Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack – Análise

por Bruno Sales

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack é o mais recente jogo para a Nintendo Switch da famosa franquia de jogos de ritmo Taiko no Tatsujin. Nesta edição de Taiko o jogador pode embarcar e explorar duas aventuras RPG, com os icónicos tambores Don e Katsu.

O jogo oferece ainda a possibilidade de jogar o modo tradicional arcade de Taiko, que conta com mais de 130 músicas incluindo novas adições como Gurenge de Kimetsu no Yaiba.

 

Em seguida podem ver as informações detalhadas sobre o jogo:

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack
Plataformas Nintendo Switch
Publicadora Bandai Namco Entertainment
Desenvolvedora Bandai Namco Entertainment
Género Música, Ritmo
Data de Lançamento 3 de Dezembro de 2020

 

Graças à Bandai Namco vamos assim poder analisar e dar-vos a conhecer o jogo Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack.

 

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack – Análise

 

Sempre fui um grande fã de jogos de ritmo, tento experimentado uma grande variedade deles, desde jogos arcade, de consola a jogos de telemóvel. Taiko não é exceção e experimentei grande parte dos lançamentos desta franquia nas consolas da Nintendo.

Enquanto assistia a um Nintendo Direct, a Bandai Namco anunciou um novo Taiko, e eu rapidamente fiquei entusiasmado com o lançamento de um segundo jogo da franquia na Switch. Porém, ao assistir ao trailer reparei que o “novo” jogo da franquia se tratava apenas de um port dos dois jogos lançados em 2013 para a 3DS, em exclusivo no Japão.

Embora se trate apenas de ports de um jogo da 3DS, esta é a primeira vez que o jogo chega ao ocidente e com tradução em inglês, pelo que é uma excelente novidade para qualquer fã ocidental da franquia.

 

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack - Análise

Ecrã de seleção de música

 

Em comparação aos jogos da 3DS, Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack conta com menus renovados, uma resolução superior e melhores texturas, oferecendo uma melhor experiência ao jogador no ecrã da Switch e na televisão.

Para combater a falta de músicas que são populares atualmente, a Namco Bandai adicionou 6 novas faixas ao jogo, incluindo a popular música de abertura do anime Kimetsu no Yaiba.

Infelizmente como se trata de um port dos jogos da 3DS,  o jogo não oferece qualquer conteúdo multijogador . Sendo esta uma desvantagem para os fãs que gostam de jogar o modo clássico do jogo contra os seus amigos no mesmo ecrã.

 

Modo História

 

O jogo Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack oferece dois modos história nunca antes disponíveis no ocidente, sendo estes intitulados de Don and Katsu’s Space-time Adventure e Dokodon! Mystery Adventure. Neste modo de jogo temos assim a possibilidade de seguirmos as aventuras dos tambores Katsu e Don enquanto tentamos salvar o mundo de estranhos eventos.

 

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack - Análise

Modo RPG do jogo

 

A jogabilidade deste modo faz muito lembrar os jogos RPG de captura de monstros, onde vamos melhorando a nossa equipa ao capturar e treinar monstros melhores. Porém, ao contrário dos outros jogos deste género, Taiko utiliza mecânicas de jogos de ritmo durante as batalhas contra random encounters e chefes.

 

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack - Análise

Modo batalha do jogo

 

Os dois modos história deste pack oferecem duas aventuras completamente diferentes que prometem várias horas de diversão ao jogador, enquanto tenta salvar o mundo de perigosos inimigos.

 

Rhythmic Adventure Pack contra Drum’n’Fun!

 

Rythmic Adventure Pack é o segundo jogo da franquia lançado para a Nintendo Switch após o lançamento de Drum’n’Fun em 2018. Ambos os jogos têm as suas vantagens e desvantagens e oferecem conteúdos completamente diferentes.

Por um lado, Rhythmic Adventure é focado nos modos história e em conteúdo single-player. Pelo outro lado, o jogo Drum’n’Fun foca-se em oferecer uma experiência multijogador, onde é possível jogar o modo clássico e os seus minijogos com amigos.

 

Modo clássico Drum n Fun

 

Estes são assim jogos da mesma franquia que se focam em oferecer uma experiência diferente entre si. Fazendo com que quem tenha um dois jogos possa adquirir o outro sem sentir que se trata do mesmo jogo com músicas mais atualizadas e usufrua de uma nova experiência.  Podendo até mesmo dizer que os dois jogos se completam um ao outro.

 

Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack – Juízo Final

 

Embora Taiko no Tatsujin: Rhythmic Adventure Pack seja um port de dois jogos da Nintendo 3DS de 2013, o jogo recebeu várias melhorias e adições para o tornar mais moderno.

Como ponto menos positivo, o jogo não oferece qualquer conteúdo multijogador nem mesmo no modo clássico, sendo difícil de recomendar para quem quer jogar Taiko contra os seus amigos. Sendo mais fácil de recomendar o jogo Drum’n’Fun para quem procura uma experiência multijogador.

Por outro lado, este é um jogo bastante fácil de recomendar para quem procura uma experiencia single-player e usufruir das mecânicas dos jogos Taiko num jogo ao estilo RPG.

 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.