MAPPA e Kazuhiro Furuhashi revelam Project Altair | Anime

por Pedro Costa
MAPPA e Kazuhiro Furuhashi revelam Project Altair | Anime

A Aniplex abriu um website, esta quinta-feira, para anunciar o anime “Project Altair”. O anúncio em vídeo, que o site está a transmitir, revela que Kazuhiro Furuhashi (Getbackers, série anime e OVAs de Rurouni KenshinGundam UC) está a realizar o projeto no estúdio MAPPA (Sakamichi no Apollon, Yuri!!! on Ice, In This Corner of the World).

(Nota: o vídeo no webstie oficial é exclusivo para o Japão).

 

MAPPA e Kazuhiro Furuhashi revelam Project Altair – Anúncio:

 

website oficial está, atualmente, a apresentar uma contagem decrescente que termina em oito dias:

MAPPA e Kazuhiro Furuhashi revelam Project Altair | Anime

 

O projeto anime revelou, também, uma conta oficial de Twitter.

Tanto o website como a conta Twitter, não informam se o projeto anime é uma adaptação de manga ou outro trabalho. Contudo, o visual do projeto, e o título, sugerem que este poderá adaptar o manga de fantasia históriaShōkoku no Altair, da autoria de Kotono Katō.

 

A história centra-se em Mahmut, um jovem membro do conselho de Türkiye Stratocracy, detendo o poder político e militar de Pasha. A combinação entre encorajadores de guerra e pacifistas que compõe o conselho, divide-o. A ameaça de guerra e o perigo por parte do beligerante Empire, colocam a segurança de Türkiye em risco. Como o mais jovem líder militar do país, Mahmut está determinado a manter a paz. Mas com tanto em jogo, uma longa história de inimigos e alianças, atraem o jovem para um mundo político que ele espera manter sob controlo. A jornada de Pasha não é fácil, e a guerra pode prevalecer apesar dos seus esforços.

 

MAPPA e Kazuhiro Furuhashi revelam Project Altair | Anime

Shōkoku no Altair – Capa Volume #1

 

Katō-sensei lançou o manga na Monthly Shonen Sirius (Kodansha), em 2007, e o 17º volume compilado iniciou distribuição no Japão, em março. A Kodansha vai lançar o 18º volume a 17 de janeiro.

 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.