Ahiru no Sora – Primeiras Impressões

por Roberto Filho
Ahiru no Sora - Primeiras Impressões

E começa uma nova temporada, eu estou particularmente animado para ela! Entre os grandes títulos que estarei a acompanhar, tento pegar alguma coisa mais tranquila, como fiz com Mix. Desta vez as minhas fichas estão apostadas em Ahiru no Sora. Já vi o primeiro episódio, será que apostei bem minhas fichas?

 

Ahiru no Sora - Primeiras Impressões - Protagonista

 

Ahiru no Sora – Primeiras Impressões

Eu nunca tinha havia ouvido falar de Ahiru no Sora, porém as imagens chamaram-me muita a atenção, quando vi o trailer pensei: ei, isso tem estilo! Não que seja extremamente necessário, mas acho que combina tão bem basquetebol com algo estiloso. Estiloso nas roupas, nos traços, algo chamativo, algo que me lembre Slam Dunk. Não lembrou, mas está bem fixe!

O primeiro episódio não lembrou-me Slam Dunk, e tenho certeza que nada no anime lembrará, mas lembrou-me Hinomaru Sumo. Não vi Hinomaru por completo, sei que é um ótimo anime/manga, e as semelhanças deste início chamaram-me muito a atenção! Ambos protagonistas não têm a estrutura, tamanho, corpo, que deveriam ter para o desporto, ambos clubes escolares são dominados por vândalos.

 

Ahiru no Sora - Primeiras Impressões

 

“Essas são minhas asas”

Vou destacar o trio, que eu acredito que serão os principais. Sora Kurumatani, nosso protagonista, pequeno, porém extremamente talentoso. Chiaki Hanazono, o preguiçoso, acho que não há forma melhor de defini-lo! Ele tem um corpo grande e é forte, mas para ele tudo é “muito esforço”. Madoka Yabuuchi, que parece ser o interesse amoroso de Sora. Ela é a estrela da equipa feminina de basquetebol, e mostra-se preocupada por Sora estar a relacionar-se com a perigosa equipa masculina.

Há ainda os quatro valentões, mas eles certamente irão tornar-se parte da equipa a amar basquetebol. Sora tem o sonho de ser um grande jogar de basquetebol, porque sua mãe foi jogadora, ao que tudo indica representante da equipa japonesa de basquetebol feminino. Além desde sonho ele herdou o ténis da mãe, ele insiste em dizer que eles são as suas ‘asas’.

 

Ahiru no Sora - Primeiras Impressões

 

O episódio em si

Gostei do que vi, entretanto tenho uma reclamação. A personalidades dos personagens é deixada clara desde o início, e isto é bom, pois assim já sabemos de quem iremos gostar e de quem não iremos gostar. Eu, por exemplo, sei bem que irei amar Chiaki, pois concordo com ele, tudo é “tanto esforço”. Sora é “para frente” o modelo Tsubasa de protagonista shounen, sabe o que quer e sabe que outros também podem amar basquetebol.

O meu problema com o episódio é que ele demora de mais para chegar na ação! Ele segue uma construção muito boa, um ritmo muito bom, mas a hora do “vamos ver”, a hora de finalmente jogar o jogo, de vermos como o anime nos apresentará os jogos, é muito curta. É lindo, eu gostei de mais da movimentação, dos efeitos, da leveza com que tudo acontece. Mas acabou rápido de mais, foi eficiente em fazer-me querer ver mais. Porém, de forma ainda mais forte, fiquei frustrado em não ver mais.

 

 

Agora fico na ansiedade de ver o próximo episódio e de ver como tudo irá desenvolver-se. O que estão a achar? Gostaram deste início de anime? Está fiel ao manga? Partilhem connosco vossa opinião!

 

 

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.