K-Pop – O Melhor do Mês de Março 2018

por Nayuki
MAMAMOO lançam primeiro Teaser do Comeback de Verão

Olá amigos e fãs de K-pop aqui presentes! Eu sei, era suposto haver um artigo deste tipo todos os meses, contudo a minha vida atribulada às vezes faz com que não tenha muito tempo para ouvir as novidades.

Eu ouço K-pop todos os dias durante as diversas atividades quotidianas que realizo. Simplesmente a minha playlist é aquela do Spotify com músicas de mil novecentos e bolinhas. Tirando os lançamentos dos grupos mais famosos, raramente exploro mais os lançamentos. Como já mencionei nos dois artigos do género que fiz,  não gosto de chegar aqui e dar-vos uma lista só de artistas mainstream. O universo do K-pop é tão vasto e existe tanta coisa boa!

 

K-Pop – O Melhor do Mês de Março 2018

 

JooYoung – Dive

Como eu estava a dizer no começo do artigo, sempre que faço esta lista encontro artistas que me deixam rendida. É o caso de Jooyoung. Não conhecia este menino da Starship Entertainment e este mês ele lançou o seu segundo mini-álbum Fountain. Adorei a vibe de Dive e certamente vou continuar a acompanhar o trabalho dele!

 

J-hope – Airplane

Não devia ser necessário falar do J-hope nesta lista, mas ao mesmo tempo acho justo pronunciar-me sobre a sua mixtape Hope World. Adorei todas as músicas, mas entre Daydream – que explodiu na comunidade – e Airplane, a segunda leva o meu coração.

 

Mamamoo – Starry Night

Um dos meus grupos femininos favoritos voltou. E que volta. Provavelmente a música que mais ouvi durante março. Sem contar que o MV está estupidamente bonito. As paisagens captadas, a interação com a natureza e os planos estão deslumbrantes.

 

Sojung (Ladies Code) – Stay Here

Não acompanho o trabalho das Ladies Code muito menos individualmente, mas fiquei curiosa com o trabalho da Sojung e adorei este tema em particular.

 

Heize – Jenga

Eu já tinha ouvido músicas “soltas” da Heize algumas vezes e confesso que normalmente não dou tanta atenção a artistas a solo. Mas claramente tenho de mudar isso. O quarto mini-álbum dela está tão incrível que escolher apenas uma música foi quase impossível. Vou colocar aqui na lista Jenga, mas prometam-me que vão ouvir pelo menos a Didn’t Know Me. 

 

Got7 – Look

Sabem uma coisa engraçada? Já ouvi quase tudo dos GOT7 e mesmo assim sinto uma certa distância do grupo. Tirando o meu casamento com o Jackson – embora ela não saiba disso – não os acompanho assiduamente. Ainda assim, Look fez sucesso facilmente.

 

Wanna One – Boomerang

No começo dos mês coloquei “I.P.U” na lista de menções honrosas (fim do artigo), mas entretanto saiu Boomerang e eu senti necessidade de partilhar o meu amor novamente por estes meninos. Uma pessoa pisca os olhos e o MV fica com dez milhões de visualizações.

 

Monsta X – Jealousy

A capacidade dos Mosnta X para criarem músicas que grudam na cabeça é algo sobrenatural. Adivinhem quem estava ansiosa pelo lançamento do álbum The Connect? Eu e vocês todas, eu sei.

 

Stray Kids – District 9

Acompanhar este grupo desde o debut é um orgulho tão grande que só quem é fã de coração percebe. O segundo mini-álbum “I am not” chegou e vai ser a minha companhia nas próximas semanas. Se achavam que Hellevator era fora, aguentem agora District 9!

 

Samuel – ONE

Segundo mini álbum do Samuel e continuo a ouvir bastante as suas músicas. O ritmo contagiante de ONE e a sua letra ficaram-me na cabeça facilmente. Recomendo que ouçam o álbum inteiro.

 

Menções honrosas:

 

Se quiserem podem ouvir todas as músicas indicadas na playlist que criei no Spotify – ou pelo menos aquelas que encontrei na plataforma..

 


Artigos recomendados:


 

0 comentário

Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.