Manga Fairy Tail – Capítulo 426

Fairy Tail – Capítulo 426 – “Black Heart”

Os acontecimentos do capítulo passado deixaram em suspenso a possível narrativa composta pelas novas escolhas dos nossos protagonistas. Por um lado temos Natsu desejoso por voltar a reunir a guild com Lucy, Happy e Wendy a seguirem a demanda imposta pelo ruivo, e por outro temos uma Juvia destruída e um Gray diferente e aparentemente corrompido pelas trevas, o que acontecerá à Fairy Tail a partir de agora?

 

 

Sem ter entendido o discurso abstrato de Natsu, Lucy tentou saber mais sobre a próxima aventura. Sem se conter, o Dragon Slayer desabafa com os amigos sobre a mensagem deixada pelo Rogue do futuro. Um final apocalíptico protagonizado por Gray, num futuro que não era o deles no entanto encaminha a passos largos para o ser.

As manchas negras que surgiram na batalha contra Mard Geer levantam suspeitas quanto à origem do poder que Silver concedeu ao filho. Que tipo de poder e quais as consequências do Demon Slayer de Gray?

 

 

Não seria Fairy Tail se a esperança e amizade não fossem apeladas dos confins da Terra, de forma cega e ininterrupta pelo nosso alegre e confiante protagonista. Convicto que será capaz de trazer o amigo de volta à família, parte em direção à seita das trevas.

Em Avatar o cenário muda, uma atmosfera semelhante às míticas seitas religiosas perpetua no painel. Com rezas, aclamações e adorações mais ou menos sentidas, os membros da estranha guild começaram a surgir no plano. As convicções são variadas, uns verdadeiros seguidores da doutrina de Zeref, outros apenas por divertimento e ainda alguns com obscuras e secretas razões. As convicções de Gray são igualmente levantadas pelos novos companheiros. Num ambiente de tensão por uma suposta fuga de informação, o mago de gelo é apontado como principal suspeito, contudo cedo as dúvidas e incertezas se dissipam: o desejo do “antigo Gray” em destruir END perpetua-se, agora sob a forma de obsessão destrutiva. Poderá Natsu realmente salvar o amigo?

 

 

Num ambiente divertido e de duvidosa descontração, Avatar surge como uma guild pacífica, bem longe do estereótipo de guild das trevas, habitual da franquia. Um contraste bastante peculiar face os objetivos da mesma.

Natsu chega ao local, contudo não chega sozinho, mais um membro da Fairy Tail chega ao local, agora a representar o seu novo posto: Gajeel, o novo mago do concelho mágico!

 

 

 

Artigos Relacionados

Top Manga mais vendidos em 2021 – Devir

Solo Leveling – Manhwa poderá ter Anime [Rumor]

Prémios Anime e Manga Portugal 2021