Kuma Miko| Primeiras Impressões

por Raquel Cupertino

Título: Kuma Miko
Adaptação: Manga
Produtora: Kinema Citrus
Géneros: Comédia, Seinen
Ficha Técnica: Indisponível

 

Kuma Miko | Opening

“Datte, Gyutteshite.” – Maki Hanatani

 

 Kuma Miko | História

Uma aldeia na região de Tohoku, a norte do Japão, é conhecida pela sua relação próxima com ursos. E não é caso para menos, afinal esta aldeia foi “abençoada” pelos mesmos. E é aqui que a nossa protagonista se destaca: Machi, além de estudante, é também a sarcedotiza do templo dedicado ao clã de ursos-homens, Kumai. Além desta particularidade a jovem foi inclusive criada com Natsu, um urso com a capacidade de falar.

Agora com 14 anos, Machi deseja estudar na cidade e conhecer o mundo! Incapaz de compreender os básicos da sociedade humana, cabe ao carente e saudosista urso explicar-lhe como funciona o mundo além da montanha.

 

Kuma Miko - Ambiente

 

A premissa de Kuma Miko despertou o interesse pela sua irreverência. O género seinen captou inegavelmente a atenção do público, faminto por mais obras de teor adulto. Contudo, numa primeira instância, o título de seinen parece pouco justificado, defraudando aqueles que desejariam algo de conteúdo forte e adulto.

Mas então, do que se trata Kuma Miko?

O primeiro episódio reafirma a premissa de forma literal e adiciona o que pareceu ser a justificação do género onde Kuma Miko se encontra inserido – comédia de teor sexual.

 

Kuma Miko - Zoofilia

 

Não existe censura visual nem narrativa, o filtro restringe-se apenas ao básico da “censura japonesa anime”, pelo que as referências sexuais encontram-se como parte integrante da narrativa. A componente “adulta” da obra restringe-se a isso, pelo que tudo o resto é irritantemente cliché e vazio. Tudo parece surgir porque sim, as personagens manifestam os seus desejos de forma retórica, não há contextualização eficaz e o encadeamento é um mito. As constantes piadas e jogos entre Machi e Natsu possuem referências interessantes, não fossem elas demasiado forçadas para conseguir o efeito devido.

A comédia assume-se como o único objetivo deste primeiro episódio, sendo que todas as inserções aleatórias de personagens servem somente de um meio para atingir a um fim: uma desculpa plausível para inserir observações sexuais e comédia fácil.

 

Kuma Miko - Natsu

 

Kuma Miko | Ambiente

O ambiente é agradável, polido e com cenários bonitos, no entanto tudo se fica pelo mediano. O design das personagens é básico, sem se realçarem das demais produções dentro da mesma temática, ou com os mesmos intervenientes. A animação consegue-se sobressair nas reflexões individuais da protagonista, onde a conjugação entre enredo e imagem é oportuna e divertida. No entanto, com a excepção desses frames interativos, nada mais chama a atenção, sendo que tudo se fica pelo básico.

 

Kuma Miko - Ambiente

 

A banda sonora não é nada de especial em termos de musicalidade, ficando-se pelos habituais sons instrumentais usados em momentos de comédia e drama de programas televisivos. Em compensação, o voice acting dos protagonistas é de louvar, encontrando-se em perfeita sintonia com os personagens.

 

Kuma Miko - Questoes

 

Kuma Miko | Juízo Final

Kuma Miko é definitivamente uma animação de comédia. Sem grande margem para dúvidas, a série pretende divertir os espetadores com comédia fácil e sem qualquer tipo de censura ou preocupação em criar um enredo forte e sustentado.

Conseguirá concluir a demanda com sucesso? Bem, isso dependerá do gosto pessoal. São piadas fáceis, diretas, ou se acha graça ou não. Infelizmente, não há nada mais a retirar da obra, uma vez que inclusive os momentos de suposta carga dramática, são “desdramatizados” pelas próprias personagens.

Para quem gosta de comédias básicas, sem nada a acrescentar ao seu dia-à-dia, sugiro o test-drive a fim de descobrirem se esta série vos poderá agradar. Se contudo, apreciarem boas narrativas, inteligentes e recheadas de personagens com personalidade – fujam, há muito mais para ver dentro da categoria comédia.

 

 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.