Higurashi no Naku Koro ni Gou Episódio 17 – Opinião

por Arthifis
Higurashi no Naku Koro ni Gou Episódio 17 – Opinião

Portanto, o episódio 17 de Higurashi no Naku Koro ni Gou foi ainda mais esquisito do que os anteriores. Estou só a adivinhar, mas penso que o episódio começa como a obra original acabou. Isto é, Miyo confessou o seu plano, o irmão de Satoko aparece na clínica a ser tratado e até existe um homem (que nós nunca vimos nesta sequela) a ser preso por fazer parte do fenómeno do síndrome de Hinamizawa.

 


Podes consultar AQUI todas as opiniões semanais de Higurashi no Naku Koro ni Gou.


 

Higurashi no Naku Koro ni Gou Episódio 17 – Opinião

Na realidade, se não soubéssemos que ainda existem alguns episódios para a acabar a sequela, até podíamos pensar que este era o último episódio. Todos sobreviveram à noite do festival e a Rika, juntamente com os seus amigos, parecem finalmente conseguir usufruir de um dia pacífico. No entanto, ao longo do episódio, podemos ver algumas sementes plantadas que demonstram que existe algo mais do que aparenta à superfície. Principalmente quando Rika se pergunta se existe alguém para além dela a mexer com o destino – estava correta.

 

 

Não sei bem o que os autores irão fazer com isto, mas ter a Satoku como a mastermind de tudo é completamente surpreendente. Quero dizer, nunca pensei nela como a vilã principal do Anime. Talvez esteja possuída e as suas ações não provêm propriamente da sua cabeça. No entanto, a rapariga tem de facto um motivo visto que disse várias vezes que não queria que a Rika se fosse embora da aldeia. Desta forma, é possível que ela tenha alguns problemas de attachment (provavelmente por causa daquilo que passou no passado) e por isso faz tudo o que está ao seu alcance para ficar com Rika. Mesmo que isso signifique trazer a amiga novamente para loop terrível que a fez querer ir embora.

Gostaste do episódio 17 de Higurashi no Naku Koro ni Gou? Diz-me tudo nos comentários. 😊

 


Artigo originalmente escrito no meu blog pessoal – Animeshelter

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.