KPOP – Grupos que terminam os seus contratos em 2021

por Nayuki
KPOP - Grupos que terminam os seus contratos em 2021

Quais são os grupos de Kpop que terminam os seus contratos em 2021? É sobre isto que vamos falar hoje.

Normalmente os contratos dos artistas com as empresas de entretenimento têm a duração de sete anos. Ou seja, os grupos que fizeram a sua estreia em 2014, estão perto de terminar o seu primeiro contrato com as respetivas agências.

No entanto, isto não significa que estes grupos vão acabar! Nenhum dos grupos aqui mencionados confirmaram que vão dar disband.

 

O que acontece quando os grupos renovam o contrato com a empresa?

Quando os artistas continuam na empresa, este novo contrato costuma ser mais pequeno. Por exemplo, em 2017 o contrato das Girls’ Generation com a SM Entertainment acabou. Cinco das integrantes quiseram continuar na agência, renovando um contrato de mais três anos. Em 2020, este terminou e elas voltaram a decidir manter-se na empresa.

A CL das 2NE1 manteve-se na empresa YG Entertainment, depois do término do seu primeiro contrato (2009-2016), abandonado a agência de vez em 2019. Exemplos como estes levam-nos a acreditar que quando os artistas renovam o seu contrato, este dura mais ou menos três anos.

 

Os artistas podem não renovar o contrato e continuar no grupo?

Sim. As três integrantes das Girls’ Generation (Tiffany, Sooyoung e Seohyun) que abandonaram a SM ainda são consideradas parte do grupo pela própria empresa. O mesmo aconteceu com os 2PM: em 2018 cinco integrantes renovaram o seu contrato com a JYP Entertainment, menos o Taecyeon. Porém a JYP garantiu que ele continuaria no grupo.

 

2PM Promise comeback

Apesar do Taecyeon não estar mais na JYP, ele continua como membro dos 2PM.

 

O grupo pode continuar, mesmo que todos os integrantes saiam da empresa?

Depende. Muitas vezes as próprias empresas detêm os direitos sobre o nome do grupo. E muitas vezes estas não cedem estes direitos aos artistas. Por exemplo, as T-ARA travaram uma batalha judicial contra a MBK Entertainment e conseguiram ficar com o nome (mas elas continuam em hiatus). Já os BEAST, optaram por mudar o nome do grupo quando deixaram a Cube Entertainment, sendo agora conhecidos como Highlight.

Depois temos o caso das Brown Eyed Girls. O grupo estreou em 2006 e deixou a empresa Nega Network em 2015. No entanto, elas continuaram a usar o nome do grupo sem nenhum problema, sendo ativas até hoje.

 

 

KPOP – Grupos que terminam os seus contratos em 2021

Red Velvet terminam contrato em 2021 K-POP Grupos que terminam os seus contratos em 2021

Red Velvet – um dos maiores grupos do K-pop completa sete anos em Agosto de 2021

 

B.I.G (Boys in Groove)


Data de debut: 8 de Junho de 2014
Empresa: GH Entertainment (3YE)

Sei que os Boys in Groove não são muito conhecidos por aqui. Mas são um grupo com uma fanbase significava na América do Sul. A situação atual dos meninos não é a melhor:

    • Gunmin e Heedo participaram no survival show japonês G-EGG. Gunmin conseguiu entrar no grupo final. Heedo era um forte candidato também, mas deixou o programa quase no fim, por motivos pessoais.
    • Benji anunciou a sua saída do grupo em Outubro de 2020. Segundo os fãs, o contrato dele com a GH Entertainment foi iniciado antes, pelo que já completou os sete anos.
    • O grupo não lança nada há quase um ano, sendo que só têm um mini-álbum. Os restantes trabalhos são apenas single albuns.

Na minha opinião, é bem possível que o grupo dê disband quando o contrato dos integrantes terminar. Porém vale relembrar que Jinseok só entrou nos B.I.G em 2019, quando o líder J-Hoon se alistou no exército.

 

 

GOT7


Data de debut: 16 de Janeiro de 2014
Empresa: JYP Entertainment (Stray Kids, TWICE, ITZY)

O contrato dos integrantes termina em Janeiro, quando o grupo completa sete anos desde o debut com Girls Girls Girls. Pessoalmente, acho que o grupo se deve manter, ainda que nem todos renovem com a JYP Entertainment (como aconteceu com os 2PM). Os meninos já disseram que gostavam de continuar juntos e que os sete são uma família.

 

 

HALO


Data de debut: 28 de Junho de 2014
Empresa: HISTAR Entertainment

A situação deste grupo não é das melhores. Em Maio de 2019, a empresa dos meninos confirmou que o contrato exclusivo dos integrantes Ooon, Heecheon e Yoondong tinha terminado. Os três participaram no Produce 101 Japan, mas deixaram a competição por razões pessoais.

No começo de 2020 foi confirmado que os três fariam parte de um novo boy group japonês chamado Orbit. O grupo fez a sua estreia com a música Universe, no dia 1 de Novembro do mesmo ano.

Sendo assim, restam três integrantes na line-up. Provavelmente o contrato destes ainda não terminou e é por isso que o grupo ainda não deu disband oficialmente. Contudo, o seu último lançamento foi em 2018.

 

 

LABOUM


Data de debut: 28 de Agosto de 2014
Empresa: NH MEDIA (U-KISS)

Um dos meus grupos favoritos desta lista. O percurso das LABOUM tem sido atribulado. As meninas lançaram o seu primeiro álbum completo no ano fim do ano passado, estando mais dedicadas às suas carreiras individuais desde então.

Em setembro foi anunciado que o grupo voltaria em Outubro de 2020, contudo à data em que escrevi este artigo, mais nada foi revelado sobre o comeback. Tendo em conta a pouca popularidade das LABOUM, o mais provável é que o grupo encerre as suas atividades em 2021.

 

 

Lovelyz


Data de debut: 17 de Novembro de 2014
Empresa: Woolim Entertainment (INFINITE, Golden Child, Rocket Punch)

As pessoas acham que Lovelyz é pouco popular, porque o nome delas não é muito ouvido no Ocidente. Mas elas são um dos girl groups mais estáveis dentro da Coreia do Sul. No entanto, a Woollim Entertainment tem negligenciado as Lovelyz nos últimos anos. Este último ponto deixa-me algumas dúvidas em relação ao futuro do grupo, ou pelo menos, ao futuro do grupo com oito integrantes.

 

 

MAMAMOO


Data de debut: 18 de Junho de 2014
Empresa: RBW Entertainment (ONEUS, ONEWE, VROMANCE)

Tenho quase a certeza de que elas continuarão como um grupo. A RBW Entertainment sempre lhes deu bastante liberdade artística, permitindo-lhes também focar nas suas carreiras a solo. Acredito que, assim como vimos em 2020, os comebacks não sejam tão frequentes daqui para a frente.

 

 

Red Velvet


Data de debut: 1 de Agosto de 2014
Empresa: SM Entertainment (EXO, NCT, SNSD)

Red Velvet ainda é, atualmente o maior ato feminino da SM Entertainment. Ao contrário de outras grandes empresas que já apostaram em novos girl groups, a SM ainda não tem um novo grupo no seu catálogo. Além disso, Red Velvet ainda é muito rentável e está longe de perder a relevância. Acredito que elas se mantenham na empresa, apesar desta não as tratar da melhor maneira.

Vale relembrar que o contrato da Yeri só termina em 2022, uma vez que ela entrou no grupo em 2015.

 

 

Sonamoo


Data de debut: 29 de Dezembro de 2014
Empresa: TS Entertainment (BAP, Secret, TRCNG)

De todos os grupos desta lista, este é aquele que mais dificilmente se vai manter. As meninas não têm um comeback desde 2017 e em 2019 duas das integrantes (Sumin e Nahyun) processaram a TS Entertainment, deixando de fazer parte do grupo. Todos os grupos desta empresa tiveram problemas com divisão de lucros e condições de trabalho.

 

 

WINNER


Data de debut: 17 de Agosto de 2014
Empresa: YG Entertainment (BIG BANG, BLACKPINK, TREASURE)

Atualmente o grupo já está numa espécie de hiatus, uma vez que os membros Jinu e Hoony entraram no exército em Abril de 2020. Mino terá de se alistar ano que vem também. Ainda assim, acredito que eles fiquem na YG Entertainment e voltem como grupo daqui a alguns anos.

 

 

UNIQ


Data de debut: 20 de Outubro de 2020
Empresa: Yuehua Entertainment (EVERGLOW, agência das integrantes chinesas das WJSN)

O grupo da Yuehua Entertainment completa sete anos em Outubro de 2021. Os meninos são mais ativos na China, sendo que o último lançamento coreano deles foi em 2015. Eles lançaram músicas em chinês até 2018.

    • O grupo sofreu muito devido às divergências politicas entre a China e a Coreia, que surgiram mais ou menos em 2016. Três dos cinco integrantes são chineses.
    • O integrante SeungYoun, também conhecido como WOODZ, participou no Produce X 101 e fez parte do X1. Em Junho de 2020 lançou o mini-álbum Equal.
    • O líder do Sungjoo entrou no exército em Março de 2020.
    • O maknae Yibo estuou no drama chinês The Untamed, que fez imenso sucesso na China e até internacionalmente. Desde aí, ele tem participado em imensos dramas. Só em 2020, fez três séries, sendo já o protagonista de outras três anunciadas para 2021.

Individualmente, os integrantes têm sido bastante ativos. Os membros aparentam ter vontade de continuar juntos. Agora, se isso acontecerá dentro da Yuehua, é impossível dizer.

 

 

KPOP – Grupos que terminam os seus contratos em 2021

    • Berry Good completa sete anos em 2021, mas só uma das integrantes originais se mantém. Ou seja, o grupo não deve dar disband, já que Seoyul, Daye e Sehyung entraram em 2015 e Johyun no fim de 2017;
    • HOTSHOT, grupo do ex-WANNA ONE Sungwoon, deve terminar. O grupo só lançou quatro músicas coreanas entre 2014 e 2015;

 

Quais são os grupos que, na vossa opinião, vão renovar os seus contratos?

 


Artigos relacionados:


 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.