Sword Art Online: Alicization – Análise

por Roberto Filho
Sword Art Online: Alicization - Análise

Como tudo o que faz dinheiro não acaba, cá estamos nós com mais uma análise de Sword Art Online. Enquanto as light novels, mangas e jogos venderem, novas temporadas teremos!

 

Sword Art Online: Alicization – Análise

Como deixei claro na minha última análise, sou fã da franquia, gosto muito do universo e da escrita de Kawahara. Tentei ler todo o arc Alicization antes do anime, mas não consegui! Mesmo assim farei algumas ponderações quanto à adaptação.

 

Sword Art Online: Alicization - Análise

 

Sword Art Online: Alicization – Contexto Light Novel

Alicization ocorre após o filme Ordinal Scale, isto dentro do universo do anime. No universo da Light Novel, onde Ordinal Scale não existe, é uma continuação direta de Mother’s Rosario, é em Alicization que a história fica muito maior, tanto em relevância quanto em quantidade.

Comparação Anime —- > Light Novel (LN)

  • SAO 1ª Temporada —> LN volumes 1 ao 4 (e 8)
  • SAO 2ª Temporada —> LN volumes 5 ao 7 (e 8)
  • SAO 3ª Temporada —> LN volumes 9 ao 14
  • SAO 4º Temporada (Já confirmada) —> LN volumes 15 ao 18 (ou talvez mais)

 

Sword Art Online: Alicization - Análise - Batalha Kirito

 

Com o esquema acima podemos ter uma ideia de quanta informação há nesta terceira temporada! O volume 8 da LN é composto por diversas histórias que acontecem entre Aincrad e Pós-Phanton Bullet. Coloquei que talvez a 4ª temporada adapte mais volumes, isso devido os volumes 19 e 20 serem histórias que aconteceram antes de Alicization ser finalizado.

 

Welcome to Project Alicization

Vou tentar resumir, de forma a não dar muito spoiler, do que se trata Alicization. Digamos que é possível fazer um scanner à alma humana e com isso criar uma cópia digital dela. Digamos que é possível criar um mundo, com essas cópias digitais de almas, e que elas viveriam e envelheceriam igual às almas normais. Então essas cópias iriam viver, reproduzir-se e criar “almas digitais originais”.

Após ser atacado no mundo real, Kirito acorda num lugar desconhecido, ao perceber que se trata de um mundo digital este começa a procurar uma saída. Nesse mundo, chamado Underworld, Kirito encontra Eugeo, e não sabe dizer se é um NPC (Non-Player Character/Personagem não jogador) ou um usuário. Kirito e Eugeo decidem ajudar-se: Kirito quer encontrar algum administrador e Eugeo quer encontrar Alice, a sua amiga de infância.

 

Sword Art Online: Alicization - Análise - Protagonista

 

 

“… não foi feito para ser jogado.”

O grande desafio de toda a saga SAO, e com certeza o que mais tira o sono de Kawahara: Como trazer o sentimento de perigo. Logo no primeiro volume Akihiko Kayaba, criador de Aincrad, disse: “Isto, pode ser um jogo, mas não foi feito para ser jogado”.

O grande tema de SAO é o facto de que, mesmo num mundo virtual, a sua vida corre perigo, há um risco real de morte para Kirito. Em Fairy Dance há a urgência do resgate, em Phantom Bullet, novamente o risco de morte é real. Em Alicization deve haver algo que traga esse sentimento de risco e urgência. (Aqui, já peço desculpas, pode ser que seja um leve spoiler.) Quando Kirito percebe que Eugeo e os outros não são NPCs, mas sim “almas digitais” ele encara-os como iguais.

 

Sword Art Online: Alicization - Análise

 

Para Kirito, se alguém naquele mundo morrer, seria a mesma coisa que Asuna morrer. O que Kirito não sabe é que o seu corpo, no mundo real, está a ser tratado para que ele sobreviva ao ataque. Então, caso Kirito morra, ele morre na vida real também. Isso é o que, em Alicization, cria o sentimento de perigo e urgência.

 

Novo mundo, novas regras

Em SAO cada jogo tem as suas regras, Sword Art Online usava armas brancas e Sword Skills, Alfheim Online o sistema de voos e magias, em Gun Gale Online as armas de fogo.

Underworld tem como objetivo reproduzir um mundo o mais humano o possível, então é muito focado no uso das armas brancas e nas Artes Sagradas. Para os habitantes de Underworld, as Artes Sagradas são como uma magia concedida àqueles que praticam e se submetem à Igreja. Para Kirito é claro, as Artes Sagradas são Comandos de Sistema que são ativos segundo o nível de Autoridade que cada um tem.

 

Sword Art Online: Alicization - Análise - poderes

 

Underworld foi construído com base na Semente (The Seed), um pacote com todos os dados e programação de Aincrad. Desta forma muitos detalhes de Underworld são iguais aos de Sword Art Online, no caso das Sword Skills, de uma forma mais amena, mas elas estão lá.

 

Juízo Final

Não quero alongar-me mais do que já estou. Então resumirei alguns detalhes.

Animação: Está a brilhar! Alicization tem algumas das cenas mais fortes da franquia, tanto que houve a necessidade de censura.

 

 

Banda Sonora: Gostei, mas nada espetacular, as músicas de OP e ED eu prefiro as das outras temporadas.

Por fim, Sword Art Online tentou manter o nível da franquia, mas não conseguiu! Ao ter espremido muito a história das LN para contar somente a parte importante, Alicization parece corrido e perdido no seu objetivo. Somente a partir de metade é que começa a criar uma estrutura boa. E, infelizmente, apenas a encontramos no seu momento final.

Os últimos episódios são excelentes, eles sim, dão-nos vontade de continuar a ver. O que é muito frustrante! Pois o último episódio é muito bom, mas não acaba! A 4ª temporada já está marcada e promete ter um clima muito mais frenético! O que me deu a impressão da 3ª temporada ser uma grande introdução de 24 episódios.

 

 

Mas digam-me, o que acharam de Sword Art Online: Acilization? Estão a gostar? Partilhem connosco a vossa opinião!

 

 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.