Gundam Live-Action – Produtores discutem Aprovação do Projeto

por Tiago Garcia
Gundam Live-Action - Produtores discutem Aprovação do Projeto

O Vice-Presidente Sénior Robert Napton da Legendary Comics e o Expert Executivo de produção cinematográfica para a Sunrise Ken Iyadomi discutiram, no passado 22 de março, as circunstâncias que levaram à aceitação do mais recente projeto live-action de Gundam. Esta discussão ocorreu numa apresentação na Project Anime em Tóquio. Foi mediada por Matt Scheley, contribuidor para as publicações Otaku USA e Japan Times.

 

Gundam Live-Action – Produtores discutem Aprovação do Projeto:

Gundam Live-Action - Produtores discutem Aprovação do Projeto

 

Napton, anteriormente empregado como Diretor de Marketing pela Bandai, e Iyadomi são conhecidos desde 1988. Foi quando este primeiro ainda andava na faculdade, a trabalhar na Books Nippan, o ramo americano da Nippon Shuppan Hanba, que o segundo o introduziu ao mundo de licenciamento anime. Quando a Books Nippan encerrou a meio dos anos 90, Napton foi subsequentemente empregado por Iyadomi, na sua companhia L.A. Hero que publicava VHSs anime, e os dois viriam a ser colegas na Bandai uma década depois.

 

Produtores da Legendary Comics e Sunrise discutem Gundam Live-Action

 

Napton apenas teve coisas boas para dizer acerca de Iyadomi. Descrevendo-o como um pioneiro para o estabelecimento de anime na América e responsabiliza-o, particularmente, pela realização do negócio que levou ao futuro filme live-action de Gundam. Porém, Napton observou também que se tratava de uma verdadeira colaboração na medida que tanto a Legendary Pictures como a Sunrise estavam entusiasmadas pela oportunidade. Iyadomi, por sua vez, elogiou a Legendary Pictures por dar ouvidos ao que a Sunrise queria fazer do projeto. Observou que:

Não queriam simplesmente adquirir a licença e fazer a sua própria coisa.

 

O cameo do RX-0 Unicorn Gundam no filme Pacific Rim: Uprising foi de destacável importância. Foi um acordo bem sucedido que abriu o palco para discussões mais alargadas entre a Legendary Pictures e a Sunrise. Embora Iyadomi observá-se que foi difícil contactar as pessoas corretas para tornar o acordo realidade, notou que convencer o CEO da Sunrise foi particularmente fácil. Outro fator que tornou a negociação mais acessível passou pelo tamanho mais modesto da Legendary Pictures. Sendo assim, decisões podiam ser tomadas mais imediatamente. Serve de um contraste notável para outros projetos de adaptação anime de alto perfil, tais como Akira e Ghost in the Shell, que notoriamente passaram anos em development hell.

 

Gundam Live-Action - Produtores discutem Aprovação do Projeto

 

O anúncio do acordo, que ocorreu no painel da Sunrise na Anime Expo 2018, foi feito imediatamente aquando o seu fecho. Iyadomi constatou que:

‘Fãs de longa data são-nos muito importantes e não queremos desapontá-los’.

 

Além de mais, observou que o feedback para este anúncio tem sido mais positivo que esperado. Isto destaca-se, a seu ver, em oposição ao cinismo generalizado que é apontado a adaptações live-action de anime. De notar, que também poderá ter a ver com a relativa falta de investimento que ocidente tem perante Gundam.

Em seguimento disto, Napton ofereceu algumas explicações. Os cameos em Pacific Rim: Uprising e Ready Player One já serviram de fundação para tornar a ideia de um Gundam live-action exequível. Além disso, sugeriu que anteriores projetos da Legendary Pictures, com destaque para Pacific Rim e Godzilla, já demonstraram que a companhia de produção tem bom tacto em adaptar cultura popular japonesa. A divisão de BD da Legendary tem servido de vigilante para potenciais IPs em convenções e outros eventos. Citando Napton:

Tem havido uma mudança geracional em Hollywood. Muitos dos produtores agora a lá trabalhar cresceram com anime.

 

 

Quanto ao guionista do filme, Napton também teve coisas otimistas para dizer. Foi anunciado que o projeto Gundam live-action teria como guionista o aclamado escritor de BD Brian K. Vaughan. Foi feito famoso pelo seu trabalho na Marvel com a sua série da Mystique e a inesquecível série Runaways. Nesta nova década, continua a demonstrar a sua perícia como voz da atualidade com Saga, popularmente apontado como tendo revitalizado a indústria independente e creater-owned na América do Norte, e Paper Girls. Interessados que apareceram na primeira edição do Comic Con Portugal tiverem o privilégio de contar com a sua presença. O talento demonstrado em Saga, em particular, torna-o numa escolha adequada para Gundam dado a forte exploração de temática anti-guerra.

De forma a realçar a qualidade da escolha, Napton declarou que:

Ele entendeu tudo em Gundam Narrative.

 

Isto criou uma resposta algo cómica pois, como Napton explicou, trata-se de uma obra extremamente (talvez demasiadamente) complicada e que requer um conhecimento enorme da timeline Universal Century.

 

Produtores da Legendary Comics e Sunrise discutem Gundam Live-Action

 

Na sessão de Q&A que se seguiu, tanto Napton como Iyadomi discutiram o impacto do mercado chinês. Citando Napton:

Existe um enorme potencial no mercado chinês, mas não o utilizamos apenas para guiar todas as nossas decisões. Existem caso na qual os seus filmes domésticos fazem mais dinheiro que blockbusters americanos.

 

Utilizou o exemplo da recorrente dificuldade de Star Wars encontrar sucesso na China. Trata-se de uma situação curiosa que ocorre pois a nostalgia por Star Wars é inexistente nessa parte do mundo. Sendo assim, não se devem fiar exclusivamente nesse mercado. Porém, é importante notar para contextualizar a relevância desta discussão, que a nostalgia chinesa que não ocorre em Star Wars ocorre, por sua vez, na franquia Gundam.

Iyadomi também disse que estava a ser difícil criar um acordo com um estúdio de Hollywood. Embora o acordo para a licença esteja feita, a Sunrise tem demonstrado interesse em trabalhar com a sua indústria cinematográfica doméstica ou então cineastas de outras partes do mundo. Aquando a apresentação, Iyadomi terminou o painel com um apelo para ver Code Geass.

 


Artigos Relacionados:

Gundam Live Action – Brian K Vaughan escreverá Argumento

Criador de Gundam expressa Opinião sobre “Into the Spider-Verse”

Gundam F90 FF – Manga terá Estreia em Junho 2019


 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Loading...

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.