Spotify explica o porquê da remoção de músicas da plataforma

por Baltas
Spotify anuncia planos de lançamento na Coreia do Sul

O Spotify publicou uma declaração oficial a explicar porque centenas de lançamentos de K-Pop terem sido subitamente removidos do seu catálogo.

No dia 1 de março de 2021, os utilizadores do Spotify por todo o mundo aperceberam-se que várias músicas de K-pop já não estavam disponíveis na plataforma. Discografias completas de alguns artistas haviam desaparecido sem qualquer aviso, enquanto que alguns viram algumas das suas músicas removidas.

Mais tarde nessa mesma manhã, o Spotify anunciou oficialmente que o seu acordo de licenciamento com a distribuidora de música coreana, Kakao M, teria expirado, significando que toda a música distribuída pela agência deixaria de estar disponível no serviço.

 

Spotify explica o porquê da remoção de músicas da plataforma

 

Um porta-voz para o Spotify explicou:

Devido ao término do nosso acordo de licenciamento original com a Kakao M a 1 de março de 2021, não somos capazes de fornecer o seu catálogo aos fãs e ouvintes por todo o mundo.

 

Temos feito esforços em todas as direções durante o último ano e meio para renovar o acordo global de licenciamento para que pudéssemos continuar a música dos artistas da Kakao M disponível para fãs por todo o mundo, assim como para os nossos 345 milhões de utilizadores em 170 regiões diferentes. No entanto, apesar disto, fomos incapazes de chegar a um acordo quanto à renovação da nossa licença global.

 

O Spotify continuou a clarificar a especulação de que o término do seu acordo de licenciamento com a Kakao M não teria a ver com o lançamento recente do seu serviço na Coreia do Sul, que colocou o Spotify em competição direta com o próprio serviço de streaming da Kakao M, a Melon.

O porta-voz da empresa afirmou:

O tema do nosso acordo global de licenciamento não está relacionado com o lançamento do nosso serviço na Coreia do Sul.

 

Sentimos que esta situação é extremamente triste para muitos artistas, assim como para fãs e ouvintes por todo o mundo e esperamos sinceramente que sejamos capazes de solucionar rapidamente a situação atual.

Continuaremos a dar o nosso melhor para que possamos continuar a trabalhar com os detentores dos direitos coreanos, incluindo a Kakao M e ajudar o mercado da música coreana e o ecossistema geral de streaming a crescer em conjunto.

 

Devido à Kakao M distribuir uma grande porção da música coreana, (para referência, 37,5% da tabela de final de ano Top 400 Songs de 2020 da Gaon Chart, eram lançamentos da Kakao M) a perda do catálogo tem um impacto considerável no Spotify e nos fãs de K-Pop que utilizam o serviço.

Entre os artistas cujas discografias foram, no mínimo, parcialmente afetadas, estão:

  •  IU;
  • SEVENTEEN;
  • NU’EST;
  • MAMAMOO;
  • Epik High;
  • CL;
  • GFRIEND;
  • MONSTA X;
  • Apink;
  • The Boyz;
  • Sunmi;
  • (G)I-DLE;
  • LOONA;
  • SF9;
  • HyunA;
  • 4Minute;
  • VIXX;
  • INFINITE;
  • Dreamcatcher;
  • MOMOLAND;
  • ASTRO;
  • Zico;
  • Block B;
  • BEAST;
  • Jessi;
  • WJSN;
  • AOA;
  • BTOB;
  • Golden Child;
  • VICTON;
  • Lovelyz;
  • PENTAGON;
  • ONEUS;
  • Hyolyn;
  • KARD;
  • Brave Girls;
  • CNBLUE;
  • DIA;
  • Younha;
  • SECHSKIES;
  • E muitos mais.

 

>> Para mais notícias sobre K-pop, clica AQUI!

 

Para saberes todos os Comebacks de Março de 2021, clica AQUI! <<

 


Artigos relacionados:

Spotify lança oficialmente Serviço na Coreia

Spotify anuncia planos de lançamento na Coreia do Sul

Spotify revela Melhores Artistas Kpop de 2020


 

Fonte: Soompi

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.