Revolutionary Girl Utena anuncia novo Capítulo!

por João Simões
Revolutionary Girl Utena anuncia novo Capítulo Imagem

A edição de julho da revista Flowers, da Shogakukan, anunciou que o manga Revolutionary Girl Utena está de regresso para mais um capítulo. Este tem data de estreia marcada para 28 de julho, na edição de setembro da revista. A artista original, Chiho Saitō, está de volta para desenhar o manga.

A revista não menciona se o manga irá continuar para além deste capítulo.

 

Revolutionary Girl Utena anuncia novo Capítulo

 

O grupo de profissionais da indústria, Be-Papas, que é constituído pela própria Saito, Yoji Enokido (Bungo Stray Dogs, Star Driver), Shinya Hasegawa (Golden Time, Taboo Tattoo), Kunihiko Ikuhara (Sailor Moon, Yuri Kuma Arashi), e por Yūichirō Oguro (Revolutionary Girl Utena: The Movie), desenvolveu o manga e o anime ao mesmo tempo. O manga estreou na revista Ciao, da Shogakukan, nos inícios de 1996, e a editora compilou-o em sete volumes.

A Viz Media adquiriu a licença e editou-os no ocidente, sendo que, recentemente, lançou uma edição de colecionador que podem adquirir na Bookdepository.

 

 

Sinopse

Quanto Utena se encontrava no ponto mais baixo da vida dela, foi salva por um príncipe misterioso. Desde esse dia, ela prometeu que iria crescer não para ser uma princesa, mas sim para se tornar num forte e nobre príncipe! Enquanto percorre este caminho, e procura por este homem misterioso, Utena ingressa na prestigiosa academia Ohtori, onde acaba por ser desafiada a duelos pelos membros da associação de estudantes.

 


Revolutionary Girl Utena com lançamento Blu-ray


 

A série de 39-episódios foi, originalmente, transmitida em 1997Kunihiko Ikuhara (realizador de série de Sailor Moon, Penguindrum) realizou a série nos estúdios J.C. Staff. O anime protagonizou Tomoko Kawakami como Utena Tenjou, e Yuriko Fuchizaki como Anthy Himemiya.

 

Fonte: Anime News Network | Crunchyroll

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.