TOP Recomendações Anime para S. Valentim | NETFLIX

por Pedro Costa
TOP Recomendações Anime para S. Valentim | NETFLIX

Cedendo às pressões sociais, aqui estamos nós para tentar apimentar o vosso São Valentim.

Acompanhados pela vossa cara metade, ou apenas pela vossa mente, a verdade é que certas datas evocam certos sentimentos e/ou predisposição para preencher o nosso tempo com arte temática. Apesar de todo o consumismo associado, São Valentim não escapa a este facto.

Posto isto, e porque queremos que estejam bem confortáveis em casa e evitem o caos colossal de restaurantes à pinha com ementas ditas amorosas mas suspeitosamente caras, decidimos conceber uma lista de recomendações anime, que podem assistir na NETFLIX, repleta de opções para as mais variadas emoções que acompanham o “veneno do cupido”.

 

Feliz São Valentim e NETFLIX & chill…

 

TOP Recomendações Anime para S. Valentim | NETFLIX

 

5 Centimeters per Second | Makoto Shinkai (2007)

Se ignorarem o “soco no estômago” que a vida desfere, é sem dúvida um belo exemplar e não só para a data.


5 Centimeters per Second | Análise


 

 

Boku Dake ga Inai Machi | Estúdio: A-1 Pictures (2016)

Mantendo-nos no tema de “young love”, temos aqui uma história não apenas enternecedora, como de arrependimento e lidar com “erros” do passado.


ERASED | Análise


 

 

Grave of the Fireflies | Isao Takahata (1988)

Opção pouco convencional eu sei, mas é sem dúvida uma escolha que vai abrir os vossos corações e expor a vossas emoções. (Conselho: VER ACOMPANHADO)


O Túmulo dos Pirilampos – Análise


 

 

Toradora! | Estúdio: J.C. Staff (2008)

Um dos melhores exemplares anime do género de romance! Sim, são 25 episódios, mas defendo que uma maratona de Toradora! tornaria o dia ainda mais especial e, quem sabe, iniciar uma tradição.

 

 

The Garden of Words | Makoto Shinkai (2013)

Poético, sentido e, de certa forma, “kinky” (vocês verão, embora possa ser apenas o meu humor quando se calhar devia levar o filme mais a sério)

 

 

The Girl Who Leapt Through Time | Mamoru Hosoda (2006)

Awww, juventude, último ano de liceu, verão, viagens no tempo… Ok este último não encaixa na receita do amor, contudo mexer com o tempo traz um monte de problemas, sobretudo quando quem mexe é jovem, cheio de vida, mas ainda inexperiente… É do Hosoda-sensei, façam favor de ver!


The Girl Who Leapt Through Time – Análise


 

 

Big Fish and Begonia | Liang Xuan e Zhang Chun (2016)

Um filme chinês aqui? Sim! Apesar da sua nacionalidade, Big Fish & Begonia é um filme de animação que eu considero querer honrar o famoso Studio Ghibli, pela animação e pela história. Para quem considera que o amor vai além do romântico, este filme oferece (também!) essa possibilidade. Alerta para muitas lágrimas no final.

 

 

Flavours of Youth | Li Haoling, Jiaoshou Yi Xiaoxing e Yoshitaka Takeuchi (2018)

Outro filme chinês? Bem, este aqui é uma produção chinesa-japonesa, pelo que ouvirão Mandarim e Japonês no mesmo filme. Esta obra divide-se em 3 histórias completamente diferentes sobre o amor romântico que vos deixarão com o coração apertado. Guardem lenços, vão precisar.

 

 

Shigatsu wa Kimi no Uso | Estúdio:  (2007)

Música, trauma e a jornada para a reabilitação movida por um amor jovem e “musical”. Esta recomendação é de caras, até o inconsistente algoritmo da NETFLIX era capaz de vos recomendar este.

 

 

Castlevania | Adi Shankar (Produtor Executivo) (2017-)

Deixei para o fim a escolha mais bizarra. Mas tenho vários motivos para esta recomendação: primeiro, uma história fantástica de vingança por amor, segundo é uma doce vingança e terceiro, nas cinzas de um amor, outro pode brotar. AH, e quatro, dada a origem da celebração do São Valentim, parece-me até o mais apropriado de todos!


Castlevania Netflix – Primeiras Impressões

Castlevania Temporada 2 – Análise


 

 


Sentes que a nossa concessão ao dia mais meloso do ano valeu a pena? Gostas das nossas sugestões? Deixa o teu comentário!

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.