K-Pop – O Melhor do Mês de Junho 2018

por Nayuki
BLACKPINK - DDU-DU DDU-DU atinge 200 Milhões de Views

Olá amigos! Fim do mês e sabem o que isso significa: que a Nayuki andou a ouvir dezenas de músicas e escolheu as melhores – na sua opinião – para partilhar com vocês!

 


Vejam aqui todos os artigos relativos às Recomendações Mensais de K-Pop


 

Também vale a pena referir que sou um ser humano normal e que não consigo, nem de perto, ouvir tudo o que é lançado num mês. O que vos recomendo sempre a fazer é a partilharem as vossas escolhas pessoais nos comentários para que os outros leitores possam ouvir também! Neste artigo eu nunca incluo os álbuns lançados no Japão.

 

K-Pop – O Melhor do Mês de Junho 2018

 

Wanna One – Light

Vou já deixar muito claro que adoro Wanna One mas que a Boomerang é a obra prima deles para mim. Gostei de Light e do novo mini-álbum que lançaram. Porém ainda não foi desta que superaram o trabalho anterior.

 

A.C.E. – Take Me Higher

Nunca prestei muita atenção a A.C.E. e não acho que tenham um diferencial para se destacarem no meio de tantos boys groups. Take Me Higher foi uma surpresa agradável e penso que uma daquelas músicas que vou ouvir durante imenso tempo.  Como adorei esta procurei ouvir um pouco mais do grupo, ainda assim mantenho a minha opinião. Pode ser que no futuro eles me continuem a surpreender.

 

ONF – On/Off

Não conhecia ONF e portanto não vou poder opinar e comparar este trabalho com os seus anteriores. É um grupo da WM Entertainment criado em 2017. Lançaram este mês o mini-álbum You Complete Me e não está nada mau. Conheciam estes meninos? Se sim, o quê que ouvem mais dos mesmos?

 

SHINee – Our Page

Falar dos SHINee ainda é algo que me magoa. Sempre foi um dos grupos que mais ouvi ao longo da minha jornada como fã de K-pop. Não me sinto no dever de dizer que tudo o que eles lançam é maravilhoso porque isso já vocês sabem. Ouvir o mini-álbum The Story of Light foi muito bom. Vou deixar aqui Our Page, mas qualquer das músicas poderia estar aqui.

 

BTOB – Only one for me

Não conheço muito da discografia dos BTOB. O que ouço ocasionalmente do grupo costuma-me agradar – principalmente pela parte vocal dos integrantes.

 

JooYoung – Prada

Já vos falei uma vez do JooYoung e disse que ia estar atenta ao trabalho dele. Dito e feito. Adoro a vibe dele, apesar da música ter pouquíssimas visualizações.

 

Black Pink – DDU-DU DDU-DU

Como é óbvio ninguém ainda ouviu esta música – cem milhões de visualizações em menos de um mês. Blackpink é um daqueles grupos que no início eu não gostava mas que agora não sai da minha playlist. Esperamos muito por este comeback e acho que Square Up não desiludiu. DDU-DU DDU-DU está com uma produção incrível também, a quantidade de looks e cenários é incrível. Haja orçamento.

 

 (Block B) – INSTANT

Sou apaixonada pelos Block B mas nunca ouvi o trabalho deste integrante a solo. Instant tem uma melodia muito boa, a parte vocal de Park Kyung que é incrível e uma vibe antiga que me conquistou. A participação da Sumin também ajuda imenso.

 

Day6 – Shoot Me

Sempre que os Day6 lançarem alguma coisa – muito provavelmente – vai estar nesta lista. É um dos grupos que facilmente está no meu Top10. Não só por serem de facto uma banda, mas porque noventa por cento da discografia deles é incrível. Realmente do novo mini-álbum, Shoot Me foi a música que mais gostei, mas façam favor de ouvir Shoot Me : Youth Part 1 inteiro. Obrigada.

 

Momoland – Baam

Não é o meu grupo feminino favorito – bem longe disso. Acho que já referi alguma música das Momoland eventualmente nas menções honrosas, porém este mês ouvi muito Baam. Música e melodia daquelas que grudam no nosso cérebro e passamos o resto da semana a dizer BAAM.

 

NeonPunch – Moonlight

O debut desta lista. Primeiro adorei o nome do grupo – NeonPunch é fantástico. Em seguida, para primeiro single pareceu-me que Moonlight está muito bom. O grupo não parece ter muito do “cor-de-rosa” e de “meninas fofinhas”. A nível vocal as cinco integrantes têm boas capacidades. Espero ouvir mais delas nos próximos tempos – e ouvi-las no Spofity também era giro.

 

Tiffany Young – Over My Skin

Eu tenho uma tendência fantástica para não gostar das Girls Generation mas para apreciar os seus trabalhos solos. Se bem que a Tiffany foi uma das que não renovou o contrato com a  S.M. Entertainment. Espero ouvir mais dela em breve.

 

Menções honrosas: 

 

Se quiserem podem ouvir todas as músicas indicadas na playlist que criei no Spotify – ou pelo menos aquelas que encontrei na plataforma…

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.