Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

por Clarisse Silva
Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

Navillera é uma série coreana que estreou a 22 de março de 2021, que está disponível na plataforma da Netflix. Este k-drama adapta o webtoon Navillera: Like a Butterfly, escrito por Hun e ilustrado por Jimmy, e está publicado e disponível no site “Tapas“.

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

Conheci o manhwa (termo que designa a banda desenhada coreana) na aplicação da Tapas e chamou-me logo à atenção o contraste presente na sua capa, onde vemos um jovem bailarino e um idoso ao seu lado, a fazer um salto técnico de ballet.

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

 

História

Navillera: Like a Butterfly é um manhwa que nos ensina a não desistirmos dos nossos sonhos e a sermos persistentes. Ensina-nos a nunca desistir dos nossos objetivos, esforçando-nos constantemente, mesmo que haja obstáculos ou fracassos pelo caminho! Para além de fazer uma representação do ballet, este também nos apresenta o valor da família, dos amigos e dos inimigos que a vida nos apresenta.

Navillera aborda a história de Dukchul Shim, um homem reformado de 70 anos que, após o funeral do seu amigo, decide realizar o seu maior sonho: ballet. Ao longo da sua vida viveu preso ao desejo de um dia vir a aprender ballet. Essa paixão é concretizada ao conhecer Chaerok Lee, um jovem bailarino que o irá guiar nesta nova jornada.

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

 

Tal como a personagem principal, eu em criança sonhava em ser bailarina e por isso sempre fui apaixonada por ballet. Ao descobrir um manhwa sobre este desporto, fiquei de tal forma fascinada que saltei a descrição e comecei a ler os primeiros episódios grátis, disponíveis na aplicação.

Para quem ficar com curiosidade, a leitura dos quatro primeiros episódios é grátis e ajuda a perceber a história e a introdução das personagens principais. Atualmente, poderás ler um episódio grátis todos os dias, até aos últimos 34 episódios publicados. A partir daí tens de começar a gastar Ink (“energia”) em cada novo episódio que leres.

 

Navillera: Manhwa vs K-drama

Retrato do Ballet

Quando comecei a ler Navillera, pensei logo no facto que se tivesse adaptação em animação (como outros manhwas como “The God of Highschool”), que iria ser desafiante reproduzir os passos e movimentos de ballet. Ao descobrir a adaptação para k-drama fiquei muito satisfeita e com altas espectativas para a qualidade da história.

Ao longo de Navillera: Like a Butterfly, vemos a partir do desenho diferentes modos de representação dos passos de ballet e os movimentos dos bailarinos. Gostei muito do tratamento do traço e como às vezes se cria uma sequência de imagens, na tentativa de recriar um movimento mais complicado, para assim ser mais compreensível visualmente ao longo da leitura vertical do manhwa.

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

 

Posso-vos garantir que a nível da representação do ballet, o k-drama superou a qualidade da obra original. Não só conseguiu explorar ao máximo as técnicas de ballet através dos dois personagens principais, mas também a partir de outros bailarinos de diferentes idades que aparecem na série e dos espetáculos de ballet que são apresentados.

 

Navillera Like a Butterfly Dorama ou Manhwa – Qual o melhor?

 

No meu ponto de vista, Navillera ao abordar as técnicas de ballet consegue adquirir um ar mais fantasioso a partir do manhwa e uma realidade mais crua com a adaptação para telenovela. Não estivéssemos nós perante duas personagens com uma grande diferença de idades, o que nos leva a refletir mais sobre isso, ao ver atores reais a representar duas figuras fictícias.

 

Retrato da família e sociedade na coreia do Sul

Navillera é um manhwa direcionado a um público jovem e adulto, abordando temas dentro do ramo familiar, para além do ballet. Considero que a adaptação para telenovela explorou muito mais o retrato da família coreana e das relações no seio familiar, do que o manhwa.

No primeiro episódio do manhwa, vemos que o Sr. Shim tem uma família numerosa: três filhos e quatro netos. Quando comecei a ver a adaptação para telenovela/dorama, reparei que foram reduzidos os membros da família. Como li primeiro o manhwa e já conhecia as personagens, ao início senti estranheza e fiquei um pouco apreensiva. No entanto, ao longo dos episódios fui percebendo a estratégia que foi adotada.

 

Navillera Like a Butterfly Kdrama vs manhwa

 

A redução dos elementos originais da família no manhwa, permitiu no k-drama abordar e introduzir diversos temas dominantes no seio familiar. Notei que, por se tratar de uma adaptação com visão num público mais adulto, os problemas como discussões ou atritos familiares foram bastante explorados.

 

Navillera Like a Butterfly adaptação dorama

 

Posso-vos dizer que foi uma boa decisão para esta adaptação a redução das personagens, porque permitiu explorar mais a fundo a história de vida de cada elemento da família do Sr. Shim. Temos uma visão muito mais ampla do dia-a-dia, das dificuldades profissionais e familiares, tanto dos filhos como dos netos do Sr. Shim.

Foram exemplificadas as dificuldades em encontrar emprego pelos jovens, o trabalho precário e a exploração e desvalorização destes pela hotelaria. Estas situações são abordadas originalmente no manhwa através de Chaerok. No k-drama a neta de Shim é introduzida em situações similares, chegando a trabalhar no mesmo emprego, em conjunto com Chaerok.

 

manhwa Navillera sobre ballet

 

Retrato de problemas de saúde

Navillera: Like a Butterfly surpreendeu-me pela positiva por introduzir problemas de saúde que são comuns em bailarinos, como também na população em geral. (Estaria a dar-vos spoilers se dissesse quais são abordados no manhwa.) Apreciei o facto de serem mostrados estes problemas de saúde e as dificuldades por trás de cada um no manhwa, e de forma ainda mais expositiva no k-drama.

Fiquei surpreendida quando fizeram a introdução de um problema com o qual muitos casais lutam atualmente: a infertilidade. Este tema foi explorado a partir da filha do velhote Shim, sendo algo original criado no k-drama, visto que é um tema que não foi apresentado no manhwa Navillera: Like a Butterfly.

 

Navillera Like a Butterfly diferenças entre manga e live action

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

Personagens

Para além da família de Dukchul, na adaptação de Navillera também houve o corte nos bailarinos, que no manhwa frequentam a mesma academia que o Sr. Shim. Em contrapartida, foram adicionados bailarinos em certos momentos da história, que não apareciam originalmente no manhwa.

Como no manhwa Dukchul estabelece um laço de amizade com os bailarinos que frequentam a academia de ballet do Sr. Mun, senti que faltou esse ambiente de cooperação e amizade no k-drama. Todavia, neste é-nos apresentado situações de relacionamento e convívio entre o Sr. Shim e outros bailarinos da escola de dança de ballet.

 

Navillera Like a Butterfly Drama vs Manga – Opinião

 

Ao longo da leitura de Navillera: Like a Butterfly, achei interessante a forma como são introduzidos os filhos do Sr. Shim, e a maneira como eles interagem e se preocupam com os pais. Ao contrário deste, no k-drama mantiveram os filhos, mas cortaram a maioria dos netos. Isto permitiu mostrar mais a vida familiar não só do casal Shim, como o estilo de vida dos seus filhos e os seus problemas do dia-a-dia. (Não estaríamos a falar de uma série coreana, que tem o padrão de mostrar um pouco da sua sociedade e estilo de vida citadino).

 

Navillera Like a Butterfly Drama – Análise

 

O filho mais novo é um dos filhos que é mais explorado tanto no manhwa como no k-drama, a nível do seu trabalho, personalidade e pensamentos em relação aos acontecimentos que vão acontecendo ao pai. Todavia, reparei que no k-drama mudaram a sua profissão e a história do seu passado, realçando a dedicação e os falhanços que este passou no seu antigo trabalho.

Ao contrário do filho mais novo que apoia a decisão do Sr. Shim, o filho mais velho é uma das pessoas que recusa aceitar o facto de que o seu pai quer fazer ballet. Tanto no manhwa como no k-drama, há um grande atrito entre este e o pai. Para além disso, o filho mais velho torna-se uma representação da opinião pública coreana, pois as atividades mais comuns, aconselhadas pelas famílias para os idosos, são caminhadas, natação, aeróbica, gateball, entre outros desportos mais leves.

 

Navillera: Like a Butterfly Dorama Manhwa – Análise

 

Por último, no manhwa a neta mais velha de Shim é apresentada de uma forma simples e superficial, enquanto que no k-drama é mais explorada a sua personalidade, a amizade com Chaerok, e a sua rotina diária.

 

Drama Navillera personagens principais

 

Para além da família Shim, também se aborda o passado de Chaerok, sendo introduzidas personagens que representam os “inimigos” de Chaerok. Tanto em Navillera: Like a Butterfly como na sua adaptação são exploradas as dificuldades diárias do jovem bailarino, os atritos com o seu pai e os problemas que este tem com os seus antigos colegas de escola.

 

Navillera Like a Butterfly Drama vs Manga – Análise

 

Gostei muito de terem utilizado o Sr. Shim como uma ponte e um elo de união para a relação entre diversas personagens ao longo da história. Isto é, este é visto quase como um anjo da guarda, que está sempre lá para ajudar as pessoas no que precisarem.

 

Navillera - o passado de Chaerok

 

Navillera – Cenários

A escola de balé do Sr. Mun é num estúdio pequeno e com uma arquitetura que se assemelha ao interior de um apartamento, com tons frios e muita luz. Ao contrário deste, no k-drama o cenário está mais cinematográfico, pois a escola situa-se no interior de uma antiga igreja. Devido à pouca iluminação, o cenário torna-se mais enigmático e acolhedor.

 

Comparação Dorama Navillera com Webtoon

 

O segundo cenário que me surpreendeu pelas suas semelhanças com o manhwa, é a casa do Sr. Shim e da sua mulher. A arquitetura do exterior da casa está muito similar, enquanto que o interior já tem uma estética diferente. No manhwa o interior tem um ar mais moderno, mas na adaptação como se trata de uma casa antiga, o interior tem muitos dos traços tradicionais da arquitetura coreana.

 

 

Por último, a casa do Chaerok é diferente no k-drama, visto que mudaram alguns detalhes da história do passado do pai. Enquanto que no manhwa Sungwho vive sozinho num estúdio pequeno e faz diversos part-times para conseguir pagar a renda, no k-drama este vive sozinho no apartamento dos seus pais. Podemos ver logo no início do manhwa, que foram buscar referências ao passado de Chaerok, quando se mostra o interior do apartamento onde este vivia com os pais.

 

Cenários Navillera Drama Netflix

 

Navillera: Personagens vs Atores

A seguir irei apresentar-vos a minha opinião em relação a algumas das personagens e à escolha dos respetivos atores, tendo em conta as que considero mais pertinentes abordar e as que mais gostei da representação.

Dukchul Shim

O ator Park In Hwan, apelidado Shim Deok Chul no k-drama, representa a personagem Dukchul Shim de Navillera: Like a Butterfly. Ao contrário da personagem original, ao início achei que o ator era ligeiramente diferente, não só os seus traços faciais, como a sua estrutura física, sendo mais baixo e gorduchinho. No entanto, à medida que a ação ocorria fiquei rendida à atuação e representação do Sr. Shim pelo ator.

 

 

Chaerok Lee

O ator Song Kang, apelidado Lee Chae Rok no k-drama, representa Chaerok Lee. Na minha opinião, senti um pouco de estranheza ao ver pela primeira vez o ator. Achei que o ator não se assemelhava muito à personagem, pois senti a falta da aura do jovem rebelde que idealizei ao ler Navillera: Like a Butterfly. Não estou com isto a dizer que estes não se aparentam, mas o corte de cabelo do ator é ligeiramente diferente.

 

 

Posso dizer que os dois partilham os mesmos traços físicos de um bailarino, pois são os dois altos e musculados, e que o design da personagem que aparece no final do manhwa já se assemelha mais ao estilo visual do ator. Todavia, acreditem que vão ficar maravilhados com o espetáculo e danças de ballet que este ator vos vai apresentar. Fiquei parva com a técnica e precisão com que este reproduziu muitos passos de dança. Sem dúvida que é um excelente ator, cheio de talento!

 

 

Gyoungkuk Mun

O ator Kim Tae Hoon, apelidado Ki Seung Joo em Navillera, representa Gyoungkuk Mun, o dono da academia de dança de ballet, e antigo bailarino profissional. Achei que a personagem foi muito bem explorada a partir da escolha de ator e da sua excelente interpretação ao longo da série.

 

 

Sungkwan Shim

O ator Jo Bok Era, apelidado Shim Seong Gwan, representa Sungkwan Shim, o filho mais novo do casal Shim. Ao contrário da personagem do manhwa, o ator pareceu-me mais novo, para além de não usar óculos. Em contrapartida, a sua atuação explorou exatamente os traços psicológicos e pessoais que a personagem transparece no manhwa.

 

 

Eunho Shim

A atriz Hong Seung Hee, apelidada no k-drama como Shim Eun Ho, representa Eunho Shim, a neta mais velha de Dukchul Shim. É uma das personagens com quem o Sr. Shim tem uma ligação forte no manhwa, e esse elo é explorado ainda mais em Navillera. Apreciei o trabalho da atriz e a forma como esta encarnou a personagem, dando-lhe uma profundidade emocional que foi pouco explorada na obra original.

 

 

Navillera: Like a Butterfly Drama vs Manga – Análise

Observações finais

Por fim, quero referir que no k-drama Duckchul não faz com tanta energia os passos de dança como aparenta em certos momentos no webtoon, tendo em conta a dificuldade que seria de os executar na realidade. Mas garanto-vos que é uma delícia ver um idoso a tentar aprender ballet, e o esforço que este aplica nos exercícios para conseguir melhorar os movimentos ao longo do tempo!

 

 

Estaria a dar-vos spoilers de algumas partes da história, por isso fiquem a saber que vão haver momentos espetaculares e muito bonitos de ballet. Se já no manhwa se consegue perceber a união entre Dukchul e Chaerok, na adaptação de Navillera esse traço está ainda mais explorado e retratado.

 

 

Vou-vos dizer só que, o final do k-drama está de certa forma mais poético e subliminar, fazendo com que o espectador fique satisfeito com a conclusão da história. Eu própria não pensava que o manhwa tivesse continuação a partir daquele ponto, por isso aceitei muito bem a forma como terminaram a série de televisão.

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

 

 

Desculpem se vos dei alguns spoilers das personagens ou detalhes da história, mas espero que vos tenha deixado com curiosidade para ler ou ver a adaptação de Navillera! Recomendo ver este k-drama junto com a família, não se vão arrepender de conhecer esta história incrível e partilhar emoções fortes!

 

Navillera: Like a Butterfly K-drama vs Manhwa – Análise

Trailer:

 

 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.