SEVENTEEN – “24H” é o 4º Álbum Consecutivo no Topo da Oricon

por Baltas
SEVENTEEN - "24H" é o 4º Álbum Consecutivo no Topo da Oricon

O mais recente álbum japonês “24H” é o 4º álbum consecutivo dos SEVENTEEN no topo das tabelas da Oricon!

De acordo com um relatório da Oricon na manhã do dia 15 de setembro de 2020, o segundo mini álbum japonês dos SEVENTEEN intitulado de “24H” ocupou o 1º lugar na tabela semanal de álbuns da Oricon (para a semana de 7 de setembro a 13 de setembro). A primeira semana de vendas para o álbum também ultrapassou 240 mil unidades, sendo esta a primeira vez que o grupo atingiu as 200 mil vendas durante a primeira semana com um mini-álbum.

 

 

Para além disso, “24H” é o álbum que se seguiu ao sexto mini álbum coreano dos SEVENTEEN intitulado “You Made My Dawn“, terceiro álbum de estúdio “An Ode” e ainda o sétimo mini álbum “Heng:garæ” para se tornar no quarto projeto consecutivo do grupo a atingir o 1º lugar na tabela semanal de álbuns da Oricon.

O mini-álbum “24H” dos SEVENTEEN inclui a faixa-principal com o mesmo nome, contando ainda com as versões japonesas da música da unit vocal “Pinwheel“, a da unit de atuação “247“, a da unit de hip hop “Chilli” e “Together” que faz parte do sétimo mini-álbum coreano “Heng:garæ“.

Os SEVENTEEN são um grupo masculino de 13 membros, composto por S.coups, Wonwoo, Mingyu, Vernon, Woozi, Jeonghan, Joshua, DK, Seungkwan, Hoshi, Jun, The8 e o Dino, que fez a sua estreia no dia 26 de maio de 2015 sob a gerência da empresa Pledis Entertainment.

Parabéns aos SEVENTEEN!

 


Clica aqui para saberes todas as Novidades sobre os SEVENTEEN!


 

>> Para mais notícias sobre K-pop, clica AQUI!

 

Para saberes todos os Comebacks de Setembro de 2020, clica AQUI! <<

 


Artigos relacionados:

SEVENTEEN estarão no Music Station pela 1ª Vez

SEVENTEEN imitam-se ao Trocar de Posições de “Left & Right”

I-LAND – SEVENTEEN visitam o programa


 

Fonte: Soompi

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.