Faleceu Machiko Kyo – Reconhecida Atriz Japonesa

por Usagi Wright
Faleceu Machiko Kyo - Reconhecida Atriz Japonesa 1

A atriz japonesa Machiko Kyo, estrela de filmes de lendários diretores japoneses incluindo Akira Kurosawa (Rashomon), Kenji Mizoguchi (Ugetsu e Street of Shame) Yasujirô Ozu (Floating Weeds) e Teinosuke Kinugasa (Gate of Hell), faleceu aos 95 anos de idade.

 

Faleceu Machiko Kyo – Reconhecida Atriz Japonesa

Faleceu Machiko Kyo - Reconhecida Atriz Japonesa

 

Machiko Kyo faleceu no domingo, devido a insuficiência cardíaca, no hospital de Tóquio, segundo o Studio Toho.

A artista iniciou a sua carreira como dançarina e showgirl na agora extinta Daiei Co. em 1949, onde os seus encantos chamaram a atenção do presidente e produtor Masaichi Nagata, que a preparou e lançou para a fama.

Masaichi Nagata, com quem ela se envolveu de forma romântica, produziu o filme ‘Rashomon’ de Akira Kurosawa (1950), no qual a Kyo atuou como a esposa do samurai de Toshiro Mifune. ‘Rashomon’ venceu o Leão de Ouro no Festival de Veneza no ano seguinte, ajudando a introduzir o cinema japonês para um público global.

 

Faleceu Machiko Kyo - Reconhecida Atriz Japonesa 2

 

A atriz atuou noutro filme da Daiei/Nagata, ‘Ugetsu’ do diretor Mizoguchi, que conseguiu o Leão de Prata para diretores, em Veneza em 1953, e é ainda agora considerado uma das peças definidoras da Idade de Ouro do Cinema Japonês. O par romântico da Kyo também estava por trás do filme ‘Gate of Hell’  (1953), de Teinosuke Kinugasa, onde ela esteve presente, e que foi o primeiro filme japonês colorido a ser exibido internacionalmente. Ganhou ainda o Grand Prix em Cannes em 1954 e no ano seguinte um Óscar honorário de melhor filme em língua estrangeira. A categoria oficial ainda não havia sido estabelecida.

O número de prémios conquistados pelos filmes em que Machiko Kyo atuava no estrangeiro fez dela a “atriz do Grande Prémio” no Japão. Em 1956, ela trabalhou ao lado de Marlon Brando, que apareceu como um habitante local de Okinawa em ‘yellowface’, como uma gueixa na comédia de Hollywood, ‘The Teahouse of the August Moon’.

Durante a década de 1950, Machiko Kyo apareceu em ‘Odd Obsession’ e ‘Floating Weeds’, de Ichikawa, ambos em 1959. Embora menos ativa nas décadas seguintes, a atriz continuou a trabalhar com os seus 80 anos, aparecendo no drama televisivo ‘Haregi Koko Ichiban’ da emissora pública NHK, em 2000.

Em 2017, recebeu um prémio pela sua carreira na cerimónia do Japan Academy Prize.

 


É com grande tristeza que noticiamos este óbito e oferecemos os nossos mais sinceros sentimentos aos familiares e amigos de Machiko Kyo. Jamais esqueceremos tudo aquilo que ela realizou durante toda a sua carreira que contribuiu para a ascensão do cinema japonês a nível mundial.

 

Fonte: Hollywood Reporter

 

0 comentário


Loading...

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.