O Japão não gosta de League of Legends?

por Daniel Silva
O Japão não gosta de League of Legends?

A Riot Games, empresa responsável pelo desenvolvimento de League of Legends, abriu servidor no Japão no dia 15 de Março de 2016. Meia década depois, esperar-se-ia que o jogo fosse extremamente popular neste servidor, especialmente pelo Japão ser um centro de videojogos. No entanto, isto nunca se verificou. Contra todas as expectativas e probabilidades, o servidor japonês continua a ser o menos popular de todos. Mas, porquê?

Ao que tudo indica, a maior razão, e portanto também o maior culpado, poderá ter sido a companhia Garena. Esta é uma distribuidora de videojogos, sediada em Singapura, que durante muito tempo foi o único local disponível para os jogadores japoneses. Porém, como é uma companhia independente da Riot, e apesar de implementar todas as patches, não tem necessariamente de fazer tudo o que a Riot faz. Ou seja, como está responsável pela distribuição do jogo, está também responsável pela sua manutenção (algo sobre o qual a companhia tem má fama).

Isto resultou em problemas de latência e em imensas vezes que o jogo não esteve sequer disponível para jogar. Para além disso, a Garena nunca implementou o sistema de penalização dos jogadores mais tóxicos, que são reportados por comportamentos negativos. Se jogar num servidor que tem este sistema em vigor pode muitas vezes levar alguém à loucura, imaginem numa selva sem regras.

Com a abertura do servidor oficial em 2016, a comunidade japonesa de League of Legends passou do Garena para lá. Mas como tinha crescido num ambiente tóxico, podem imaginar o desastre. Muitos jogadores ficaram desmotivados e acabaram por abandonar o jogo.

Esta está longe de ser a única razão, mas foi sem dúvida uma das mais cruciais. Podes conhecer aqui as restantes neste documentário:

 

 

Tudo o que sempre quiseste saber sobre League of Legends

League of Legends, ou LoL, tem sido o jogo mais jogado no mundo desde 2012. A Riot Games controla a cena dos jogos online há mais de meia década. Se te identificas como jogador, então já ouviste falar do LoL. League of Legends é um jogo complicado que tem uma curva de aprendizagem íngreme, mas com o conhecimento vem o poder.

League of Legends é frequentemente categorizado como um MOBA, ou arena de batalha online multijogador, mas League tem um monte de diferentes elementos de género. Os MOBAs normalmente têm componentes RTS, ou estratégia em tempo real, durante todo o jogo. Em resumo, League of Legends pode ser descrito como um MOBA que tem duas equipas, cinco jogadores cada, lutam entre si com um objectivo em mente. MOBAs, como League of Legends, muitas vezes requerem mais destreza e estratégia do que reacções de gatilho rápido.

 

Como jogas League of Legends?

League of Legends é um dos jogos mais aprofundados que existem e não é conhecido pela sua curva de aprendizagem superficial. É um jogo frustrante e implacável, mas pode ser muito gratificante ao mesmo tempo. Organizar estratégias e familiarizar-se com cada Champion são tarefas assustadoras. Com o tempo, os jogadores vão tirar novas estratégias e cair na norma, enquanto a diferença de competências continua a destacar-se. LoL é um jogo em constante mudança e essa é uma das principais razões pelas quais permanece no topo.

 

Categorias de Champions de League of Legends:

  • Assassins – Movem-se rapidamente e causam grandes quantidades de dano a um único alvo. Estes Champions são melhor usados para lutas rápidas e saltar para um lugar seguro.
  • Lutadores/Bruisers – Estes Champions podem criar e sofrer muitos danos. Os lutadores são excelentes em batalhas prolongadas.
  • Mages – Estes Champions são mais bem utilizados em cenários de distância. Se os mages estiverem bem protegidos, podem dar muito dano enquanto são invulneráveis a ataques.
  • Marksmen – Tal como os mages, os atiradores são melhor utilizados quando os danos são tratados à distância.
  • Suporte – O papel principal das personagens de apoio é amplificar os pontos fortes e habilidades dos seus companheiros de equipa.
  • Tanque – Estes são melhor implementados como uma “esponja de dano”.

 

Cada Champion tem um conjunto de habilidades ao seu dispor que permite criar diversas combinações. Há muita informação para absorver que pode deixar novos jogadores desconfortáveis. Os jogadores com milhares de horas entendem como cada Champion joga, quais são as melhores selecções para um jogo, e uma compreensão aprofundada da mecânica do jogo. Juntar cinco jogadores e esperar resultados é uma má escolha na Liga, pois há muito a considerar. Todos os Champions e jogadores têm um papel, e precisam de desempenhar esse papel na perfeição.

 

Principal Objectivo

Um dos principais objectivos é destruir estruturas inimigas como torres. As torres podem causar muito dano, e se não houver outros minions por perto, a torre tratará desse dano para aquele Champion. Os jogadores que atacarem um Champion inimigo sob uma torre inimiga tornar-se-ão o novo alvo dessa torre, desde que nenhum outro Champion aliado tenha ‘aggro de torre’. Quando atacam uma torre, os campeões precisam do maior número possível de minions a atacar. Se uma equipa destruir o inibidor de um inimigo, concederá um super-minion por cinco minutos.

 

Quais são os maiores eventos e/ou torneios?

O Campeonato Do Mundo de League of Legends é o campeonato profissional anual organizado pela Riot Games. No final de cada temporada, as equipas competem no campeonato pelo título.

De momento está a decorrer o Mid-Season Invitational (MSI), um torneio anual da League of Legends que se realiza desde 2015. É o segundo torneio mais importante do ano para além do Campeonato do Mundo.

Todas as probabilidades de apostas desportivas nestes torneios podem ser encontradas em Oddspedia.

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

PtAnime Twitter Giveaway 100 followers