World’s End Harem – Manga recebe novo Spinoff

por João Simões
World's End Harem - Manga recebe Anime em 2021

A conta oficial do Twitter de World’s End Harem (Shūmatsu no Harem), manga por LINK e Kotaro Shono, anunciou um novo spinoff.

Este é já o terceiro spinoff derivado de World’s End Harem, intitula-se por Shūmatsu no Harem: Britannia Lumiere e conta a história de “rapazes que batalham para encontrar a sua deusa”. Kira Etō e LINK estão a trabalhar no manga.

O primeiro spinoff, criado por LINK e por SAVAN estreou-se em 2018 e intitula-se por World’s End Harem: Fantasia. O segundo spinoff é derivado do primeiro, foi criado por Okada, estreou-se a 19 de Maio de 2020 e intitula-se por Shūmatsu no Harem: Fanatasia Gakuen (World’s End Harem: Fantasia Academy).

 

World’s End Harem – Manga recebe novo Spinoff

World's End Harem - Manga recebe novo Spinoff

 

O manga principal foi lançado em Maio de 2016 no website e app da Shueisha, Shonen Jump+. A editora lançou o 11º volume da obra a 13 de Maio (imagem acima). Recordamos que o manga está a inspirar uma adaptação anime que tem estreia marcada para 2021.

A marca da Seven Seas, Ghost Ship, licenciou o manga em inglês, tendo lançado o oitavo volume a 31 de março.

 

Sinopse via Ghost Ship:

O Man-Killer Virus é uma doença letal que erradicou 99.9% da população masculina do mundo. Mizuhara Reito tem estado em hibernação criogénica durante os últimos cinco anos, deixando para trás Tachibana Erisa, a rapariga dos seus sonhos. Quando Reito acorda do gelado sono profundo, emerge num mundo louco por sexo onde ele mesmo é o recurso mais precioso do planeta. A Reito e a outros quatro “garanhões” é dado vidas de luxo e uma simples missão: repovoarem o mundo ao engravidarem o máximo de mulheres possível! Tudo o que Reito quer, contudo, é encontrar a sua amada Erisa, a qual desapareceu três anos antes. Conseguirá Reito resistir à tentação e encontrar o seu verdadeiro amor?

 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.