Fate Zero | Episódio 13 [Final]

por Renato Sousa
Anime Fate Zero

Forbidden Banquet

Ryuunosuke e Caster têm uma longa conversa sobre Deus e a sua maneira de agir, o que irá levar Gilles de Rais a preparar um espetáculo demasiado perigoso, especialmente para os outros Servants. Enquanto isso, Waver e Rider debatem-se sobre a “compatibilidade” Master/Servant de ambos.

 

Galeria de Imagens: Fate Zero | Episódio 13 [Final]

 

 

Como diz no título, este é o último episódio da primeira temporada de Fate/Zero, e sem dúvida que terminou de uma forma um pouco desagradável para os fãs. Mais à frente já vamos perceber porquê.

Esta parte final começa com o aparecimento de um local chamado Okeanos, que Rider nos seus tempos de herói nunca conseguiu visualizar da melhor forma. Curiosamente, este tema irá cair em conversa entre Master e Servant numa parte mais à frente do episódio.

Algures numa loja, Waver encontra o livro “Alexander, The Great” e não resiste a dar uma espreitadela para tentar perceber algo mais sobre Rider. O Servant, ao perceber o que se passa, explica-lhe que ele lhe pode perguntar o que quer que seja sem hesitar em vez de andar a investigar nos livros. Ganhando coragem, o jovem confronta Rider com alguns pormenores engraçados mas também errados sobre a sua vida. Também o espanto transparece na cara de Waver, quando este percebe que Rider não se sente ofendido com a informação deturpada presente na obra.

Mais tarde, Waver põe ainda em causa se Rider será o Servant ideal para ele ou vice-versa. Isto porque Waver acha-se um Master patético para Rider, enquanto que este não vê as coisas dessa forma, não diretamente. Com o passar dos episódios, tem sido cada vez mais engraçado assistir à simplicidade com que Rider encara as coisas, e ao mesmo tempo às experiências e sentimentos de valor que este consegue transmitir.

O outro plano do episódio apresenta um fervoroso debate entre Ryuunosuke e Caster. Gilles de Rais tem uma interpretação bastante original de Deus e da forma de o venerar. Contudo, o seu Master analisa as coisas de maneira diferente, explicando a Caster que este pode venerar Deus através de orações ou através de blasfémias, dois planos completamente opostos.

Este fica encantado com a maneira de ver as coisas de Ryuunosuke e decide-se então por preparar uma surpresa para este e para Deus. Uma tremenda surpresa diga-se! Caster decide-se a convocar um monstro marinho de grande poder que irá provocar o caos e a destruição no planeta. A não ser que os outros Servants o consigam parar. É isso que Saber, Rider e Lancer vão tentar fazer depois de se aperceberem da gravidade da situação.

Como disse no início, este desfecho da primeira temporada acaba por desiludir um bocado os fãs, já que terminou numa parte daquelas em que nós queremos sempre ver o que vai acontecer a seguir. Mas pronto, resta-nos esperar por Abril do próximo ano para ver a continuação, que poderá vir a envolver neste combate contra Caster muitos mais Servants do que aqueles que surgiram neste episódio final. Despeço-me com o primeiro trailer da segunda temporada.

 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.