KAI – The 1st Mini Album – Análise K-POP

por Baltas
"KAI - The 1st Mini Album" Análise K-POP

Depois de muito tempo, estou de volta para mais uma análise a um álbum. Como já foi explicado no artigo anterior, esta análise é feita aos olhos de um ouvinte e apreciador de K-Pop. Não sou músico, nem tenho qualquer formação em música.

Nesta análise darei a minha opinião quanto às várias músicas presentes neste mini álbum e, caso exista, do MV da música. Após análise individual a cada uma, será feita uma geral.

Neste artigo, o álbum selecionado é o “KAI – The 1st Mini Album” do Kai.

 

KAI – The 1st Mini Album – Análise K-POP

"KAI - The 1st Mini Album" Análise K-POP

 

01. Mmmh

 

A faixa principal deste EP e que faixa principal! Logo ao início, o Kai quer mostrar quem manda e lançou-nos esta bomba.

O MV mistura um conceito futurista com a sensualidade que o Kai coloca em cima da música. Podemos ver cenários que parecem de outro planeta com tecnologia inexistente. Um dos cenários faz-me lembrar um pouco o estilo steampunk.

O Kai é conhecido pela qualidade das suas atuações e a coreografia desta música é mais uma prova disso. Uma batida trap com uma melodia mais groovy, combinados com os vocais fazem uma excelente mescla.

O aparente abrandamento e retoma para um ritmo estonteante fazem a diferença nesta espetacular música de estreia do artista.

 

02. Nothing On Me

 

Sensualidade é um tema recorrente neste mini álbum e mesmo sem MV, todas as músicas possuem uma pitada disso, como é o caso de “Nothing On Me”. Basta ouvir quando o Kai diz “I want nothing on me but you” seguido de um drop absolutamente impressionante, agressivo mas direto ao assunto.

Vai com calma homem…

Fiquei fascinado com a aparente distorção que foi colocada no instrumental, acho que fica mesmo muito bem. Chamo também à atenção para as notas altas que o Kai consegue atingir!

 

03. Amnesia

 

Esta música é absolutamente hipnotizante. Perdi a conta das vezes que ouvi isto de olhos fechados e senti que era transportado para uma outra dimensão. Penso que os vocais do Kai chegam ao pico nesta faixa, ele esmerou-se. O sintetizador que é colocado numa frequência mais alta encaixa tão bem nisto, parece impossível.

Os adlibs que o membro dos EXO acrescenta são a cereja no topo do bolo. Uma pessoa não consegue aguentar com tanto.

Penso que também se deve referir o lado romântico do Kai quando temos as seguintes linhas:

  • Forget about the me before I knew you;
  • My memories are filled with you;
  • Can’t remember anything before ya.

 

04. Reason

 

Penso que o instrumental mais dark desta música faz com que ela se destaque das restantes. Com uma batida inspirada em hip-hop, o ritmo acelerado combina com a coreografia energética que é possível ver no vídeo “FILM: KAI“. Aqui penso que podemos sentir a versão mais original do Kai, um dançarino puro no seu habitat natural.

 

05. Ride Or Die

 

Não sei qual é o instrumento de cordas que é usado na instrumental desta música (ou se será criado em computador), mas fica fantástico e dá uma sensação incrível de profundidade.

Pelo que sei, esta música foi produzida por um grande produtor de K-R&B, Cha Cha Malone. Não conheço muito sobre ele mas gostei do seu trabalho aqui. Acho que esta música conta também com um aspeto mais retro que me interessa bastante. Juntamente com “Amnesia“, estas duas são as minhas b-sides favoritas deste mini álbum.

Tal como o título da música sugere, deixem-se levar por esta beleza.

 

06. Hello Stranger

 

Na minha opinião, esta faixa foca-se mais na qualidade da voz do Kai apesar de ter um instrumental muito bem construído. Tal como outras, volta a ter o R&B como fonte de inspiração.

Esta música conta com uma parte mais relaxante ao início, transitando posteriormente para algo mais animado na segunda metade.

 

O EP a Nível Geral – Conclusão

Uma estreia há muito esperada. Se valeu a pena esperar quase meio ano desde que a estreia foi anunciada? Meu Deus, se valeu. Há muito tempo que esperava esta estreia em específico e ainda por cima com o conceito que foi escolhido.

Acredito que graças a este álbum, o Kai provou que é mais do que apenas um grande dançarino como muita gente pensava  – e que não seria mais do que apenas isso. Anos de experiência como dançarino principal, sub-vocal e sub-rapper nos EXO e mais recentemente nos SuperM ajudam a demonstrar, juntamente com este mini álbum, o quanto este artista amadureceu e cresceu.

No entanto uma coisa é certa, vai ser difícil igualar ou até superar a qualidade do álbum de estreia pois para mim, a fasquia já foi colocada extremamente alta. Dou os meus parabéns ao Kai, à SM e a todos os que estiveram envolvidos na criação e desenvolvimento do mini álbum de estreia dele.

 

As minhas músicas favoritas?

  • Mmmh;
  • Amnesia;
  • Ride Or Die.

 

E vocês, o que acharam deste mini álbum? Quais foram as vossas músicas preferidas? Comentem abaixo!

 

>> Para mais notícias e artigos sobre K-pop, clica AQUI

 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.