Mix: Meisei Story – Análise

por Roberto Filho
Mix

Como o tempo passa rápido! Parece que ontem mesmo havíamos publicado as Primeiras Impressões de Mix, e agora, 24 episódios depois, cá estamos a analisar o anime por completo! Como será que os irmãos Tachibana se saíram?

 

Mix: Meisei Story - Análise

 

Miix: Meisei Story – Análise

Não vou investir tempo a falar do enredo, caso queiram saber qual é, é só ir às Primeiras Impressões! Vamos falar um pouco do ritmo e do desenvolvimento da história. Diferente de outros animes desportivos que eu já assisti, Mix desenvolve o seu tempo de uma forma diferente.

Logo nos primeiros episódios o tempo passa de forma muito acelerada. Temos uma introdução aos personagens e aos seus relacionamentos, mas rapidamente anos se passam, Touma e Souichirou deixam de ser alunos do 8º ano para entrar no 10º. Aqui a história começa de verdade, e é aqui que Touma começa a ser o pitcher oficial da equipa.

 

Mix: Meisei Story - Análise - Personagens

 

Alguns episódios são extremamente monótonos, a mostrar o dia a dia dos personagens, e a desenvolver os seus relacionamentos, alguns destes momentos são geniais e nos arrancam boas risadas. Quando entramos nas partidas de basebol, algumas acontecem de forma natural, outras nem importantes são, e eu arriscaria-me a dizer que somente duas são realmente importantes.

 

Um desenrolar amoroso

Por trás da história, entre as partidas de basebol, temos dois romances a acontecer, mas os Tachibana não são muito bons em entender isso. Otomi é o centro de disputa entre dois colegas de turma, porém ela realmente nem sequer percebe isso. Da mesma forma Haruka Ooyama chama a atenção dos membros da equipa de basebol, e de forma especial a atenção de Souichirou. A parte divertida: ela parece ter olhos somente para o seu amigo de infância Touma.

Acredito que Mix brilha nestes momentos, as conversas descontraídas, despreocupadas e perfeitamente possíveis no mundo real. Não esperem ver qualquer avanço ou conclusão neste sentido, os irmãos Tachibana ficarão ainda um bom tempo sem namorar com alguém.

 

Mix: Meisei Story - Análise - Romance

 

Uma sábia animação

Vamos falar um pouco da parte técnica, Mix por diversas vezes utiliza imagens estáticas ou de prédios ou de paisagens para ganhar frames. A animação não é espetacular, mas ela tem um bom e constante nível, não temos momentos a nos decepcionar. É nítido que os produtores escolheram bem as cenas que mereciam receber uma atenção especial e quais deveriam ser mais paradas.

Algo diferente, não mau, em Mix são os próprios jogos de basebol. Em animes com uma carga mais voltada para o shounen, nós vemos mais peso nos movimentos. Como Mix foca mais no drama, as cenas dos jogos são boas e fiéis, mas não exageradas! Quero comparar três gifs que mostram bem essa diferença:

Mix:

 

Mix: Meisei Story - Animação

 

Diamond no Ace:

 

Mix: Meisei Story vs diamond Ace

 

Major:

 

Mix: Meisei Story vs Major

 

O julgamento final

Por fim, já estou chateado de não ter mais Mix para ver toda semana. Mix era meu recanto, meu momento de descontração, uma história, nem um pouco pesada, super despreocupada que agradava meu dia. O meu parceiro antes de ir para cama, aquele que tirava todo o stress do trabalho e estudos. Não acho que vá ter uma segunda temporada, mas se tiver com certeza assistirei.

Antes de acabarmos tenho que fazer uma pequena crítica. Há algumas cenas de ecchi, que nem sequer chegam a ser ecchi. Totalmente desnecessárias, sem sentido e inúteis. Elas não acrescentam nem diminuem em nada Mix, então não deveriam estar lá.

 

Mix - Ecchi

 

Recomendo para qualquer um que gosta de algo leve e gostoso. Para aqueles que já assistiram, o que acharam? Partilhem connosco a vossa opinião!

 

Mix opinião

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.