciado sob o título Final Fantasy Versus XIII em 2006, os fãs tiveram de esperar 10 anos para voltarem a receber novidades deste projeto. O produto final revelado acabou por vir a ser substancialmente diferente ao original, sendo, no entanto, recebido de forma positiva.

Um dos problemas presentes neste jogo é relativamente à narrativa, particularmente quando, em momentos diferentes da história, cada um dos membros do grupo principal é separado e segue o seu caminho até se voltar a reunir com os seus companheiros. Depois do seu regresso é dito pouco ou nada sobre o que lhes foi acontecendo na sua jornada individual.

É aqui que entram os três DLC’s: Episode Gladiolus, Episode Prompto e Episode Ignis, onde não só podemos vir a saber sobre esses acontecimentos como também tomamos controlo da personagem correspondente ao episódio, cada um com o seu estilo de luta diferente.

 


Para leres a análise dos restantes episódios, basta carregares em baixo:


 

Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise

 

Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise - Ignis

 

Sinopse:
O último conteúdo extra da primeira vaga de episódios, Episode Ignis. Desta vez tomamos a perspetiva de Ignis, onde elegante, perfecionista e inteligente são apenas algumas palavras que descrevem esta jóia de pessoa. Butler de Noctis, Ignis é o responsável pela condução e alimentação do grupo.

Este episódio decorre em Altissia, durante e depois da execução do plano para Noctis acordar a deusa Leviathan, onde o nosso chofer-cozinheiro, Prompto e Gladiolus estavam encarregues de evacuar a população. Durante a comoção, Ignis é separado do seu grupo e terá de combater as forças imperiais e aliar-se com um companheiro improvável para chegar ao centro da cidade e reunir-se com o seu rei.

 

Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise

 

Jogabilidade

Em Episode Ignis o combate regressa ao seu estilo original, com alguns twists na fórmula: desta vez apenas o jogador é limitado a um par de facas como armamento sendo, no entanto, possível alternar entre três elementos para as fortalecer.

Estes são fogo (útil para alvos isolados), gelo (ideal para lidar com grupos) e elétrico (sacrifica dano e número de alvos por enorme mobilidade), o que oferece uma dinâmica mais estratégica, perfeita para alguém como Ignis. É também possível usar um braço mecânico que dispara um gancho a longa distância, o que oferece um nível de mobilidade semelhante a Noctis.

 

Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise - jogabilidade

 

Explorar os telhados de Altissia com esse gancho fez-me sentir como se estivesse a jogar Batman no mundo de Assassin’s Creed.

Outra mecânica introduzida é um counter: quando Ignis é derrubado, assumindo que o timing é perfeito, é possível voltar a pé imediatamente, recuperando a vida perdida e infligindo dano ao inimigo.

Relativamente às técnicas, estas funcionam de forma igual ao habitual, sendo uma delas pensar numa nova “recipeh”, cozinhá-la (a meio do combate, sim, mas invulnerável durante a animação) e receber um buff (ou debuff) aleatório.

E seguindo a tradição, este DLC vem com dois modos extras. Bem, é mais aproximado a um e “meio”, sendo o último uma experiência nova. Por um lado, temos o duelo habitual, um pouco mais difícil que os anteriores visto que o adversário é Noctis; por outro, em vez de um mini-jogo à parte, Episode Ignis oferece um caminho diferente.

Perto do final, é dado ao jogador uma escolha onde apenas poderá selecionar uma opção, sendo a outra desbloqueada após finalizar o episódio pela primeira vez, que leva a novas cutscenes e uma luta final alternativa.

 

Final Fantasy XV DLC – Episode Ignis Análise

 

Este episódio deverá levar cerca de 2 a 3 horas a completar, com várias e excelentes cenas que ajudam a perceber o “por detrás das cenas” enquanto a história principal decorria.

 

Banda sonora

Mais uma vez, a Square Enix prova a sua superioridade no desenvolvimento desta categoria. Elegante e dramática, encaixa-se perfeitamente com a pessoa que é Ignis, com ênfase no uso de violinos.

 

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.