JoJo’s Bizarre Adventure – Parte 6 recebe adaptação Anime

por André Rodrigues
JoJo's Bizarre Adventure - Parte 6 recebe adaptação Anime

Este domingo (4 de Abril 2021), no decorrer do evento especial “JoJo’s Bizarre Adventure the Animation Special Event ~JOESTAR Inherited Soul ~” foi revelado que JoJo’s Bizarre Adventure: Stone Ocean, manga de Hirohiko Araki, vai receber uma adaptação anime!

Um poster para a série também foi revelado.

 

JoJo’s Bizarre Adventure – Parte 6 recebe adaptação Anime

 

Poster:

JoJo's Bizarre Adventure - Parte 6 recebe adaptação Anime

JoJo’s Bizarre Adventure – Parte 6 recebe adaptação Anime

 

Adicionalmente, foi confirmado que Fairouz Ai vai dar a voz à protagonista desta parte, Jolyne Cujoh!

 

 

Stone Ocean é a 6ª parte de JoJo’s Bizarre Adventure e ocorre após os acontecimentos de Golden Wind. A obra passa-se em 2011 e centra-se em Jolyne Cujoh, a filha do protagonista de Stardust Crusaders (Parte 3) Jotaro Kujo, que após ser acusada de homicídio e enviada para prisão tem que enfrentar um  ex-seguidor de Dio.

 


O manga de Stone Ocean foi serializado entre 1999 e 2003, tendo sido compilado num total de 17 volumes!

JoJo's Bizarre Adventure - Parte 6 recebe adaptação Anime

 

JoJo’s Bizarre Aventure foi criado em 1987 por Hirohiko Arakai e publicado na Shounen Jump. É, no momento, o segundo manga mais longo ainda a decorrer na revista com mais de 100 volumes publicados.

A série conta a história da família Joestar que tem um destino ligado a lutar com diversos inimigos. A obra é dividida em 8 partes das quais cada uma delas segue uma geração diferente da família Joestar. Até ao momento apenas 5 partes foram adaptadas para anime, tendo a última parte, Golden Wind, terminado em julho de 2019.

 


Artigos Relacionados:


 

Fonte: Anime News Network

 

1 comentário


Também deverás gostar de

1 comentário

Stefano+Barbosa 4 Abril, 2021 - 17:43

impressão minha ou esse anime influenciou o RPG Vampiro ?

Responder

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.