Fist of the Blue Sky Regenesis – Vídeo Promocional

por João Simões
Fist of the Blue Sky Regenesis - Vídeo Promocional

Começou a ser transmitido um pequeno teaser para a adaptação anime de Souten no Ken (Fist of the Blue Sky), manga de Buronson, Nobuhiko Horie, e Tetsuo Hara, que terá como título Fist of the Blue Sky Regenesis.

O anime tem data de estreia marcada para abril de 2018, na temporada da primavera.

 

Fist of the Blue Sky Regenesis – Vídeo Promocional

 

Kouichi Yamadera regressa para interpretar o papel de Kenshiro KasumiYoshio Kazumi (diretor de episódios de Ajin) vai realizar este título na Polygon Pictures, Satoshi Ozaki está a tratar da supervisão da série e a escrever os guiões. Kazuma Teshigahara (Street Fighter IV: The Ties That Bind) e Hiromi Satō estão a desenhar os personagens.

 

Fist of the Blue Sky - Manga recebe Novo Anime

 

O manga, que é uma prequela à famosa série Hokuto no Ken (Fist of the North Star), é escrita por Buronson-sensei com o Nobuhiko Horie e a arte é feita por Tetsuo Hara. A obra foi lançada a maio de 2001, no primeiro fascículo da Weekly Comic Bunch da Shinchosha e continuou até a revista parar a publicação em agosto de 2010. A Shinchosha publicou a série em 22 volumes compilados.

O manga foi adaptado a série anime de 26 episódios, em 2006.

 

Gutsoon! Entertainment publicou parte da manga em inglês. Eles descreve a história:

É pouco tempo antes da Segunda Guerra Mundial e o Kasumi Kenshiro está escondido como professor de literatura numa pequena faculdade para mulheres em Tóquio. Antes ele era o 62º Grand Master do Hokuto Shinken (God Fist of the North Star), também conhecido como Yan Wang ou “O Rei da Morte”, que preservava a paz na “Cidade dos Demónios”. O Kasumi procura anonimato, mas a morte do seu amor e dos seus irmãos obriga-o a regressar a Shanghai para cumprir o seu destino e vingar a morte da sua família.

 

Fonte: Anime News Network

 

Comentários via Facebook
0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.