Netflix abre departamento para produzir anime em Tóquio

por Maria J Oliveira
Netflix abre departamento para produzir anime em Tóquio

Desenhadoras Namiko Ishidate e Saina Cisse integram o staff

 

A revista de entretenimento Variety avançou há poucos dias que a Netflix abriu um “Salão de Criadores de Anime” no novo escritório da companhia em Tóquio. As artistas Namiko Ishidate (Penguin Highway, Giovanni no Shima) e Saina Cisse (Nisekoi, Puella Magi Madoka Magica Movie 3: Rebellion) integram a secção “Designer’s Garage” desta nova base, destinada a ajudar os criadores a desenvolver arte conceitual. O canal oficial da Netflix no Youtube publicou um vídeo em que N-Ko,  Vtuber (youtuber virtual) da companhia, serve de guia numa visita ao salão.

 

Netflix abre departamento para produzir anime em Tóquio

 

 

A base divide-se em três secções:

  1. uma de design para desenhadores e artistas,
  2. outra de escrita dedicada ao desenvolvimento e à edição de guiões e
  3. um espaço laboratorial onde são testadas novas técnicas como a realidade virtual e a captura de movimentos.

 

O produtor-executivo do departamento de anime da Netflix, Taiki Sakurai, desvelou a “Anime Creators’ Base” na publicação de um blogue; afirmou que o projeto tivera como inspiração Eizōken ni wa Te o Dasu na! (Keep Your Hands off Eizouken!), série animada realizada por Masaaki Yuasa e baseada no mango homónimo de Sumito Ōwara. Sakurai constatou que ficara “intrigado com a ideia de criar um espaço onde se podem reunir mentes criativas” e acrescentou que a base “me fez recordar que os processos criativos devem partir sempre da paixão e da busca de diversão”.

 

Netflix abre departamento para produzir anime em Tóquio

 

O anime surgiu assiduamente na lista de dez géneros de programas mais vistos mundialmente da Netflix em 2020. No ano passado, o seu consumo mais do que duplicou nos EUA.

A Netflix tem prevista a estreia de cerca de 40 títulos de “anime” este ano, o que representa perto do dobro das produções da fornada de 2020.

 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.