Hori-san to Miyamura-kun OVA – Análise

por Raquel Cupertino
Hori-san to Miyamura-kun OVA - Análise

Nome: Hori-san to Miyamura-kun
Tipo: OVA com 3 episódios
Estúdio: Hoods Entertainment
Data de estreia: 26 setembro de 2012 – 25 de março de 2015

 

Hori-san to Miyamura-kun trata-se de um OVA de três episódios que adapta o web manga com o mesmo nome, do autor HERO.

Hori-san to Miyamura-kun – Sinopse

Kyouko Hori é uma estudante de prestígio que esconde o seu “outro lado”. Hori, além de ótima aluna, toma conta dos irmãos e das lides domésticas. Uma dona de casa que, por esse motivo, não pode socializar com ninguém fora da escola.
Enquanto isso, o colega de turma otaku e anti-social, Izumi Miyamura, é também ele uma pessoa completamente diferente do que aparenta…

Por acaso do destino, HoriMiyamura acabam por se conhecer extra-escola e aos poucos uma relação pura e sem máscaras começa a nascer entre os dois.

 

Hori-san to Miyamura-kun OVA - Análise

 

Hori-san to Miyamura-kun OVA – Enredo

O enredo é relativamente simples e a forma como este é apresentado é concisa e bastante interessante. A história começa in media res, um dia depois do fatídico encontro entre Hori e Miyamura. No início, Hori encontra-se reticente face à presença do recatado Miyamura como colega de turma, escondendo de todos que os dois se conhecem. Aos poucos vemos que ambos começam a interagir mais e mais, de forma natural. À medida que esta aproximação cresce, também novos colegas começam a entrar na bolha outrara composta pelos dois protagonistas. Com o número de personagens a aumentar, as situações adquirem um tom mais forte e com princípio, meio e fim.

 

Hori-san to Miyamura-kun OVA - Análise

 

Uma vez que apenas possui três episódios era de prever que não iriam adaptar os 10 volumes que a web manga possui. Em vez disso, decidiram selecionar os melhores momentos dos protagonistas antes de iniciarem uma relação amorosa.

Foi uma escolha inteligente e souberam muito bem pegar nesses mesmos momentos. As personagens possuem personalidades características, marcantes, capazes de criar elas mesmas o enredo onde estão inseridas. Podemos dizer que em Hori-san to Miyamura-kun não é o meio que cria as personagens mas as personagens que criam o meio.

 

 

Tal estratégia obrigou-os a usar e explorar ao máximo as personagens num curto espaço de tempo, o que foi, sem dúvida, arriscado. Para os protagonistas correu bem, para os personagens secundários nem tanto. Há personagens que simplesmente “surgem” no ecrã e começam – do nada! – a interagir com os protagonistas e a fazer parte do grupo dos mesmos. Em manga até que pode ser mais natural, em anime é só estranho.

No entanto, acredito que os produtores tivessem isso em mente, uma vez que o primeiro episódio do OVA começa com as personagens a ridicularizar o facto do apresentador do anime ser uma personagem que nem aparece.

 

 

Ambiente – Primeiro estranha-se depois entranha-se

Acho que é a melhor frase que posso usar para descrever o ambiente e a animação de Hori-san to Miyamura-kun. Ao início pode parecer uma animação relaxada, sem pormenor, com menor qualidade. Os traços das personagens são simples, sem pormenores, as suas cores parecem ser monocromáticas.

No entanto, depois de 10 minutos, conseguimos perceber que existe algo de muito bom naquela arte mais simplista e que não é a falta de qualidade. Na verdade em termos de iluminação e composição visual este OVA é muito bom! Conseguimos ter vários momentos em que tudo é tão perfeito que o nível do OVA sobe automaticamente na nossa consideração.

 

 

Contudo, os backgrounds são de facto reduzidos ao mínimo e, não poucas vezes, inexistentes. O que acaba por levar a um contraste demasiado acentuado entre bons enquadramentos e cenários demasiado simples.

Em termos de banda sonora foi simples. Sonoridades compostas por melodias orquestradas sem nada que nos ficasse no ouvido. No entanto, o voice acting e a gestão de som foi bastante boa e adequada a cada momento.

 

 

Hori-san to Miyamura-kun OVA – Juízo Final

Pessoalmente, sou grande fã da manga que o autor HERO se encontra a publicar, baseada na obra que deu origem a este OVA. A história é a mesma pelo que assistir em animação tem sempre o seu encanto. No entanto, também me desiludiu em alguns pontos. É um OVA que sabe a pouco, não porque está mal construído, mas sim porque poderia ser tão melhor! E mesmo sem conhecerem nada sobre a história acabarão por partilhar da mesma opinião que eu. Aguardo pelo dia em que adaptem a manga na integra (mais explicações AQUI) e mostrem a qualidade desta história!

Até lá, temos estes 3 adoráveis episódios que não nos enchem o coração mas aquecem um pouco a alma.

 

 


Sugestões de artigos:

Hori-san to Miyamura-kun – 3 Obras 1 História

Noites de Manga

Recomendações Manga Natal 2017 – Raquel Cupertino

Recomendações 4-Koma Manga 2017 – Raquel Cupertino


 

 

0 comentário


Também deverás gostar de

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.