Chihayafuru | Episódio 15

por Renato Sousa
Chihayafuru - Chihaya Ayase

As Though Pearls Have Been Strung Across The Open Plain

Rivalidades e emoções fortes. Estas duas palavras descrevem sucintamente o que se passou no décimo quinto episódio de Chihayafuru, onde assistimos ao desfecho do embate Queen vs Ayase e não só!

 

Galeria de Imagens: Chihayafuru | Episódio 15

[pp_gallery gallery_id=”25531″ width=”230″ height=”150″]

 

O duelo de Karuta que nos colou ao ecrã no episódio anterior terminou com o resultado que se esperava. Vitória para Shinobu Wakamiya (Queen). Mesmo depois de ter consigo conquistar 2 cartas consecutivas, Chihaya já tinha perdido muitas cartas e virar este embate ao contrário era uma tarefa heróica. No entanto, esta ainda conseguiu conquistar mais algumas cartas, o que deixou a Queen pressionada e abalada.

A prova disso é na altura em que esta sai da sala, depois da vitória, determinada em verificar rapidamente o nome da sua adversária. Esta fica mesmo largos segundos parada em frente à mesa do sorteio com aquele sentimento de ameaça de derrota em futuros encontros contra Ayase.

Mas este encontro não deixou marcas apenas na Queen. A própria Chihaya também ficou bastante afetada com o desfecho deste encontro, mas de uma maneira mais positiva. Apesar da pesada derrota, esta está agora determinada em melhorar, tornar-se mais ágil, mais livre, para reagir mais rapidamente durante o jogo.

Um dos momentos marcantes do episódio é precisamente o que se passa a seguir. Taichi sai da sala à procura de Chihaya, pensando que esta já estivesse a dormir como é típico dela depois de um desgastante jogo de Karuta.

Para sua surpresa, Ayase está numa espécie de “transe” em que vemos as lágrimas (de extremo  cansaço???) a escorrerem dos olhos da rapariga, enquanto esta treina a rapidez do seu braço.

Sem Chihaya se aperceber da sua presença, o rapaz abandona o corredor para continuar a sua participação individual na competição dos jogadores de Classe B.

Daqui saltamos para a final dos A, onde temos a presença mais que previsível da Queen contra o nosso já conhecido Akito Sudo. Só nos são mostrados os últimos momentos deste embate, onde a Queen leva a melhor. Nas falas seguintes é possível captar que este era o último ano de competição de Sudo. Não é, infelizmente, perceptivel se este se referia ao Karuta em geral ou se á competição a que estamos a assistir, na qual existe um limite de idades. Espero que seja a segunda opção já que até que gostei desta personagem e vê-la mais vezes seria óptimo para a história.

Minutos depois, Kanade surge diante de Chihaya para bloquear mais um “transe” da criadora dos Mizusawa e avisá-la que Mashima conseguiu chegar à final na Classe B. Imediatamente estas partem em direção à sala do jogo, mas as coisas não correm muito bem. Mesmo com os restantes 4 elementos a torcerem fortemente (ainda que em silêncio) por Taichi, o cansaço deste já atingiu um nível muito elevado, o que afeta a concentração e o desempenho do rapaz, conduzindo-o à derrota.

Esta cena que dura ainda alguns minutos vem no entanto fazer um pouco de justiça para com esta personagem da série. Sempre vimos Taichi, e já o disse anteriormente, ser o pilar principal dos Mizusawa. Porém, raras são as cenas no anime em que ele se encontra numa posição de destaque em relação aos outros, sendo particularmente ocultado por Chihaya e Arata. Faz-se assim uma espécie de “acerto de contas” no que toca ao tempo de exibição de Mashima Taichi. Depois da derrota, este proporciona mais um momento de emoções fortes na série ao comover-se perante as lágrimas de tristeza dos seus amigos.

Como disse na introdução e agora relembro com mais detalhe, o embate entre Chihaya e a Queen, a parte pós-encontro destas duas, a admiração de Taichi perante os comportamentos de Chihaya e a final de Karuta da Classe B são, todos eles, momentos de grandes emoções.

Volto mais uma vez a Mashima para referir que este poderá ter reencontrado nesta final o caminho certo para ser um melhor jogador de Karuta no futuro. Com amigos talentosos como Arata e Chihaya, este nunca acreditou muito nas suas capacidades, mas daqui para a frente as coisas podem vir a mudar.

O episódio termina com os Mizusawa de volta aos treinos, na sua própria escola, debaixo do olhar da diretora. Mas estes não são uns treinos quaisquer! A equipa sente que um dos fatores que tem obrigatoriamente de melhorar é a capacidade física e, como tal, faz uso dos campos desportivos da escola.

Não esquecer também as rivalidades criadas entre Chihaya e Queen, e uma mais amigável como é o caso de Taichi e Nishida que querem chegar à Classe A e provar um ao outro quem é o melhor.

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.