Melhores genéricos Anime Portugueses Parte 2

por Raquel Cupertino
Melhores genéricos Anime Portugueses Parte 1

A célebre “geração do 90”  vangloria-se por muita coisa. Orgulhosos da década em que nasceram, afirmam ter vivido a melhor das infâncias… E quem os censura? Nessa mesma década, até meados de 2000, Portugal foi “infestado” por anime na programação televisiva infantil, seja em canal público como privado.

E que séries Anime! Portugal conseguiu transmitir um número magnífico de grandes obras e ainda dobrá-las através de uma fantástica equipa de actores. Fruto das incensáveis dobragens das séries de animação, surgiram as aberturas e encerramentos dobrados pela nossa língua mãe… Podemos afirmar que algumas em nada ficam atrás das originais!

Atualmente, não há jovem que não reconheça os genéricos daquelas que foram os derradeiros símbolos da infância. Como derradeiros fãs dos anos de ouro da animação japonesa em Portugal, a equipa ptAnime reuniu-se para selecionar os melhores genéricos Anime portugueses!

 

Notas:

  • Os genéricos que aqui constam foram votados pela pequena equipa do ptAnime, pelo que, esta é apenas a nossa opinião pessoal.
  • Não foi contabilizado mais que um genérico dentro da mesma franquia;

 

Melhores genéricos Anime Portugueses Parte 2

 

5# Oliver e Benji  (Captain Tsubasa)

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”hAShEnz1glk”]

 

Ano de estreia: 1983

Estação Televisiva Portuguesa: RTP1, RTP2, SIC, Canal Panda

Estúdio: Tsuchida Productions (High School! Kimengumi)

Artigos Relacionados: Captain Tsubasa

 


4# Pokémon

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”A04mciPZjWU”]

 

Ano de estreia: 1997

Estação Televisiva Portuguesa: SIC, Canal Panda

Estúdio: Oriental Light and Magic (Berserk, Utawarerumono)

Artigos Relacionados: Pokémon

 


3# Navegantes da Lua – Sailor Moon (Bishoujo Senshi Sailor Moon)

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”m2DLjPlLigk”]

 

Ano de estreia: 1992

Estação Televisiva Portuguesa: SIC, TVI, Canal Panda

Estúdio: Toei Animation (Dragon Ball Z, One Piece)

Artigos Relacionados: Sailor Moon

 


2# Dragon Ball GT

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”7LyNFxnv78w”]

 

Ano de estreia: 1996

Estação Televisiva Portuguesa: SIC, Canal Panda

Estúdio: Toei Animation (Dragon Ball Z, One Piece)

Artigos Relacionados: Dragon Ball

 


1# Digimon Adventure

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”kD7aFtmMcY4″]

 

Ano de estreia: 1999

Estação Televisiva Portuguesa: TVI, SIC, Canal Panda

Estúdio: Toei Animation (Dragon Ball Z, One Piece)

Artigos Relacionados: Digimon

 


Melhores genéricos Anime Portugueses – Menções honrosas

 

Dragon Ball Z

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”j_9XXk_rs9Y”]

 

Digimon Adventure – Encerramento

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”VR7c7_ofaf0″]

 

Samurai X – Abertura Nº 2

[youtube width=”560″ height=”315″ video_id=”U0e33pfs2lo”]

 

Revê a primeira parte do TOP de melhores genéricos Anime portugueses!

E para ti, quais os teus genéricos Anime portugueses preferidos?

 

4 comentários

Também deverás gostar de

4 comentários

Leandro Santos 23 Abril, 2016 - 22:19

vai-se desculpar mas o género de DBZ merecia figurar na lista 😀

de resto muito boas escolhas, Sailor Moon trás-me uma nostalgia enorme, tal como Oliver.
também adoro a musica d DBGT e acho que o anime não é tão mau como o pintam.

com isto fica provado que em Portugal se fazem coisas muito boas e que temos que dar mais valor ao que se faz por cá, e fica a pergunta no ar do porquê não se apostar mais em animes por estas bandas quando existe mau de obra capaz de fazer estas musicas e não só

Responder
Raquel Cupertino 24 Abril, 2016 - 19:53

O genérico de DBZ consta nas menções honrosas por impossibilidade de o inserir devido à regra que referi acima: Não foi contabilizado mais que um genérico dentro da mesma franquia; Entre DBZ e DBGT o último foi o escolhido e concordo contigo, não é tão mau como pintam, apesar de que sem dúvida gosto muito mais do anime DBZ.

Pois, infelizmente é uma dúvida da qual partilho contigo, com tantos bons atores, porque não fazer dobragens de qualidade como se faziam?

Responder
Vitor Hugo 24 Abril, 2016 - 21:34

Boa noite , pessoalmente não gosto de dobragens e se falarmos da de Dragon Ball parece que ridicularizam o anime. Até percebo que DBZ fosse um anime cómico mas os portugueses levaram longe demais e chega a ser infeliz alguns comentários extras que eles faziam . Quer queiramos ou não admitir, os nossos atores que dobram a voz nunca vão ter o mesmo carisma dos japoneses, portanto não vale a pena arruinar um anime com dobragens infelizes como a que foi feita com DBZ. Em relação á música apesar de serem músicas nostálgicas também elas não têm muito valor artistico a meu ver.
P.S Não sou hater do que se faz em Portugal , mas apenas vejo que em questão de música e cinema nós não temos qualidade nenhuma a não ser por raras excepções! Cumprimentos

Responder
Raquel Cupertino 24 Abril, 2016 - 22:22

Boa noite Hugo, Obrigada desde já pelo teu comentário.
Contrariando a tua opinião, achei a dobragem de Dragon Ball gloriosa! Isto porque os atores tiveram o cuidado de adaptarem a série ao país e aos meios que possuíam na altura. Nós temos meia de atores a dar voz a dezenas de personagens, atores pioneiros na dobragem de animação, e sobretudo animação japonesa, que possui um peso, uma carga dramática e uma qualidade bem superior às demais obras ocidentais transmitidas na altura.
Agora, há um ponto que concordo 100% contigo: há animes que não podem ser dobrados sob o risco de não só ridicularizarem algo que não deve ser amenizado, como acabarem por denegrir o trabalho dos seiyuu originais. No entanto, quando se trata de obras infantis, (Dragon Ball não o era, mas o público alvo na altura em que estreou em Portugal estipulou-se que era as crianças), deverá ser dobrado, pelo simples facto que as crianças não sabem ler legendas!
Terá que haver uma melhor gestão do que deve ou não ser transmitido e como, quando Portugal avançar nesse quesito, aí sim podemos afirmar que vamos num bom caminho na transmissão de cultura.

Responder

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.