Nioh 2 – Jogo recebe Trailer de História

por André Rodrigues
Nioh 2 - Jogo recebe Trailer de História

Esta quinta-feira (23 de janeiro 2020), o canal oficial de YouTube da PlayStation Portugal começou a transmitir um novo trailer para o antecipado jogo da KOEI Tecmo, Nioh 2.

O vídeo antevê alguns momentos da história deste novo título.

 

Nioh 2 – Jogo recebe Trailer de História:

 

O jogo será lançado para PlayStation 4, no Japão, a 12 de março e, no resto do mundo, a 13 de março.

 

A PlayStation descreve o jogo:

Domina as letais artes dos samurais, encarnando um misterioso guerreiro Yokai, meio humano e meio sobrenatural, nesta desafiante sequela de RPG de ação.

Explora o violento Japão da era Sengoku e o letal Reino das Trevas, infestados por demónios grotescos e impiedosos.

Desembainha as tuas armas mortais e derrota todos os inimigos que se cruzarem no teu caminho, usando um renovado sistema de combate e a habilidade de te transformares num Yokai completo, libertando devastadores poderes paranormais.

 

Nioh 2 revela Data de Lançamento

 

primeiro jogo foi lançado para a PlayStation 4 na América do NorteEuropa e Japão, em fevereiro 2017. A KOEI Tecmo America lançou o jogo no PC, com as suas expansões DLC, com o título Nioh: Complete Edition, em novembro 2017.

 

A KOEI Tecmo Games Europa descreve-o assim:

No obscuro RPG de fantasia-ação Nioh, os jogadores vão atravessar um Japão devastado pela guerra como William, um espadachim loiro cujo background como um feroz guerreiro e conhecimento experiente da lâmina, permitem que ele sobreviva numa terra de samurai atormentada por demónios. Os jogadores vão defrontrar outros samurai em épicas batalhas de espadas e intensos envolvimentos multi-alvo que oferecem um nível de dificuldade que vão verdadeiramente testar as habilidades, paciência e estratégia dos mais veteranos samurai.

 


Artigos Relacionados:


 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Loading...

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.