Aoi Honoo – Manga termina ‘Primeira Parte’

por Pedro Costa
Aoi Honoo - Manga termina 'Primeira Parte'

Na passada segunda-feira (12 de outubro de 2020), a edição de novembro da revista Gessan (Monthly Shonen Sunday), da Shogakukan, publicou o capítulo final da “primeira parte” de Aoi Honoo (Blue Blazes), manga por Kazuhiko Shimamoto.

O manga prosseguirá com a “segunda parte” na edição de fevereiro da revista, em janeiro de 2021.

 

Aoi Honoo – Manga termina ‘Primeira Parte’:

Aoi Honoo - Manga termina'Primeira Parte'

 

Sinopse:

O drama de amadurecimento é um relato ficcional dos anos de universidade de Shimamoto-sensei, no início dos anos 80. O manga centra-se em Moyuru Honoo, um estudante de primeiro ano de uma certa grande universidade de belas artes em Osaka. Cheio de paixão e ambição, ele jura tornar-se um mangaka ao mesmo tempo que mantém interesse em tornar-se animador.

O manga é notável pela inclusão de versões ficcionais de alguns dos membros fundadores do estúdio Gainax – incluindo Hideaki Anno, Hiroyuki Yamaga e Takami Akai — já que Shimamoto-sensei andou com eles na Universidade de Artes de Osaka. (Nota: A própria Gainax fez um OVA do manga de Shimamoto-sensei, “Honoo no Tenkousei”.)

 

Aoi Honoo - Manga termina'Primeira Parte'

Kazuhiko Shimamoto

 

Kazuhiko Shimamoto lançou o manga na revista Weekly Young Sunday (Shogakukan) de 2007 até ao encerramento da revista em 2008. Foi serializada na publicação spinoffSpirits Zokan YS Special, antes do manga ser movido para a sua “nova casa”, Gessan (Monthly Shonen Sunday).

O Ministério da Cultura Japonês nomeou o manga como um dos Trabalhos Recomendados por Júri na divisão de Manga dos 13.º Japan Media Arts Festival Awards, em 2009. O manga foi igualmente nomeado para os 3.º Manga Taisho Awards no ano seguinte.

 

O manga inspirou uma adaptação em série live-action em 2014.

 

Fonte: Anime News Network

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.