Reportagem Central Comics Fest 2015

por Raquel Cupertino

O sábado começou solarengo por terras do douro. A camuflagem do local enganou momentaneamente, algum do público perdido por entre ruas e ruelas, até encontrar por fim a fantástica Casa das Artes do Porto.

Apesar da dificuldade em encontrar o local, não poderíamos estar mais surpreendidos face à qualidade e ambiente belíssimo do mesmo. Os extensos jardins repletos de sombras frescas tornavam-se um excelente atrativo para grandes piqueniques e… fotos com os cosplayers! E eles não se fizeram rogados! Desde cedo que os artistas da arte do fabrico de fatos e interpretação de personagem começaram a se acumular por entre o extenso jardim da Casa das Artes.

 

Central Comics 2015

 

Os dois dias do evento demonstraram-se calmos, tanto em termos de participantes como na organização das atividades. Sem a azafama habitual das convenções de cultura POP em torno das barracas de venda de merchandise associado, conseguia-se apreciar e usufruir, com espaço e atenção, todas as bancas e variedade em exposição no pequeno recinto dedicado ao evento.

O número reduzido de participantes das atividades foi colmatado pela paciência e fantástica colaboração quer do staff, quer dos próprios convidados, que se demonstraram incansáveis em promover o contacto e estabelecer o diálogo com o público.

Dos convidados presentes no evento, um especial agradecimento à fantástica atriz Cristina Cavalinhos que maravilhou o público na sua conferência de imprensa. A atriz falou do seu trabalho como dobradora de grandes personagens como Navegante de Marte (do anime Navegante da Lua) e Bulma (de Dragon Ball), da atualidade de dobragens de anime, bem como dos seus projetos atuais. A sua simpatia e paciência para responder aos fãs não passou despercebida, e com certeza foi uma das figuras de maior destaque do evento.

 

Central Comics Fest 2015

 

Cosplay e mais cosplay!

Se tivermos que nomear o ponto forte do Central Comics Fest 2015 esse será o vasto número de cosplay de qualidade! Rendidos ao belo jardim da Casa das Artes do Porto, os cosplayers apareceram em número significativo para inúmeras sessões fotográficas. Os fãs e curiosos não se fizeram rogados, pelo que aproveitaram tudo o que o espaço e ambiente descontraído fornecia, para tirar fotos com os seus personagens preferidos.

Mas não só de jardins foi feito o evento! O tão aguardado EuroCosplay fez as delícias de dezenas de cosplayers e fãs afincos que preencheram o auditório principal do Central Comics Fest 2015.

Os sete participantes rechearam a tarde de domingo com maravilhosas atuações. O vencedor da eliminatória do Eurocosplay de Portugal interpretou um militar do filme Aliens, com um fato bastante realista face aos usados no arrepiante filme. A divertida atuação da personagem Ezio Auditore, do jogo Assassin’s Creed, recebeu a menção honrosa. Como fãs incontestáveis de cosplay não ficamos indiferentes a atuações como a de Daenerys Targaryen, da série Game of Thrones, ou ao maravilhoso fato de Hatsune Miku.

 

[pp_gallery gallery_id=”11494″ width=”300″ height=”200″]

 

Uma equipa fantástica!

O ambiente familiar e amistoso não seria mesmo sem a fantástica equipa por trás do evento. Todo o staff demonstrou-se incansável em fornecer todo o tipo de ajuda ao público, sejam eles cosplayers, repórteres ou participantes, nenhuma ajuda era negada e todo e qualquer problema era imediatamente resolvido. O divertimento, claro está, era contagiante! Entre piadas e gargalhadas, seja no palco ou por entre corredores, a equipa demonstrou-se bastante acessível e bem disposta, longe da frieza e impessoalidade de outras convenções. O profissionalismo andou, assim, par a par com o ambiente acolhedor e amistoso que se perpetuou nos dois dias de evento.

 

Central Comics Fest 2015

 

Um espaço de culto

O espaço apesar de pequeno comparativamente a outros certames da cultura pop demonstrou-se adequado para o número de pessoas a circular dentro do espaço fechado. As fantásticas condições metrológicas foram um elemento decisivo na qualidade do evento. Com um magnífico jardim, o restrito espaço fechado em nada se demonstrou reduzido. Foi garantida a liberdade de movimentos e qualidade dentro e fora das quatro paredes da Casa das Artes, sendo que o número de pessoas a circular nunca se demonstrou em demasia em nenhum dos locais.

O ponto negativo poderá ter-se relevado um mal menor: o espaço dedicado aos jogos de tabuleiro e semelhantes, situado no andar a baixo, sentiu-se pouco acolhedor e um tanto ou quanto abafado para o número de participantes e curiosos, sobretudo no primeiro dia do evento. Apesar de se tratar de uma área teoricamente sossegada e longe da confusão das bancas de merchandise, a correria entre participantes dos jogos, curiosos e pessoas que queriam usufruir das casas de banho causaram alguma azáfama.

 

Central Comics Fest 2015

 

Central Comics Fest 2015 – Um certame que prima pela diferença!

Apesar dos elementos comuns com as restantes convenções, este demonstrou-se uma surpresa positiva no que diz respeito ao ambiente que se viveu no mesmo. Habituados à festividade pouco ou nada personalizada das habituais convenções de cultura POP, o Central Comics Fest 2015 foi uma derradeira lufada de ar fresco! Somos surpreendidos por um ambiente totalmente antagonista, sem correrias nem encontrões, onde conseguimos usufruir do espaço, conhecer pessoas novas e ainda desfrutar da companhia das mesmas num ambiente relaxado, num jardim esplêndido!

Para quem gosta da confusão e do frenesim dos demais certames, este sem dúvida alguma, não será o vosso evento de eleição. O objetivo do Central Comics Fest é exatamente marcar a diferença e reviver um pouco do sentimento de fraternidade e relaxamento dos eventos de antigamente.

 

Central Comics Fest 2015

 

0 comentário


Loading...

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.